ZTOP+ZUMO (tech, opinião, inteligência)

Philips: TV 4K vem aí, mas só faz sentido em “tamanho XXL”

Apesar de ter dito no passado que não tinha a tecnologia ainda não era muito madura, a Philips terá uma TV 4K no segundo semestre, a ser anunciada oficialmente em setembro durante a IFA 2013, em Berlim. A informação foi confirmada ao ZTOP por Danny Tack, diretor de planejamento e estratégia da Philips/TP Vision, durante a CES 2013. 

“Também estamos trabalhando na nossa TV 4K, com todos seus atrativos, a ser lançada na IFA, com grandes tecnologias. Mas não subestime a TV 4K: ela precisa ser de tamanho XXL”, afirmou Tack. Pelo que o executivo explicou, a tecnologia 4K será lançada inicialmente em telas de 65 polegadas.

“Conforme a tecnologia se consolidar no mercado, poderemos ir para tamanhos menores, como o de 55 polegadas. Mas duvido que tenha algo menor que isso”, comentou.

Mas e tecnologias anunciadas  na CES 2013 com suporte a ultraresolução no tablet e celular (Qualcomm e NVidia mostraram novos chips que rodam 4K)? Faz sentido? “4K faz sentido em um tablet, já que você enxerga a tela de perto e se beneficia da maior resolução.”

Entretanto, Tack ressaltou que a TV 4K será voltada no primeiro momento para o mercado europeu, e não deve ser lançada ainda este ano no mercado brasileiro. O executivo fez uma demo da TV 4K de 65″ da Philips, ainda um protótipo, e não foi possível tirar fotos.

Outra tecnologia que também deve ser anunciada na IFA 2013 pela Philips é a de TVs 3D sem óculos. Também vi uma demo da TV e foi uma das experiências mais interessantes que tive com esse tipo de tecnologia – talvez por estar em um ambiente controlado e não na bagunça de um centro de exposições. É preciso ficar a uma distância determinada da tela e pronto, a imagem 3D se forma na sua frente.

Tack fez uma demonstração de como a imagem se forma na tela para gerar o efeito 3D. A imagem abaixo é um “mapa 3D” da foto que abre este post. Quanto mais vermelho, mais à frente o objeto aparece à frente dos olhos. Note a barrinha com um traço azul na base da tela: se o espectador consegue ver apenas uma barra azul (independente da posição), a imagem 3D aparecerá sem problemas. Dois traços e você está longe ou perto demais do ângulo certo.

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin