Review: Roteador ASUS RT-N13U

R

 

Num segmento de mercado marcado cada vez mais pela mesmice, o roteador de rede sem fio RT-N13U da ASUS impressiona pela sua versatilidade, oferecendo recursos que você nem sabia que precisava.

Medindo 3,0 x 16,0 x 12,2 cm (LxAxP), o RT-N13U não é maior que uma agenda e já é compatível com os padrões 802.11 b/g/n (draft 2.0 até 300 Mbps) com suporte de conexão com a internet via IP automático, IP estático, PPPoE/MPPE, PPTP e L2TP. O sistema trabalha com protocolos se segurança padrão WEP de 64/128 bits, WPA-PSK, WPA2-PSK, WPA-Enterprise, WPA2-Enterprise etc, além de contar com firewall (NAT e SMI), filtragem for MAC e URL e assim por diante. Acompanham o produto a fonte de alimentação, cabo de rede e CD com aplicativos e utilitários:

Devido a sua base fixa (que aumenta sua largura em 1,25 cm de cada lado), ele foi feito para ser montado somente na vertical. Desse modo, ganha-se espaço, mas perde-se um pouco na sua estabilidade, em especial com um monte de cabos de rede ligados ao seu painel traseiro.

De qualquer modo, essa essa disposição na vertical apresenta outras vantagens, como por exemplo melhorar a dispersão do calor gerado internamente, já que o  ar fresco entra pela suas frestas laterais na base…

… e passa pela placa de circuito que aquece o ar, fazendo com que ele saia naturalmente pelas aberturas superiores, funcionando assim como uma chaminé. E como os modelos da NetGear, suas duas antenas internas  ficam posicionadas na parte mais alta do gabinete, dispensando assim o uso de antenas externas.

Seu painel frontal também deixa claro que esse equipamento foi feito para ficar em pé. Nele podemos ver o seu layout simples e intuitivo (iluminados com LEDs azuis), com destaque para o botão WPS (Wi-Fi Protected Setup), uma função criada pela Wi-Fi Alliance que permite criar uma conexão segura entre um PC e o roteador automaticamente.

 

Na parte de trás concentram-se todas as entradas e saídas do equipamento. De baixo para cima podemos ver a entrada de alimentação (12 volts CC x 1 A), porta do modem de banda larga (WAN em azul), quatro portas de rede RJ45 Fast Ethernet (10/100 mbps em amarelo) e uma porta USB 2.0.

Esta, por sinal é a grande estrela desse produto,  já que ela pode ser usada de diversos modos…

… como por exemplo conectar um memory key para compartilhar os seus recursos na rede…

… ou até mesmo um disco externo, transformando o roteador em um pequeno servidor de NAS:

 

Outra possibilidade é instalar um modem 3G, permitindo assim compartilhar o seu acesso com outros PCs da casa ou do escritório, podendo funcionar também como um plano de contingência no caso de alguma pane no modem de banda larga.

Com tudo isso já poderia dizer que o RT-N13U é um equipamento versátil, mas o que realmente me chamou a atenção desse produto é o fato dessa porta poder também ser usada para ligar uma impressora, scanner ou mesmo uma multifuncional com porta USB.

Para realizar essa façanha, a ASUS criou um simples utilitário que deve ser instalado em cada cliente da rede e que cria uma espécie de “porta USB virtual” no PC cuja saída fica no roteador.

Feito isso e com a impressora ou multifuncional ligada no roteador, basta utilizar o CD de instalação da impressora para instalar os drivers e utilitários do equipamento, e caso tudo ocorra de acordo com o previsto, o aparelho será reconhecido pelo sistema operacional como um novo dispositivo conectado, o que pode ser verificado com o uso de outro utilitário da ASUS chamado Device Discovery que já acompanha o produto. Interessante observar que o acesso à impressora pode ser público ou reservado para apenas um usuário da rede local.

 

Note também que nesse caso é possível fazer tudo aquilo que já podíamos fazer com a impressora/multifuncional ligada localmente, o que, nesse último caso, inclui a digitalização de documentos.

Outra sacada desse produto não está muito à vista, ficando escondida na sua base:

 

 

 

Dando um zoom na imagem acima, podemos ver que o botão de reset/restore já vem com as informações do setup de fábrica (SSID, endereço IP e senhas) impressos. Isso permite que usuários mais experientes consigam acessar o software gerenciador do roteador rapidamente e configurá-lo mesmo sem ter que consultar o manual do usuário, o que é uma boa ideia, pois ele só vem gravado em CD.

E outra sacada ainda mais interessante é a presença de uma chave que permite reconfigurar rapidamente o roteador para um dos seus três modos pré-estabelecidos, que depois podem ser reconfigurados de acordo com o desejo do usuário.

No modo Router, o RT-N13U funciona como um roteador (duh!): se conecta ao modem de banda larga e distribui o acesso para os diversos PCs ligados na sua rede local.

 

 

 

 

 

 

 

Já no modo Repeater, o RT-N13U funciona como um ponto de acesso que retransmite o sinal vindo de outro roteador ligado na banda larga e isso sem o uso de fios. Nesse modo o equipamento assume o mesmo SSID da estação base, permitindo assim expandir o alcance da sua rede local.

Finalmente, o modo AP (Access Point) funciona mais ou menos do mesmo jeito do modo repetidor, só que nesse caso a conexão com sua estação base é feita via cabo de rede garantindo assim uma conexão mais confiável com a internet podendo chegar a locais onde o sinal de rádio pode não alcançar.

 

 

Assim como a maioria dos equipamentos de rede, o software gerenciador do RT-N13U pode ser acessado via HTTP e posso afirmar que sua interface com o usuário é uma das melhores que já vi até hoje: bem estruturada, ricamente ilustrada e já traduzida para o português.

Mais impressionante ainda é descobrir que a ASUS oferece o código-fonte GPL de uma versão do firmware para download o que possibilita na teoria que os usuários mais habilidosos possam implementar seus próprios recursos nesse equipamento.

 

Com um memory key ou um disco USB ligado no roteador, o seu conteúdo está disponível na forma de um disco de rede \\RT_N13U_B1 (que pode ser renomeado pelo usuário) que também pode ser compartilhado tanto via FTP quanto externamente via internet através de um recurso batizado de AiDisk.

 

 

 

E assim como as unidades de disco NAS, o RT-N13U também vem equipado com um gerenciador de download embutido o que permite que o roteador baixe arquivos diretamente na sua unidade de armazenamento mesmo com o PC desligado. Entretanto, para utilizar esse recurso é necessário o uso do utilitário Downlad Master, que já acompanha o produto onde o usuário programa os arquivos a serem baixados da rede (via HTTP, FTP ou Bitorrent) diretamente no seu PC e transmite a tarefa para o roteador que inicia o processo de download. Feito isso, pode-se até desligar o PC que o RT-N13U continua baixando os arquivos.

 

 

 

Para habilitar o modem 3G, o procedimento apesar de simples está meio escondido dentro das aplicações USB sob a aba HSDPA. O modelo analisado já veio pré-configurado para trabalhar com as redes 3G da Claro, TIM, Oi e Vivo.


 

No geral, a nossa impressão do RT-N13U foi muito favorável já que ela combina recursos realmente interessantes para um equipamento da sua categoria. Para um roteador, seu modo de configuração é bastante fácil e intuitivo apesar de ser interessante que o usuário tenha algumas noções básicas sobre redes TCP/IP. Sua interface com o usuário é uma das melhores que já vi até hoje, ricamente ilustrada e recheada de dicas e janelas de ajuda para todos os lados.

Apesar disso tudo, esse produto não é perfeito e tem algumas limitações, como a decisão da Asus de adotar portas de rede padrão Fast Ethernet no lugar do Gigabit Ethernet e a presença de apenas uma porta USB.  Para mim, isso é um contrasenso, pois não faz muito sentido desconectar a impressora do roteador só para baixar/compartilhar arquivos na rede e vice-versa. Na minha opinião, acredito que o futuro sucessor do RT-N13U poderia vir com pelo menos duas portas USB permitindo que tanto a impressora fique ligada direto no roteador, deixando a segunda porta para o disco USB ou o modem 3G.

De qualquer modo ciente das suas limitações, o RT-N13U não deixa de ser um baita de um roteador. E pelo preço sugerido de R$ 239, sua relação de custo x benefício é muito interessante.

Resumo: Roteador ASUS RT-N13U

O que é isso? Roteador / Ponto de Acesso / Repetidor wireless compatível com o padrão 802.11 b/g/n e até 3G (via adaptador USB).
O que é legal? Fácil configuração e uso, rico em recursos, permite imprimir digitalizar documentos pela rede.
O que é imoral? A presença de apenas uma porta USB não permite explorar alguns de seus recursos mais interessantes ao mesmo tempo.
O que mais? A opção pelas portas de rede padrão Fast Ethernet direciona esse produto mais para o mercado doméstico/SOHO.
Avaliação: 8,5 (de 10). Entenda nosso novo sistema de avaliação.
Preço sugerido: R$ 239
Onde encontrar: br.asus.com

 

 

 

 

 

Sobre o autor

Mário Nagano

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World.
Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos