ZTOP+ZUMO

Empresa cria nova maneira de traduzir frases em telas de toque

Toque na tela, diga algo e traduza para outra língua apenas deslocando o dedo. Simples assim!

A Mitsubishi Electric anunciou recentemente que desenvolveu uma tecnologia inédita capaz de combinar reconhecimento de voz com funções de desenho. Isso vai permitir que as pessoas possam traduzir frases no seu idioma diretamente na tela de um tablet ou smartphone simplesmente arrastando seu dedo pela superfície da mesma. Com isso, ela espera romper as barreiras da linguagem, melhorando assim a comunicação em um mundo cada vez mais globalizado.

Tradutor_touch_Mitsubishi_Aplic0

A grande sacada dessa tecnologia é que ela simplifica o processo de traduzir frases e/ou diálogos, agilizando assim tanto o processo de entrada (via voz) quanto a saída das mensagens (via toque) sendo que neste último caso, nem é preciso saber escrever em outra língua, como o japonês, árabe ou chinês.

Fora isso, a tecnologia da Mitsubishi permite escrever em qualquer lugar ou direção da tela, criando assim uma experiência de uso mais intuitiva e até divertida, já que as letras praticamente “saem do dedo” a medida que ele é arrastado pela tela, o que pode enriquecer — e muito — a interação com outros elementos gráficos como mapas, ilustrações, documentos, fotos, etc.

Tradutor_touch_Mitsubishi_Aplic3

Some-se a isso a possibilidade de incorporar recursos adicionais à função de traduzir e as possibilidades que se abrem são imensas, mesmo que a função de traduzir não seja usada.

Segundo a Mitsubishi, essa tecnologia pode ser utilizada, por exemplo, para ajudar na interação com pessoas com deficiência auditiva, que eles não conseguem acompanhar o movimento da boca e das mãos ao mesmo tempo. Com o novo sistema, a pessoa desabilitada pode manter sua atenção na tela enquanto o outro “fala” e gesticula com as mãos:

Tradutor_touch_Mitsubishi_Aplic1

Outro exemplo interessante é o seu uso em balcões de atendimento (de hotéis, bancos, repartições públicas) onde a tela pode ser dividida em duas partes, sendo que cada uma delas fica de frente para cada pessoa, facilitando assim o diálogo sem precisar girar a tela de um lado para outro e vice-versa:

Tradutor_touch_Mitsubishi_Aplic5

Porém, o grande potencial dessa tecnologia é na interação de pessoas de diferentes culturas, em especial estrangeiros que estão visitando um país cujo idioma eles pouco ou nem dominam.

Tradutor_touch_Mitsubishi_Aplic2

Vale a pena lembrar que a cidade de Tóquio será a sede das olimpíadas de 2020 e o país está investindo pesado em sistemas de tradução cada vez mais simples e interativos, já que o japoneses no geral, são até que bem versados no idioma bretão, mas a sua dificuldade em se expressar ou manter um dálogo neste idioma chega a ser folclórico.

Tradutor_touch_Mitsubishi_Aplic4

Muitos educadores culpam o sistema escolar japonês de valoriza a decoreba (domínio da gramática/ vocabuário) em detrimento da transmissão de idéias.

De fato, o uso do novo sistema da Mitsubishi também pode até ser mais vantajoso em eventos púbicos, já que a comunicação via mensagem de texto pode ser mais eficiente do que falar alto em ambientes com muito barulho.

Tradutor_touch_Mitsubishi_Aplic6

O sistema é compatível com o sistema Android, mas a empresa ainda não divulgou onde ou que produto/serviço ele será implementado.

Mais informações aqui.

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.