ZTOP+ZUMO 10 anos!

Pensando pequeno

Demonstração do D210GLY Mini-ITXIDF 2007 San Francisco: Relendo o post sobre minha conversa com Stephen Smith a respeito da evolução do Celeron, me lembrei de algo que vi na apresentação do Grupo de Mercados Emergentes.

Era um produto meio eclipsado ao lado de iniciativas mais interessantes, como os notebooks de baixo custo, mas que pode ter talvez um impacto até maior nos paí­ses onde o tema “computador barato” (Brasil e muitos outros) ainda é um assunto em alta.
Estou falando da Intel Desktop Board D201GLY, uma pequena placa-mãe com apenas 17,5 cm de lado que lembra muito as placas Mini-ITX da Via Technologies.

A D201GLY faz parte da chamada linha Essential series e foi feita para permitir a montagem de PCs simples e baratos, bastando adicionar memória, fonte, gabinete e um disco rí­gido ou leitor de CD/DVD.

Na documentação distribuí­da, a Intel explica que esse produto é voltado para atender as necessidades básicas de acesso í  internet, e-mail, sistemas de mensagens instantâneas e até VoIP.

Intel Desktop Board D201GLYComo as Mini-ITX da Via, a D201GLY já vem com um processador Celeron com FSB de 533 MHz soldado na placa e, por mais estranho que possa parecer, utiliza chipsets SIS 662/964L.

Ela vem com funcionalidades mí­nimas como um slot PCI, apenas um slot de memória para até 1 GB de DDR2 400/533, porta EIDE ATA 66/100, rede fast Ethnernet, som AC’97 e seis portas USB 2.0. A aceleradora gráfica é o modesto SiS Mirage, já integrado no chipset.

Como disse, nada muito sofisticado, mas acredito que deverá vender que nem pão quente em paí­ses como no Brasil, onde a aquisição do primeiro computador – de preferência barato – ainda é um assunto quente.

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.