ZTOP+ZUMO (tech, opinião, inteligência)

Review: Netgear Wireless-N Router WNR2000

netgear_wnr2000_intro4

Menor e mais simples que a linha RangeMax, o Wireless-N Router WNR2000 traz o padrão 802.11n (ou mais exatamente o Draft-N) para usuários domésticos ou pequenos escritórios interessados em fazer um upgrade no seu ponto de acesso sem fio.

Do tamanho de um livro, o WNR2000 apresenta o visual característico dos roteadores N da empresa, com sua orientação tipo “torre” o que ajuda a ecomomizar espaço físico na área de trabalho, apesar de não ser tão estável quanto os modelos com gabinetes na horizontal, principalmente se houver muitos cabos de rede ligados na sua traseira.

netgear_wnr2000_geral

Uma das sacadas dessa solução é que ficando de pé, o gabinete funciona como uma pequena chaminé de modo que o ar fresco entra pela sua base e sobe naturalmente à medida que ele entra em contato com o calor gerado pelos componentes internos, saindo por cima ligeiramente aquecido.  Simples, silencioso, eficiente e barato.

Seu painel traseiro tem apresenta os elementos mais comuns nesse tipo de equipamento: (da esquerda) entrada de alimentação (12V x 1,0A CC), botão liga/desliga, porta WAN (internet), quatro Fast Ethernet (10/100 mbps) e um botão de reset que retorna a configuração para os padrões de fábrica.

netgear_wnr2000_bottom_small

Eu particularmente gostei da presença do botão de liga/desliga que ajuda a economizar energia quando a rede não estiver sendo utilizada. Outra coisa legal é seu botão de reset vem rodeado de informações completas de como entrar no sistema do roteador e suas senhas padrão.  Uma mão na roda principalmente quando não sabemos onde está o manual do usuário. 😛

netgear_wnr2000_restore

Na sua frente, destaque para seu painel com indicadores luminosos e seu botão WPS, uma função que permite transmitir automaticamente os dados de configuração do ponto de acesso para um cliente que conte com a mesma tecnologia.

Acompanha o produto o suporte vertical, adaptador de rede elétrica, cabo de rede e o guia de instalação rápida com CD de drivers e utilitários.

netgear_wnr2000_kit

Só para não perder o hábito, demos uma olhada no interior do roteador e a única coisa que me chamou a atenção (à esquerda da placa) é o que parecem ser suas duas antenas internas, nada mais do que três trilhas de circuito impresso na própria placa.

netgear_wnr2000_inside_small

Uma das grandes preocupações dos fabricantes é fazer com que o processo de instalação seja o mais simples possível. No caso do WNR200, basta colocar o CD de instalação no PC para que o assistente (em português) entre em ação. A partir desse momento, basta seguir os passos seguidos pelo programa para que o mesmo identifique o ambiente de rede, o tipo de conexão com a internet, configuração da rede sem fio junto e seus parâmetros de segurança.

netgear_wnr2000_install_1

Se tudo acontecer de acordo com o esperado, o roteador já está pronto para ser usado.

Em termos de funcionalidade, o WNR2000 possui um conjunto bastante rico de recursos oferecendo praticamente tudo aquilo que poderíamos esperar de um roteador com ponto de acesso sem fio. Apesar da interface estar disponível em português, preferimos o inglês pela facilidade de reconhecer os jargões e termos de rede.

netgear_wnr2000_firmware_small

Entre os recursos mais interessantes estão a possibilidade de acompanhar historicamente os acessos a qualquer site (logging) e programar o bloqueio de sites por períodos — como por exemplo, limitar o acesso durante o expediente (com direito a enviar um e-mail de alerta para aqueles que sairem da regra), Port Forwarding e Port Triggering, definir um computador em DMZ, suporte para VPN, DHCP, QoS, configuração remota via internet etc. Na medida do possível, todas as funções são explicadas por meio de uma janela (azul clara) localizado à esquerda da tela.

Para avaliar o desempenho desse roteador — como o padrão 802.11n ainda está em “draft” — pedimos para a Netgear também nos fornecer um adaptador de rede 802.11n da mesma marca para garantir o máximo nível de compatibilidade na conexão entre o cliente e o ponto de acesso.

O modelo enviado foi o RangeMax WN111 (preço sugerido: R$ 339), um adaptador com porta USB 2.0 ligeiramente maior que um memory key.

netgear_wn111

Instalamos esse adaptador em um netbook da Positivo que está aqui para testes. Como ele já vem com um adaptador Wi-Fi 802.11g, desativamos o mesmo antes de instalar o adaptador da Netgear que foi reconhecido usando a função WPS:

netgear_wn111_discover

Para realizar esse teste, ligamos nosso PC de referência via cabo Ethernet ao roteador que assumiu o papel de servidor e o portátil funcionou como cliente conectado via adaptador WN111. Para efeito de comparação, repetimos os testes com sua porta de rede interna baseado no chipset Realtek RTL8187B (802.11/g).  Pata medir o desempenho, utilizamos o iperf, um benchmark sintético.

Vale a pena observar que os resultados abaixo podem ter sido influenciados pelo uso de um switch Fast Ethernet (contra Gigabit Ethernet, mais comum nos modelos com ponto de acesso 802.11/n). Do lado do WN111, a porta USB 2.0 também pode ter influenciado nos resultados.

netgear_wnr2000_testes

O consumo de energia do roteador variou de 4 watts sem fazer nada até 5 watts rodando os testes.

Esses números mostram que o uso do padrão N oferece vantagens sobre o padrão G principalmente em termos de ganho de desempenho, mantendo total compatibilidade com os padrões atuais. Depois de se arrastar por anos, fico imaginando o que está emperrando a ratificação do padrão 802.11/n.

Resumo: Netgear Wireless-N Router WNR2000

O que é isso? Roteador de rede com switch Fast Ethernet e ponto de rede sem fio padrão 802.11/n (Draft-N)
O que é legal?
Desenho simples e funcional, fácil de instalar e usar.
O que é imoral? Não é um RangeMax. Poderia vir com switch Gigabit Ethernet .
O que mais? Por ainda ser Draft-N recomendamos o uso de adaptadores de rede sem fio do mesmo fabricante.
Avaliação: 6,0 (de 10). Entenda nosso novo sistema de avaliação.
Preço sugerido: R$ 404.
Onde encontrar: www.netgear.com.br

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • Glenio

    O aparelho tem muitos recursos (também, pelo [preco), um visual legal e também a qualidade Netgear, mas segundo reviews de usuários compradores do site “newegg.com” não é compatível com o Windows 64 bits, e aí danou-se, não é…

  • Möno

    depende, se for instalar o windows no roteador ai danou-se

  • Ele consegue fazer stream de videos HD720p pela rede local sem engasgar?

  • herminio

    Bom dia , tenho um router netgear wnr 2000, e nao estou conseguindo deixar meu sinal protegido, a até vizinhos roubando meu sinal wirelles, ja tentei de tudo como devo fazer pois perdi o numero do pin .Desde ja agradeço

  • João Moreno

    quando vou instalar o roteador netgear wnr 2000, me aparece a mensagem de problemas no adptador network: O que devo fazer para instalação sair normalmente. (windows 7) agradeço

  • joao moreno

    Precido de ajuda, tenho roteador netgear wnr200, e quando vou instala-lo, aparece uma mensagem de problemas no adaptador network. O que devo fazer