ZTOP+ZUMO (tech, opinião, inteligência)

Samsung Galaxy Note II chega no fim de outubro (e tem preço)

A Samsung anunciou hoje em São Paulo o lançamento do novo tablet Galaxy Note 10.1, mas quem roubou a cena foi o irmão mais novo Galaxy Note II, que chega às lojas ainda no mês de outubro (como este ZTOP já havia antecipado).

Primeiro, o Galaxy Note 10.1: é uma versão turbinada do tablet Android com tela de 10,1 polegadas e caneta stylus que vimos em Barcelona, no Mobile World Congress – agora vem com um processador quad-core de 1,4 GHz (era um dual-core), além de 2 GB de RAM, câmera de 5 megapixels (traseira) e 1,9 megapixel (frontal).

A Samsung também incluiu alguns truques inspirados no software do Galaxy S III, como o rastreamento de olhos do usuário (para manter a tela sempre ligada), AllShare Play (para compartilhar mídia com TVs e outros dispositivos) e o Pop Up Play (o “picture in picture” para rodar vídeos em uma janela reduzida quando roda outro programa).

O tablet já está à venda no varejo pelo valor sugerido no varejo de R$ 1.899 (veja fotos do Galaxy Note 10.1). Vale lembrar que a Samsung tem ONZE modelos distintos de tablets Android à venda e que um iPad 3 (nossa escolha em tablets para consumidor final) é vendido no país pelo preço inicial sugerido de R$ 1.549 (16 GB, Wi-Fi apenas) ou R$ 1.849 (16 GB/3G + Wi-Fi).

Já o Galaxy Note II, anunciado no final de agosto na IFA Berlin, chega no final de outubro pelo preço sugerido de R$ 2.299 (acertei o chute!), mas operadoras devem oferecer o aparelho (afinal, é um telefone também) por um valor menor com planos de dados.

>>>Primeiras impressões: Samsung Galaxy Note II

De qualquer modo, seu preço é mais alto que o Galaxy Note original, vendido no seu lançamento no mercado brasileiro pelo preço sugerido de R$ 1.999, no final do ano passado. O Note original deve continuar a ser vendido por um preço menor, segundo a Samsung.

O Galaxy Note II roda Android 4.1 “Jelly Bean”, usa processador quad-core de 1,6 GHz, tem 2 GB de RAM e bateria monstro de 3.100 mAh. O grande destaque do aparelho é a nova versão da caneta stylus S-Pen, capaz de abrir itens no foblet sem precisar tocar a tela, por exemplo. A tela tem 5,5 polegadas.

Seu design é uma mistura do tamanho grande do Galaxy Note original (leia o review), anunciado na IFA Berlin 2011, e o smartphone topo de linha Galaxy S III.

Em tempo: o evento era da Samsung, mas passarinho nos contou que o RAZR i, da Motorola, vai brigar na faixa de mercado do… Lumia 710 (!): aparelho intermediário com bons recursos (e que deve custar, chutando alto, R$ 1.399 desbloqueado). Saberei a resposta semana que vem, no lançamento do produto aqui no Brasil, dia 4 de outubro. 

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin