Review: Motorola Milestone 3

R

O Milestone 3 é a terceira geração do smartphone topo de linha da nova empresa do Google, a Motorola Mobility. Na nova versão, o aparelho ganhou tela e teclados maiores, roda Android 2.3.4 “Gingerbread” e é uma ótima escolha para quem procura um telefone com teclado QWERTY (e agora numérico também).

A configuração do Milestone 3 segue o padrão dos antecessores, com pequenas mudanças de layout… (já pensou quando o telefone for apenas a parte mais fina da tela?)

Em cima, o botão de liga/desliga e a entrada para fones padrão 3,5 mm.

Na lateral direita, o controle de volume…

E, na lateral esquerda, o conector micro USB para carregar a bateria e trocar dados com o computador e uma saída de vídeo HDMI. Essas portas estão na mesma posição do smartphone Atrix, da Motorola, lançado em meados deste ano.

Atrás, uma câmera de 8 megapixels capaz de gravar vídeos em HD e o discreto logotipo “with Google”. O acabamento traseiro é emborrachado e tem uma boa pegada na mão.

Um pouco de partes internas: com a bateria…

e sem bateria e SIM card. Vale lembrar que o Milestone 3 vem com 16 GB de armazenamento interno, expansíveis pelo slot microSD aí abaixo.

A clássica tela de informações do sistema, com Android quentinho:

Um detalhe interessante é a adição da linha numérica no teclado do aparelho, que faz uma grande diferença na hora de digitar. Até então, só tinha visto solução similar em um aparelho antigo da LG (GW620).22222

Outra curiosidade (pra prazer do Nagano) é que o Milestone 3 tem luzes indicadoras de estado do teclado, como ALT (acima) e CAPS LOCK (abaixo):

Nagano comenta: Yaaay… Tem também luz que indica uso do HD? 🙂

Câmera e multimídia: A câmera é dos pontos polêmicos do Milestone 3. Eu, particularmente, não tive problemas com ela (vários exemplos na galeria do Picasa) e, para um aparelho com perfil mais corporativo, a câmera não deixa a desejar. Já meu colega Rafael Rigues encontrou problemas em cores nas fotos do Milestone 3. No lado multimídia, o aparelho não traz codecs nativos para AVI/DivX, como os concorrentes Galaxy S II, por exemplo – é preciso baixar um video player (como o Dice Player, nosso favorito) para ver vídeos externos no smartphone da Motorola.

Desempenho: Nos benchmarks padrão do Android, o Milestone 3 teve desempenho um pouco menor que do Galaxy S II. De qualquer modo, para um smartphone mais voltado a negócios do que multimídia, não é um grande problema.

– Vellamo Browser: 691 pontos (968 pontos no Samsung Galaxy S II)
– Quadrant Standard Edition: 2.274 pontos (2.959 pontos no Samsung Galaxy S II)
– AnTuTu Benchmark: 5.003 pontos (5.660 pontos no Samsung Galaxy S II)
– NenaMark 1:  44,8 quadros por segundo (59,8 quadros por segundo no Samsung Galaxy S II)
– NenaMark 2:  27,4 quadros por segundo (44,1 quadros por segundo no Samsung Galaxy S II)

Bateria: em um dia de uso intenso (3G, GPS, e-mail, ligações, Twitter, Foursquare, Facebook, Internet, SMS), a bateria levou cerca de seis horas para atingir o nível de 30% (e mais de uma vez repetiu esse desempenho). Apesar do bom gerenciamento de bateria fornecido pela Motorola (e gerenciamento de dados também), é menor que o Galaxy S II. E, como já disse, ainda estamos longe do mundo ideal em que a bateria de um smartphone atinja um dia inteiro -no meu ponto de vista, das 8h às 22h – sem pedir recarga.

Conclusões: Eu tenho a esperança de que, em um futuro próximo, os smartphones ficarão tão finos quanto a parte da tela do Milestone 3, sem o teclado. Enquanto esse futuro não chega, o smartphone da Motorola Mobility cumpre bem suas funções, com uma tela excelente, bateria com duração razoável e a versão de Android mais atual. O aparelho perde em desempenho geral para o Samsung Galaxy S II, que tem processador mais rápido, mas a adição do teclado e o perfil de usuário distinto (lá, mais diversão/entretenimento, aqui, produtividade/corporativo) tornam o Motorola Milestone 3 uma opção de compra mais que recomendável.

 

Resumo: Motorola Milestone 3
O que é isso? Smartphone com sistema operacional Android 2.3
O que é legal? Tela grande e com ótima resolução, bom desempenho.
O que é imoral? GPS demora a responder, tamanho do aparelho pode incomodar, bateria dura pouco.
O que mais? Boa câmera, teclado completo inclui linha com números.
Avaliação: 8,0 (de 10). Entenda nosso novo sistema de avaliação.
Preço sugerido: R$ 1.999 (operadoras podem ter ofertas com planos de dados e voz melhores)
Onde encontrar: Motorola

Sobre o autor

Henrique Martin

Henrique Martin é o fundador do ZTOP+ZUMO e da newsletter de tecnologia Interfaces. Já escreveu na PC World, PC Magazine, O Estado de São Paulo, Folha de S. Paulo e criou o ZTOP+ZUMO em 2007, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC.

Disclaimer: o ZTOP+ZUMO tem links de afiliados com a Amazon e pode ser
remunerado caso você clique em links neste artigo e compre algo.

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos