ZTOP+ZUMO

Gadget do dia: Pitagora Gol No 1

Inspirado no programa infantil “Viva Pitágoras”, dispositivo incentiva a criação de máquinas de Rube GoldBerg (hein???)

Para quem não sabe ou nunca foi apresentado, Pitagora Suitchi (ピタゴラ スイッチ) é um programa infantil japonês produzido pela NHK dirigido por Masahiko Sato e Masumi Uchino que incentiva as crianças a atiçarem o modo de pensar sobre as coisas.

Viva_Pitagoras_logo_jap

Uma das coisas mais bacanas desse programa é que entre os quadros era apresentado uma vinheta na forma de um dispositivo de armadilhas — também conhecido como máquina de Rude Goldberg — onde no fim sempre mostra uma bandeirinha com o nome do programa em japonês.

Outro exemplo clássico (porém um pouquinho fake) é a abertura do programa Rá-Tim-Bum. Os jogadores da época do PC a lenha também devem se lembrar do TIM (The Incredible Machine) cuja temática também era construir e/ou fazer funcionar uma máquina de Rude GoldBerg.

O curioso é que esse programa também passou por aqui na TVE/TV Brasil e TV Cultura com o nome “Viva Pitágoras”:

Inspirado nessas maquininhas geniais, a empresa japonesa Happinet em parceria com a rede de TV pública NHK criou um brinquedo super geek batizado de Pitagora Gol No 1 (ピタゴラゴール1号) que…

Viva_Pitagoras_caixa

… para ser sincero, como brinquedo em si, ela não faz muita coisa além de levantar uma bandeirinha e tocar a musiquinha do programa (“pitá-gora sui-chi!”).

Viva_Pitagoras_verso

Porém, a grande sacada dessa engenhoca aparentemente inútil é que ela traz na sua essência, uma grande fonte de inspiração para as crianças e pais que adoram esse quadro a criarem juntos suas próprias máquinas de Rube GoldBerg usando qualquer coisa que tenham em casa como caixas, livros, copos, linhas, prendedores, o escambau. Uma mistura de bricolagem, faça-você-mesmo, ensaio de física/mecânica, engenharia civil e é claro, uma bagunça infernal (para o desespero das mães!)

Viva_Pitagoras_montado

A proposta é simples: Fazer com que a bolinha branca (inclusa) role até uma caçapa no brinquedo da maneira mais estrambólica e/ou complexa possível que aciona o mecanismo da bandeirinha e da musiquinha.

Simples não? — Ou quase:

E é claro que com o milagre das filmadoras de celular e do YouTube, você ainda pode compartilhar a sua façanha e o doce sabor do sucesso com o resto do mundo via internet:

O preço sugerido desse brinquedo é de 2.138 ienes (~R$ 54) mas já pode ser encontrado na Amazon do Japão pela bagatela de 1.327 ienes (~R$ 33) mais informações aqui.

 

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • Vagner "Ligeiro" Abreu 07/07/2015, 20:50

    Uma curiosidade sobre a série: Ela veio originalmente pela TV Cultura com o nome “Pitágoras” (sem outras palavras), e a dublagem até era divertida de acompanhar. Depois foi adquirida pelas redes associadas (TV Brasil / TVE, TV Escola e afiliadas) e trocou o nome “Pitágoras” para “Viva Pitágoras”, com uma dublagem meio “cansada”. A diferença principal entre as duas é o nome de alguns personagens das “esquetes”. Por exemplo, o TV João (nome original e correto – o cão que mostra as curiosidades para Pita, Gora e Sr. Enciclopédia) tem o nome de TV Cão na primeira dublagem.

    Wikipedia do programa

    Em tempos: divertido isso 🙂 O equivalente a isso é alguns joguinhos “importados” que tem no Brasil, que tem alguma função secundária: jogo de boliche em miniatura, pista de corrida de carrinhos com algum desafio, etc…

  • dflopes 16/07/2015, 03:47

    bateu saudades das horas “perdidas” na frente da TV com o Prof. Tiburcio ou esperando a frase: “Sen-ta que lá vem a história”.

    E pra chutar o balde:
    https://www.youtube.com/watch?v=1ah3ereevfU