ZTOP+ZUMO

Cenas de um laboratório de software (SAP Labs)

A recepção do SAP Labs Latin America

Uma fábrica pode ser sempre uma fábrica, mas nem sempre um escritório – ou laboratório – de desenvolvimento de software é igual ao outro. Hoje a SAP anuncia a expansão do seu SAP Labs Latin America em São Leopoldo (RS), para ampliar seus recursos na região segundo a SAP, serão investidos R$ 50 milhões no novo lab. E se o prédio atual – cheio de itens high-tech e sustentáveis – é impressionante – o segundo também será.

Aqui, o uso de materiais ecologicamente corretos está em todo lugar: 30% do cimento utilizado foi reciclado de outras fontes, todas as madeiras no chão e nas escadas vieram de fontes certificadas, a água dos banheiros também é reutilizada (e tratada em uma central atrás do prédio), e o projeto arquitetônico privilegia a iluminação natural, evitando o uso de lâmpadas acesas em áreas comuns. Todo o consumo de energia, água e combustíveis (pro gerador) é monitorado em tempo real (veja o vídeo abaixo da galeria).

Ônibus da SAP trazem funcionários para o laboratório – e ajudam a eliminar pelo menos 200 carros das ruas e do trânsito da cidade – e se precisar sair para ir ao banco, por exemplo, bicicletas estão disponíveis para empréstimo.

São mais de 500 funcionários no SAP Labs, e a área de projetos é de deixar funcionário do Google (que tem escritórios incríveis pelo mundo) com inveja. Em um ambiente aberto e com vista para o verde do lado de fora, metade de um escritório que pude entrar tem baias convencionais – até aí, tudo bem. A fase 2 do projeto deve ser inaugurada em agosto do ano que vem.

Na frente da sala, o pessoal do SAP Labs pode, por exemplo, avaliar código-fonte de software corporativo desenvolvido (ou traduzido e adaptado – mas não ainda desenvolvido) pela equipe: uma TV de plasma de 42″ e um “cercadinho” de sofá protegido acusticamente (para não atrapalhar) o trabalho dos demais colegas. Ou cadeiras com rodinhas para incentivar a colaboração sem precisar de uma sala de reuniões. Ou sentar de frente para a janela para pensar e botar as ideias em prática com maior privacidade.

Clique nas fotos para ampliar e entender o que é feito lá (e, sim, voltamos a ter fotos grandes – yay!).

 

 

Sobre o gerenciamento de energia interno, o vídeo abaixo explica melhor a coisa:

Disclaimer: ZTOP viajou a convite da SAP, mas todas as opiniões aqui (e fotos) são nossas.

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin