ZTOP+ZUMO (tech, opinião, inteligência)

Pilhas Panasonic Evolta estão à venda (eu vi, juro)

Passando hoje em um supermercado perto de casa eu topei com o equivalente do monstro do Lago Ness do mundo da pilhas: a Panasonic Evolta (oooh!)

A Evolta no Brasil é uma daquelas histórias que sempre acompanhamos, mas nunca publicamos nada por falta de alguns detalhes para nós importantes.  Ela é daquelas coisas que sempre ouvimos maravilhas, incluindo façanhas que deixariam o coelhinho rosa da concorrência (e seu antagonista) vermelhos de inveja, como subir o Grand Canyon em uma cordinha…

====

====

… ou ir andando de Tóquio a Osaka (cobrindo um percurso de 500 km):

===

====

Contextualizando: a Evolta é uma pilha alcalina de quarta geração lançada pela Panasonic em 2008 e que incorpora novos materiais e tecnologias na sua construção — entre elas o aumento na sua quantidade de eletrólitos (elevando sua densidade) sem comprometer o seu volume —  resultando numa pilha com maior acúmulo de energia e durabilidade, deixando pra trás até as famosas Oxyride.

Outra história interessante dessa pilha é que os produtos químicos usados na sua fabricação estavam de acordo com a resolução CONAMA nº 257, de 30 de junho de 1999 que estabelecia níveis máximos de metais pesados, o que permitia que elas poderiam ser dispostas, juntamente com os resíduos domiciliares em aterros sanitários licenciados. Porém essa norma foi substituída pela nova resolução CONAMA nº 401, de 4 de novembro de 2008 que reduziu ainda mais esses níveis (alguns para praticamente zero, caso do mercúrio) sendo que mesmo assim a Evolta manteve-se dentro da norma. Entretanto essa nova regra também decidiu por bem o recolhimento obrigatório de todas as pilhas usadas, de modo que a Panasonic criou seu próprio programa de coleta e disposição adequada:

Apesar de todo esse confete em cima de um produto aparentemente tão bacana, a Panasonic nunca conseguiu nos responder duas perguntas básicas — onde encontrar no Brasil e quanto custa. E como muitas coisas na vida, as respostas podem estar nos locais mais inesperados. Nesse caso na gôndola do supermercado aqui perto de casa, mais exatamente na Cooperativa da Rhodia de São Bernardo…

… e pelo preço de R$ 6,15 pelo pacote com duas pilhas AA e R$ 7,15 pelo pacote com duas pilhas AAA.

Por se tratar de uma pilha “premium” importada do Japão, ela não é a opção mais barata da prateleira, de modo que seu uso é mais recomendado para equipamentos de alta drenagem que possam realmente tirar proveito da sua maior capacidade, como flashes eletrônicos, câmeras digitais, MP3 players, radiocomunicadores etc.

Segundo a Panasonic existe a intenção de intensificar a oferta desse produto no nosso mercado, de modo que ela começará a aparecer em outros pontos de venda.

Para mim, agora resta saber qual será o destino das pilhas recarregáveis Eneloop (as favoritas desse ZTOP) depois que a sua fabricante Sanyo foi comprada pela Panasonic. O dilema é que o pessoal de Osaka tem sua própria linha de pilhas com baixo nível de auto-descarga (incluindo até uma Evolta recarregável). Eu gostaria que a Eneloop sobrevivesse como marca, mas não sei se isso faria sentido para sua nova dona.

 

Ainda em tempo:

Durante a última Photo Image Brazil 2011, a Panasonic fez em seu stand uma demonstração que comparava o desempenho da pilha Evolta com alguns de seus concorrentes do mercado. À esquerda está uma pilha acalina de marca famosa e a direita o produto da casa. 

A engenhoca abaixo é uma mistura de brinquedo de pilha e cronômetro que, ao ser acionado, liga os dois modelos de helicóptero cujo motor é alimentado apenas pelas pilhas AA. Achei essa demo interessante porque ela é bem ilustrativa e bem rápida de ser feita, já que aplica-se uma carga constante nas baterias que são devoradas em minutos. 

Ao pressionar o botão vermelho da base, os aparelhos decolam ao mesmo tempo. Cada um aciona um cronômetro individual que conta quanto tempo (em segundos) eles ficam no ar até  que as pilhas se esgotem…

… fazendo com que o helicóptero desça, parando o cronômetro.

No fim desse experimento, a concorrente aguentou 269 segundos, enquanto que a Evolta alcançou a marca de 504 segundos, uma diferença de 235 segundos ou 87,3%.

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • Ligeirinho

    Eu vi essa da Evolta também na PhotoImage.

  • Então quer dizer que esta pilha vai evolta? (coolface) haha.
    Espero achar estas belezinhas no meu supermercado.
    Vale a pena usá-las no controle do XBOX360?

    • henriquem

      e o prêmio trocadilho infame da noite vai para…

      • HAHAHA, não podia deixar passar essa :DDDD
        Admita que você pensou isso, só não teve coragem de dizer …..

        • henriquem

          o monstro do lago ness esgotou todas minhas possibilidades de pensar bobagem!

    • mnagano

      Ma o meno… Ele foi de Tóquio até Osaka, mas não voltou. 😉

  • Fazia muito tempo que não comprava pilhas porque tenho um estoque grande de eneloops AA e sanyo AAA que garantem a energia dos meus aparelhos.

    Mas mes passado comprei um telefone COM FIO todo hi tech que funciona a pilha e quando fui colocar minhas eneloops nele não encaixou. AI lendo o manual dizia claramente para não usar pilhas recarregaveis.

    Fui no mercado comprar e pra minha felicidade tinha Panasonic Evolta. Nem pensei 2 vezes e comprei na hora, é mais cara mas meu telefone vai ficar muito mais tempo funcionando sem precisar trocar.

    Comprei no Bourbon aqui de Porto Alegre.

    Claro que pra todos os outros casos, eu recomendo as recarregaveis.

  • yasudevil

    Muito bom 🙂

    E essas Eneloops tem no Brasil? Comprei quando morava no Japão e são realmente muito boas.

    • mnagano

      Eu já conversei com alguns lojistas do ramo de fotografia e o que eles me disseram é que alguns até vendem Eneloops, mas elas chegam muito caro no Brasil se comparado com as GPs da vida e outras concorrentes de tudo quanto é tipo/marca/origem. Assim por melhores que elas sejam, às vezes é difícil convencer aquele consumidor mais bronco que só está interessado em preço em pagar um pouco mais por qualidade.

      Pior ainda são aqueles consumidores só interessados em comprar a pilha da melhor marca, com a maior potência e pelo menor preço, independente da sua origem (mesmo que venha do camelô da esquina). Esses acabam levando até pilha falsificada pra casa.

      • Thiagones

        "dizem" que tem tanta Sony falsificada no mercado que quase mais ninguém sabe o que é original e o que é falso.

        Esse foi um conselho de um cara da Sta. Efi que ao que parece não estava tentando me enrolar…

  • Luciano

    Pessoal, quem usa essa pilha percebe a diferença, principalmente nos aparelhos de alta drenagem. Ela é fantástica! Estamos aumentando a distribuição dela no mercado.

    Seguem algumas redes que compram pilhas Evolta da Panasonic: em São Paulo nas lojas C&C , supermercados Dias Pastorinho, Lopes Supermercados, Sonda, rede Atacadão; Zaffari supermercados no RS, Bourbon, Condor em Curitiba, Fujioka em Goiânia, Giassi dentre outros.

    Luciano C. Rike
    Chefe Marketing
    Panasonic

    • Prezado Luciano,

      alguma possibilidade de expandir as vendas além do circuito sul/sudeste?

      Existe demanda por alte tecnologia no meio do mato 😉

      • luciano

        Rsrssr, é claro!
        Vcs compram muitas pilhas nossas, não imaginam quanto!!! (região NO, CO e NE). Obrigado. Informe sua cidade / UF por favor.

  • Achei as pilhas da Sony Cycle Energy no lugar mais inusitado – aqueles restaurantes de beira-de-estrada que vendem produtos organicos/naturais/da roça…

    Nunca tinha encontrado na cidade e aproveitei pra comprar 6 unidades (4 prata e 2 “durado”) – só não comprei mais pois a esposa olhou com cara feia!!! XD

    Bem que está tão dificil comprar pilhas nos supermercado ultimamente, pois as de melhor qualidade ficam em um quiosque separado (junto das bebidas importadas) ou nos caixas (geralmente aprisionadas por alguem que nunca sabe onde está a chave)

  • Anderson Santos

    Tambem estao presentes no Coop aqui de Sao Caetano (B. Barcelona).

  • Saulo Benigno

    Muito interessante o teste. Gostei. E gostei da capacidade 🙂

    Mas realmente, estou satisfeito com minhas Enitime comprada na DX 😉

  • Essas pilhas da Panasonic são boas, usei uma que nem era a Evolta e durou quase um mês com minha caixa de som nokia md-5w.Imagina essa Evolta…

  • Edy

    Comprei em uma das lojas Atacadão por R$ 4,15 e depois acabei encontrando num supermercado de bairro por R$ 3,27 em Vitória da Conquista. Estou fazendo meu teste com um carrinho que está ligado já faz pouco mais de 19 horas (com pilhas comuns não dava nem 12 horas)

    • Dentro dessa pilhas há uma uma mini usina operando.

      • Edy

        O carrinho não é chinês (desses que liga e não sabe para onde ir). Consome pouco.

  • Anonymous

    Olá! Onde posso adquirir essas pilhas recarregáveis da Eneloop no "precinho"? Será que tem na DealExtreme? 🙂

    • mnagano

      Até onde eu sei as Eneloop são feitas no Japão e não na China.

      Pode ser que na Deal role alguma versão “shanzai” tipo Eniloop ou Eneelop.

  • Também comprei no supermercado proximo de casa. São jose SC

  • Se já tem em Belem, já deve ter no restante do país.

    Achei em 3 grandes supermercados e 3 redes de farmácia…

    E o preço não é tão diferente.

    O problema é procurar o nome “evolta” em meio a tanta cartela de pilha!!!

    como diria o fanho, é “evoltante” 🙂 (tu dum tish)

  • Carlos

    Maravilha de pilhas. Para aparatos de alta drenagem eu uso o Duracell Ultra que duram bastante, se achar essas Evolta vou experimentar.
    Aproveitando o embalo, há um mes comprei umas pilhas ray-o-vac que tem ums elo com os dizeres "Dura igual e custa menos", dura nada, uma enganação, ai fui no site da fabricante para reclamar e vi que na verdade elas duram igual e custam menos em relacao a versao anterior da pilha, ou seja dura pouco, mas deve ser melhor que a versao anterior. Infelizmente dura bem menos que a Duracell.

  • Pingback: Robôs da Panasonic querem ser Homens… de Ferro | eco4planet()

  • Pingback: Evolta: pilha recarregável começa a ser vendida por aqui()

  • MalcriadoRJ

    Alô, Ztop! Não sei se vcs ainda leem comentários novos em coisas velhas, mas lembrei de vcs quando vi isto, e achei que seria legal vocês verem: http://pplware.sapo.pt/pessoal/curiosidades/compa