ZTOP+ZUMO

Panasonic ToughPad FZ-G1: tablet durão agora roda Windows 8

Era uma vez um jornalista de tecnologia que foi para o Texas cobrir o lançamento de um tablet robustecido da Panasonic com Android e, tempos depois, falou sobre isso com o diretor geral da Intel para a América Latina que, coincidentemente, conhecia o presidente da Panasonic Americas. Passado uns meses, em outro evento ele disse — em tom de brincadeira — que ia dar um toque para o seu conhecido que ele deveria ter feito um tablet com seu chip e não com o do concorrente.

Coincidência (ou não) a Panasonic Americas realizou um pequeno evento ontem à noite (08) no seu stand depois do fechamento da CES para apresentar seus novos tablets robustecidos — também conhecidos como Toughpad.

O primeiro deles foi o ToughPad JT-B1, uma versão menor do FZ-A1 original, agora com tela de 7 polegadas…

…e o novíssimo ToughPad FZ-G1, um novo modelo com tela de 10 polegadas equipado com processador Intel Core i5 (uia!) e que roda Windows 8 Pro.

Segundo Hide Harada, diretor de TI da unidade de negócios Toughbook da Panasonic Global, tanto o JT-B1 quanto o FZ-G1 fazem parte de uma estratégia da empresa de sempre ouvir seus clientes (grandes empresas do setor de energia, logística e transporte, engenharia e governo) e responder com um produto sob medida para as suas necessidades.

Inicialmente a idéia foi de atender aquelas empresas cujos funcionários queriam ter um “iPad pra trabalhar” o que foi atendido com o FZ-G1, depois a demanda foi por um modelo menor e mais fácil de ser carregado no bolso ou mesmo amarrado na perna (caso de pilotos de avião), o que vai ser o caso do novo JT-B1 e, mais recentemente o pedido foi para um tablet com Windows 8, porém com melhor desempenho que um modelo com Atom. Sem problemas… o FZ-G1 chegou para isso!

De fato Harada disse que a empresa não irá parar nisso e até adiantou um roadmap de seus modelos futuros, deixando claro que eles também terão uma versão do JT-B1 de 7 polegadas com Windows 8 e uma nova linha de modelos com tela de 5 polegadas com Android e Windows.

A previsão é que os novos tablets chegem em breve ao mercado americano e eles também serão distribuídos em outras geografias — incluindo a América Latina e Brasil. Apesar desses produtos não terem um “preço sugerido”, conversando com um representante da empresa, ele disse que o preço de referência do JT-B1 nos EUA está em torno de US$ 1.199 enquanto que do FZ-G1 na faixa dos US$ 2.799. Observe porém que esse preço pode variar — e muito — de acordo com a configuração e acessórios inclusos.

Depois do evento, topamos num corredor da feira com o Sr. Harada e num papinho rápido ele nos disse que está embarcando em breve para o Brasil para visitar algumas empresas no Rio de Janeiro e em São Paulo.

Cool!

 

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.