ZTOP+ZUMO

Números enormes: a disputa das baterias

Vida de dono de smartphone significa viver no limite da bateria (pelo menos é o meu caso). Comprar baterias extras – ou “powerbanks”- é algo comum e, pelo menos duas fabricantes oferecem modelos de capacidade razoável para três ou mais recargas em qualquer lugar, longe da tomada, com preço muito interessante: Asus e Xiaomi.

O design das duas fabricantes é muito parecido: peças únicas e sólidas com acabamento em alumínio e detalhes em plástico, recheadas de íons de lítio.

A Xiaomi oferece a sua Mi Power Bank de 10.400 mAh (número proporcional à marca: 3,4 cargas completas no Redmi 2, com bateria interna de 2.200 mAh) e a Asus, sua ZenPower de 10.050 mAh (ou 2 cargas completas no Zenfone 2 de 3.000 mAh).

Preços sugeridos? R$ 99 para o da Xiaomi (em todas as cores que quiser, desde que sejam prata), R$ 98 na da Asus (em prata, rosa, dourado, preto e azul). Ambas vêm com um cabinho microUSB para USB (fácil de perder, por sinal).

Na prática, óbvio, você pode usar qualquer uma com qualquer smartphone (ou tablet) que quiser.

Colocando as duas lado a lado (a da Mi eu ganhei no lançamento da marca no fim de junho – por isso o “Eu fui”, a da Asus, no do Zenfone 2 semana passada), dá pra perceber que, apesar das capacidades muito parecidas, a da Xiaomi é um tanto mais larga – cerca de 1,8 cm e pesada – 35 gramas a mais). 

Medidas oficiais: 90,5 x 59 x 22 mm, 215 gramas na Asus; 90,5 x 77 x 21,6 mm, 250 gramas na Mi.

baterias xiaomi asus - 2

Comparando com uma caneta Bic: baterias xiaomi asus - 3

A parte de conexão/recarga é muito similar entre a ZenPower e o Mi Power Bank: uma entrada microUSB para recarga de bateria, uma saída USB para recarga do smartphone, botão de liga/desliga do indicador de carga. Ambas dizem ter inúmeros modos de proteção do dispositivo para maior segurança (11 na Asus, 9 na Xiaomi).

Aperte o botão, os LEDs se acendem para indicar o nível de carga da bateria (4 luzes: forte / 3 luzes: bom / 2 luzes: médio / 1 luz: ruim / 0 luz: nada). A Xiaomi cita o botão como algo para “reiniciar” o processo.
baterias xiaomi asus - 4

Mas como o diabo está nos detalhes, existem outras diferenças – quase imperceptíveis ao comprador – entre os dois produtos. A da Mi tem os 10,400 mAH (ou 37,44 watts/hora), entrada de 5,0v/2,0A e saída de 5,1V/2,1A. É um grande tijolão aparentemente inviolável:

baterias xiaomi asus - 5

baterias - 1 (1) baterias xiaomi asus - 7

Já a da Asus tem sua capacidade nominal um pouco menor (10,050 mAh), seguindo o padrão “não tem o que fuçar aqui dentro, cai fora cara”. Capacidades: 36 watts/hora, entrada de 5,0v/2,0A e saída de 5,1V/2,4A (o que fornece ao modelo maior velocidade de recarga num smartphone).

baterias xiaomi asus - 8baterias - 1

Em tempo: qual comprar? Soa ridícula minha resposta (ainda mais com preço tão similar): a que você conseguir comprar/encontrar (visto que os concorrentes grandes cobram muito mais caro). Cá entre nós, eu acho a da Asus mais bonita e mais fácil de carregar no bolso (errr).

A Xiaomi vende a sua somente (por enquanto) nos seus estranhos Eventos de Venda semanais  no site direto (a partir de 25/8) – em pacote com o Redmi 2 ou a Mi Power Bank sozinha e a Asus tem pra vender no site/loja online (os estoques oscilam entre indisponível e disponível – vale checar o site à noite).

Vale a tentativa: Asus | Xiaomi

Nosso astuto leitor Leonardo lembrou que a TP-Link também tem um powerbank de 10.400 mAH… com duas portas USB! Seu preço sugerido no varejo é de R$ 150, em média.

Captura de Tela 2015-08-24 às 17.20.38

E nosso amigo Samir “o louco do PowerBank” tem uma da Samsung (Battery Pack de 5.200 mAh) que é do tamanho de um Galaxy S6 Edge (incluindo as bordas curvas e bem mais leve: 143 gramas. Não sei o preço dela no Brasil). Aqui ela junto da Xiaomi e da Asus.

20150824175446 (1) 20150824175446

Em tempo: fique esperto que voar com muitos PowerBanks na mala significa ter que carregar na bagagem de mão (e não despachar junto com sua roupa suja). Lá fora, a FAA (a ANAC dos EUA) já tem suas regras para baterias portáteis de íons de lítio.

Bônus track: algo a mais no modelo da Asus é um bumper opcional (=capinha/camisinha de borracha) que protege a bateria externa de riscos/arranhões. A minha trouxe de Taiwan na Computex (era de um modelo anterior da ZenPower de 6,510 mAh), mas a Asus promete vendê-la por aqui também como acessório (preço sugerido: R$ 14,99, deve aparecer no site nos próximos dias, segundo a Asus Brasil).

Benefícios? Escorrega menos na mão…

baterias xiaomi asus - 9 baterias xiaomi asus - 10

e escorrega menos quando o telefone está em recarga. O contato da traseira do smartphone (genericamente falando) com a superfície de alumínio dá uma sensação esquista, confesso. A capinha de borracha minimiza bastante isso.

baterias - 2 baterias - 3

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • Leonardo Carneiro 24/08/2015, 15:34

    Salve Henrique, entre os modelos bons e baratos, faltou falar o da TP-Link, que está na mesma faixa de preço. Eu comprei um Sony de 3.000 mAh por 70 cunhas. Proporcionalmente é caro, mas o tamanho dele é ótimo para minha esposa carregar no jaleco enquanto carrega o iphone (não rola deixar iphone carregando em algum balcão em hospital por aí).

    • Henrique Martin 24/08/2015, 17:14

      não sabia que a TP-Link tinha powerbank – ótimo saber (sou mega fã deles!)

      • Welington Souza 25/08/2015, 22:15

        Eu tenho uma e gosto demais dela! Além das duas saídas, ela tem um ledzinho para usar como lanterna nas emergências! Comprei por indicação do GordoGeek!

      • Welington Souza 25/08/2015, 22:15

        Eu tenho uma e gosto demais dela! Além das duas saídas, ela tem um ledzinho para usar como lanterna nas emergências! Comprei por indicação do GordoGeek!

    • dflopes 25/08/2015, 08:04

      ele tem o benefício das duas portas USB, mas cobra 50,00 a mais por isso.

      • Leonardo Carneiro 25/08/2015, 08:26

        O preço de tabela é um pouco mais salgado, mas sempre aparece uma promo onde ele fica na faixa dos 100~110 tb. Mas se os outros baixarem qdo estiverem em promo tb, daí fica a critério do bolso.

  • Saulo Benigno 24/08/2015, 21:40

    Henrique, você diz “a da Mi eu ganhei no lançamento da marca no fim de maio”, mas na bateria tem “20 de junho” 😉

    Gostei da bateria da ASUS, menor no tamanho, mas pelo mesmo preço acho que vou pela que tem carga maior. Mas, a carga maior de saída também me fez pensar nela… que escolha difícil ahha

    Fui no site da ASUS procurar para ver o frete e não tem nada no site todo sobre ela só achei pesquisando.

    • Henrique Martin 24/08/2015, 22:06

      dãaa pra mim, é junho mesmo. confundi! obrigado!

  • dflopes 25/08/2015, 08:23

    Possuo uma da Sony de 3.2Ah e carrega apenas 70% do iPhone 6 da esposa ou 80% do meu Galaxy K Zoom – Então comprei uma bateria extra pro meu camera-phone.

    Pelo menos, esse power bank da Sony é pequeno e cabe em qualquer espaço até do bolso da calça, ao lado do smart (sim, eu viajo com ele carregando)

    Por isso, já está na minha lista de compras uma power bank de maior capacidade (10Ah) e essa da Asus parece ser menor, mais leve e ainda pode comprar a capa pra não arranhar na mochila (rodeado de carregadores, fontes, pen drive e mouse).

    Um brinde interessante seria a Asus vender a power Bank com a capa, pra marketing e incremento das vendas.

    P.S.: Esse da Samsung tem apenas 5.2Ah,é pequeno, mas baixa capacidade.

  • Thalles Ferreira 25/08/2015, 10:52

    Eu tenho uma de 10Ah de uma marca chamada POWERADD, comprei na Amazon ano passado por 24 dólares (na época que isso custava uns 60 reais rs) e confesso que não sei mais viver sem isso. Vejo essas de Asus e Xiaomi que talvez sejam ainda mais eficientes (o projeto básico da minha é o mesmo, mas os componentes internos não sei né…), mas a minha já na época possuía a preocupação da TP-Link de carregar 2 gadgets ao mesmo tempo se necessário. Portanto, além de não precisar no momento disso, não sei como pegar uma dessas… O jeito é contar com a TP-Link ou tentar importar de novo.

    Em tempo:
    http://www.amazon.com/gp/product/B00ITILPZ4?psc=1&redirect=true&ref_=oh_aui_detailpage_o01_s00

  • Eduardo o Guimaraens 25/08/2015, 18:28

    Eu a exemplo do Henrique Martin ganhei um da Xiaomi no evento…Ele não sai da minha mochila, Carrego durante a noite e dá cerca de três cargas e meia no meu Moto X 2014.