ZTOP+ZUMO

Gadget do dia: Projetor Smart-Theater da Thanko

Caixinha de papelão com lente de acrílico transforma seu smartphone (mais ou menos) num projetor digital

Não é só de Google Cardboard vive o mundo da alta tecnologia de papelão. O nosso fabricante de cacarecos com porta USB favorito — a japonesa Thanko — anunciou recentemente o Sumaho de shiataa (スマホdeシアター)…

smartphone_projector_overall

… um nome que mistura meias-palavras em inglês (niponizadas) que poderia ser traduzido como “Smart-Theater”, ou seja, um projetor de home-theater movido a smartphone:

smartphone_projector_source2

E assim como o dispositivo do Google, a engenhoca da Thanko é, na sua essência uma caixinha de papelão na forma de gaveta…

smartphone_projector_componentes

… com um tubo na frente onde é montado uma lente que faz o papel da objetiva.

smartphone_projector_montagem1

Feito isso, basta colar o smartphone ligado com o seu vídeo favorito na parede oposta da caixa (que fica no lugar por meio de uma placa adesiva)…

smartphone_projector_source

… acerte o foco ajustando o comprimento da “gaveta”…

smartphone_projector_foco

… e aprecie o espetáculo:

smartphone_projector_em_uso

Pelo que dá para entender, seu princípio de funcionamento é o mesmo daqueles tubos de projeção (Super Telão?) com uma lente tipo fresnel ou de “puro cristal acrilico” que eram montados na frente da TV com a promessa de transformar o dito cujo num super telão de cento e tantas polegadas. Só que no nosso caso a tela do smartphone faz o papel da TV como fonte de luz e imagem o que de um certo modo explica a pequena imagem e brilho limitado.

smartphone_projector_super-telao

O produto mede 18,0 x 10,3 x 17,0 cm (LxAxP) e 309 gramas de peso e pode ser usado com smartphones com Android e iOS com tela de até 5,5″. O seu preço no Japão é de 3.980 ienes (~R$ 100) e pode ser encontrado no site da Thanko.

Ainda em tempo:

Consegui localizar um comercial de TV da engenhoca acima no YouTube. Só que não como “Super Telão” e sim como “Telão Video Gigant” (sem o “e” no final).

Ele podia ser seu por apenas CR$ 373.400 o que em dinheiro de hoje deve estar em torno de uns R$ 1.016 o que devia ser uma boa grana pra época, já que o show room deles ficava na Oscar Freire 😀

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • Adriano De Lima 08/05/2015, 15:07

    Se conseguir comprar a lente…..

    • Mario Nagano 09/05/2015, 06:49

      Me parece ser uma lente de aumento normal que vc acha em papelarias. Outra possibilidade seria usar aquelas folhas de fresnell usada naqueles velhos retroprojetores.

  • Alexandre Gorges 11/05/2015, 10:45

    A ultima foto, me lembrou dos brinquedos que se vendia no circo para vc ver sua foto.

    • Mario Nagano 11/05/2015, 16:33

      Acho que vc deve estar falando do monóculo. Era uma espécie de mini visor de slide que abrigava uma imagem de filme meio-quadro (18 x 24 mm).

      Esse formato se popularizou por aqui graças a chegada das câmeras Olympus Pen que conseguia tirar 72 (ou mais) fotos num filme de 36 poses, o que o consumidor achava ser uma grande sacada já que ele teria o dobro de fotos sem gastar mais com filme.

      O problema é que essa economia ia pro saco na hora de revelar o filme já que ele pagaria pelo dobro de ampliações.

      No fim das contas o formato meio quadro era muito usado no setor “profissional”, em especial daqueles fotógrafos que faziam aquelas fotos de lembrança da escola e até de outros eventos onde ao invés de entregar uma ampliação, eles usavam filme de slide e montavam nesses visores tipo monóculo.

      A propósito esses visores ainda podem ser encontrados no mercado…

      http://www.beephoto.com.br/produtos.asp?cod_produto=5888&np=mon%F3culos-pl%E1stico-18mm-18x24mm-com-foto-em-cromo

      … incluindo uma nova versão “transparente” onde o fotógrafo coloca uma foto impressa na sua base, funcionando assim mais como um visor com lupa.

      http://www.beephoto.com.br/produtos.asp?cod_produto=5887&np=mon%F3culos-pl%E1stico-18mm-18x24mm-com-foto-em-papel

      • Alexandre Gorges 11/05/2015, 16:45

        Este mesmo Nagano, eu não sabia o nome. Mas lembro que as vezes que meus pais levaram eu no circo, volta com um monóculo para casa !

        410,00 por 100 peças. Não é barato mesmo.

        • Mario Nagano 11/05/2015, 18:02

          Acredito q esse preço “alto” seja mais porque a demanda por esse tipo de produto/serviço não seja lá muito elevado.

          De fato, pesquisando sobre esse visor na web eu topei com uma discussão muito doida num fórum, onde um fotógrafo de casamento recebeu uma encomenda de 150 desses monóculos com a foto dos noivos que eles queriam dar de lembrancinha para os convidados.

          O problema é que muitos laboratório até transferem a imagem do cromo para o digital mas não o contrário (digital para cromo). Ai, o que fazer?

          Uma pessoa sugeriu imprimir os quadrinhos sobre uma folha de película transparente e depois recortá-los, mas como a imagem é muito pequena, as impressoras convencionais tão tem resolução alta o suficiente para gerar uma imagem decente.

          Outro sugeriu pegar uma câmera Olympus Pen antiga e fazer as fotos direto em filme 35mm. Mas ai questionaram se o casal de noivos estaria disposto a posar para 150 fotos (mais fácil nesse caso seria tirar uma foto e depois refotografar a mesma 149 vezes, mas quem teria um duplicador de slides de meio quadro?)

          A sugestão mais bizarra foi de um terceiro que sugeriu alugar uma câmera de cinema 35mm (cujo formato do quadro também é 18 x 24 mm) e “filmar” o casal, já que a 24 quadros por segundo ele teria o número de fotogramas necessários em menos de 7 segundos (se o casal não piscar, é claro!)

          Deve ser por isso é que inventaram aquele monóculo transparente. 😉

          • Alexandre Gorges 12/05/2015, 08:08

            Que loucura. Muito obrigado Nagano, por trazer este assunto.

          • Mario Nagano 12/05/2015, 09:22

            E o pessoal ainda acha que vida de fotógrafo profissional é moleza…

  • dflopes 12/05/2015, 23:10

    que post fantástico.
    Eu usei na casa de um colega de escola técnica, que comprou pra turma jogar Street fighter 2 num telão, mas mãe dele brigava pois. tínhamos que parar se não quebrava a Tv.

    E meu pai tinha esses monóculos na caixa de fotos. Nunca mais os vi.

    E tem instrução de como fazer a lente?

    • Mario Nagano 13/05/2015, 19:35

      A lente vem no pacote.