SPAM explora acidente da TAM em Congonhas

S

O Websense Security Labs alerta, em um relatório datado de ontem, que SPAM está circulando pela internet, disfarçado de comunicado oficial da TAM, alegando conter informações sobre o acidente com o vôo JJ 3054 ocorrido na noite de 17 de Julho. A mensagem não contém os tradicionais erros de português que costumam entregar o golpe, já que se apropria indevidamente de um texto oficial, o segundo comunicado da TAM sobre o acidente. A própria TAM alerta contra o golpe em seu décimo comunicado. As informações oficiais sobre o acidente estão sendo divulgadas apenas nos sites www.tam.com.br e www.taminforma.com.br.

No final da mensagem, um link convida o usuário a assistir um ví­deo do pouso gravado pelo circuito interno da INFRAERO (que realmente existe, veja aqui). Ao clicar, o usuário acaba executando código que baixa um cavalo de tróia que infecta a máquina e rouba informações.

Mais uma vez, aqui vale o bom-senso. Se você não é parente de uma das ví­timas do vôo, a TAM não vai entrar em contato com você para divulgar informações que podem ser divulgadas, de forma muito mais abrangente e eficiente, na mí­dia impressa e em seu site oficial.  Mesmo que você seja parente, a empresa com certeza terá o bom-senso de realizar o contato por telefone, uma forma muito mais pessoal e adequada em uma situação como esta. Em todo caso, nunca clique em links em mensagens suspeitas.

Sobre o autor

Rafael Rigues

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos