Western Digital: a caminho da memoria Flash

W

wd_ron_pack

Após a coletiva da Western Digital ocorrida hoje aqui em São Paulo, tive a oportunidade de bater um papinho rápido com Ron Pack, diretor sênior de vendas para a América Latina.

Nosso último encontro foi no ano passado, época em que tive a oportunidade de perguntar sobre a estratégia da Western Digital com relação ao mercado de SSDs (discos rígidos de estado sólido) que, na época, ainda estava no seu estágio embrionário.

Na época, Ron deixou claro que sua empresa ainda não tinha planos de lançar algo nesse segmento, mas que estavam de antena ligada e olho no mercado para agir no momento mais propício, o que de fato aconteceu no final do mês passado quando a WD anunciou a compra da Silicon Systems Inc, que fabrica os discos SiliconDrive criando assim a WD Solid-State Storage.

Com essa aquisição Pack explicou que sua empresa deixa de ser uma “empresa de discos rígidos” para se tornar uma “empresa de soluções de armazenamento”, o que amplia em muito o escopo da empresa em termos de produtos e serviços. O executivo comentou que a aquisição de da Silicon Systems foi uma grande sacada, já que essa empresa é dona de uma tecnologia bastante avaçada, fornecendo produtos para mercados bastantes exigentes como as áreas médicas, militar e industrial.

Quando perguntei se com essa aquisição a Western Digital poderia entrar em outros segmentos de memória flash como cartões de memória ele respondeu na lata: nós não estamos pensando, nós vamos! Atualmente ambas as empresas ainda estão no processo de fusão e assimilação de tecnologias, de modo que o executivo explicou que ainda pode demorar um pouco para que os primeiros SSDs com a marca WD cheguem ao mercado — uns seis ou nove meses — ou seja, na melhor das hipóteses eles podem ter algumas novidades interessantes ainda em tempo para as vendas de final de ano.

Sobre o autor

Mário Nagano

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World.
Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos