ZTOP+ZUMO 10 anos!

X100e: o primeiro ThinkPad com AMD chega ao Brasil

Depois da sua confirmação no final no ano passado, a Lenovo Brasil finalmente anunciou a chegada do ThinkPad X100e, o primeiro subcompacto de entrada da empresa a vir equipado com um processador AMD e preço de lançamento abaixo dos R$ 2 mil.

Apesar de medir apenas 28,2 x 3,0 x 20,9 cm (LxAxP fechado) e 1,5 kg de peso com sua bateria de seis células, o X100e vem equipado com uma generosa tela de 11,1″ de 1.366 x 768 pixels. Isso permite que o notebook venha com um teclado relativamente amplo, macio e confortável (cuja fama é legendária) e dois dispositivos apontadores: o tradicional trackpoint e touchpad, algo raro num equipamento do seu porte. Seu padrão de construção é bastante sólido e o acabamento em plástico ABS Fosco (yay!) é do mesmo nível dos ThinkPad da série SL. Mesmo sendo resistente e suportando alguns maus tratos, como derramamento de líquidos, ele não conta com gaiola de magnésio nem aguenta ser atropelado por um carro. Apesar do teclado apresentado estar em inglês, a versão nacional virá com layout em português e será montado no Brasil.

Outra grande novidade é que, pela primeira vez, a Lenovo cria um ThinkPad baseado numa plataforma AMD, ou mais exatamente na plataforma Congo que utiliza o processador Athlon Neo MV-40 de 1,6 GHz e aceleradora gráfica ATI HD3200, por sinal, os mesmos chips usados no Asus eeePC 1201T. Curiosamente ambos os modelos também vem com HD de 250 GB, 2 GB de RAM DDR2 667 MHz, três portas USB 2.0 sendo uma powered (na cor amarela), leitor de cartão SD/MMC, saída SVGA, Wi-Fi b/g/n, Bluetooth, porta de rede Gigabit Ethernet (yay!), webcam de 0,3 MP de maior sensibilidade para ambientes escuros e espaço interno para um segundo cartão WAN/3G e mais um pente de memória SODIMM. Além disso, o X100e ainda conta com as mesmas ferramentas ThinkVantage dos seus irmãos maiores.

Segundo Luciano Beraldo, gerente de produto para Thinkpads, o X100e será um produto direcionado inicialmente para o mercado SMB e corporativo, de modo que ele vê esse produto como uma nova classe de equipamentos que veio para preencher a lacuna entre os netbooks (que agradam pelo seu padrão de formato mas nem tanto pelo seu desempenho) como o S-10e e os notebooks subcompactos como o Thinkpad X201 (que muita gente adora o padrão de formato, mas odeia o seu preço). Beraldo explicou que, numa segunda etapa existe a possibilidade do X100 também chegar nas redes de varejo, assim como seus acessórios.

Assim podemos dizer que o X100 como o Asus 1201T são produtos ideais para aqueles que desejam fazer tudo aquilo que já fazem em seus netbooks — porém com mais agilidade — e não tanto para aqueles que gostam de fazer tudo aquilo que já fazem em seus notebooks de linha, porém num equipamento menor.

Seu preço sugerido de lançamento é de R$ 1.999, um valor que considero bastante atraente para um equipamento com sua apresentação e porte. E, com esse lançamento, a Lenovo também aproveita a oportunidade para lançar alguns acessórios específicos para o X100, como capas de neoprene, bolsas do tipo sling, fones de ouvido, gravador de DVD externo, HDs externos criptografados, pedestais, etc. a preços bem atraentes diga-se de passagem.

Nagano comenta: Uma das curiosidades dessa apresentação é que nosso colega e chapa deste Zumo Luciano Beraldo fez a apresentação do X100 não com o modelo que será vendido nas lojas, e sim com um protótipo de uma futura versão do X100 com chip dual core (uia! uia!) que deve chegar ao mercado no final deste ano ou início do próximo:

Segundo a imagem acima, em vez do Athlon Neo NV-40, o protótipo apresentado veio equipado com um processador Turion Neo x2 L625 Dual Core de 1,6 GHz aparentemente o mesmo que equipa o HP Pavilion DM3-1035BR. Seu Índice de Experiência do Windows 7 ficou em 3,4 pontos, sendo que o processador obteve 4,1 pontos, um a mais que o Athlon Neo do Asus 1201T.

Como a máquina estava de bobeira depois da coletiva,  aproveitei a deixa para rodar o SuperPi do David Lopes. Infelizmente só consegui fazer três leituras antes de me pegarem com a mão na cumbuca no X100e e me chutarem pra fora da sala…

… mas não antes de copiar o vídeo de divulgação do produto. Observe que nele aparece o X100 na versão vermelha e branca que não virão para o Brasil (boo!):

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • até que eu achei ele bem parrudo o design dele mostra que ele é bem ressistente e confiavel.

  • Marcos Besse

    Tudo bem, eu sou a pessoa mais suspeita para elogiar um produto Lenovo, mas não tem como não fazer isso com o X100e. Ele é simplesmente perfeito para quem quer um note pequeno, leve, fino e barato, além disso vem com toda a tecnologia dos ThinkPads…. com cooler inspirado nas asas da corujas e aplicativos bacanas.

  • Claudeir Dias

    Seria perfeito se tivesse HDMI, será que esse povo não pensão, um equipamento desse cairia bem em minha tv FULL HD, a placa de vídeo HD 3200 aguenta dando gargalhada e os caras não coloca HDMI, ta de brincadeira né….

  • Pingback: Tweets that mention nttttttX100e: primeiro Thinkpad com AMD chega ao Brasilnttttt: -- Topsy.com()

  • rubens

    Gigabit ethernet não é mais nada tão demais.
    Em equipamento voltado pra mercado corporativo é obrigatório.

    E ainda bem que já anunciaram com a plataforma nova, Congo já tá meio velha (se bem que as máquinas é que demoraram pra sair, diferente da plataforma nova que não teve lançamento só no papel).

    Nagano, você sabe se eles têm planos de trazer isso: http://shop.lenovo.com/SEUILibrary/controller/e/w

    • mnagano

      De fato, no mercado corp Gigabit é mesmo carne de vaca, mas em equipamentos do porte e faixa de preço do X100 — como os atuais netbooks — Gigabit é um filezinho…

      Com relação à segunda pergunta, eu respondo com uma frase célebre que Pat Gelsinger deu para um jornalista num IDF a vários anos atrás:

      "Ótima pergunta e a minha resposta é… Eu – não – sei!"

  • Marilu

    ThinkPad rocks! o/ 😀

  • Pingback: Nerdirama: De nerd pra nerd()

  • luiz

    Só eu achei ele caro?

  • angelico

    Onde comprar?

  • Sobre esse note, vale mais a pena que esse:
    http://www.microboard.com.br/home/notebook_ellite

  • Carlos Mafort

    R$879,00 no saldão Carrefour: http://www.carrefour.com.br/informatica/notebooks