ZTOP+ZUMO

Sky Online: mais uma na briga pelo vídeo sob demanda

Mais uma operadora de TV a cabo entra na disputa pelos serviços de vídeo on-demand: agora é a Sky, que anuncia hoje em São Paulo o lançamento do Sky Online – que só funciona, por enquanto, no computador e para assinantes da Sky.

O Sky Online funciona para locação e compra de títulos, por download e streaming. O preço sugerido para aluguel de lançamentos é de R$ 6,90 (podendo ser visto quantas vezes quiser em até 48 horas) e a compra de filmes de catálogo sai por R$ 4,90. A Sky faz questão de ressaltar que os filmes terão áudio original ou dublado e legendas em português.

“Sky Online não é Sky everywhere. Não é ainda por causa dos contratos de conteúdo locais e regionais”, disse Luiz Eduardo Baptista da Rocha, presidente da Sky. Rocha afirma ainda que o serviço será oferecido em outros aparelhos em até um ano, começando por iPads e, no futuro, consoles.

A oferta de conteúdo terá filmes, esportes (incluindo ESPN 360) e séries. “Sobre os canais,  depende do canal, mas pergunte ao dono do canal”, questionou o executivo. Rocha promete “para breve” o lançamento de serviços como HBO Go, Telecine On Demand e Moo (Globosat)

O serviço também terá a opção assinatura mensal, no chamado Clube Sky Online, que vai custar R$ 14,90 – o mesmo valor da concorrente Netflx, por sinal. Vale lembrar que a também concorrente Net oferece, desde meados de 2011, o serviço Now, que funciona direto no set-top box da operadora, podendo ser visto na TV do assinante. “Now é só para assinantes HD da NET, no equipamento que tem em casa. O Sky Online é produto democrático,  não precisa comprar caixa para rodar HD”, comenta Rocha, sobre o serviço. Ele disse ainda que o preço da assinatura está “na média do mercado, de Netmovies e Terra TV”.

“Se a Sky lançasse um serviço desses nos Estados Unidos, não ofereceria download. Pela qualidade de conexão no Brasil, ofertamos isso – é mais visão do cliente do que visão técnica do produto. Quem tem conexão poderosa vê por streaming, quem não tem faz por download”, afirmou Rocha.

Em tempo: o Sky Online roda em plataforma Silverlight, da Microsoft.

Mais informações no site oficial.

 

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • Ligeirinho 4.0 15/02/2012, 10:34

    Uma coisa que notei é que vejo poucos falando do CrackLE, da Sony. Se bem que o catálogo deles é parco e ainda não está devidamente adaptado ao português, fora o fato do sistema de propagandas, ao meu ver horrível e chato.

  • Marcelo Martins 15/02/2012, 11:46

    Além de caro, fazem 4 anos que uso media centers para não precisar ver filmes e séries no computador. Ai a SKY lança uma novidade em 2012 que precisa do computador?

    • @LeandroZart 15/02/2012, 13:37

      isso é tão 2001. Deviam ter lançado logo para Tablets.

  • @GameMakerX 15/02/2012, 12:05

    Apenas para assinantes…… a partir daí o produto PERDEU TODO SENTIDO DE SUA EXISTÊNCIA.

  • dflopes 17/02/2012, 23:13

    Eu comprei uma smart TV para não ter que usar computador na sala….
    Gostava muito na adolescencia, mas perdeu o sentido hoje em dia, em que vc não tem tempo pra perder (liga PC, conecta, configura HDMI out)

    E á tem netflix até no PS3, nas Smart Tvs da samsung e LG.
    Então, Pq eu ligaria um notebook para assitir a sky, se já sou assinante do pacote de filmes???

    Uma coisa que queria da sky era poder assistir os filmes gravados no Sky+ via mobile (tablet ou smart)
    Enquanto isso não vem, já inventaram o Moonson Vulkano!!! http://pdabr.com/outros-gadgets/monsoon-vulkano-p