ZTOP+ZUMO 10 anos!

Números enormes: TV Samsung Q6F (2018) e a Copa em 4K

Ano de Copa do Mundo, fabricantes correm para lançar novos modelos de televisores. A Samsung vai na contramão: mantém a linha 2017 (como a gente já tinha dito lá em janeiro na CES) e anunciou hoje um modelo apenas que chega às lojas agora em abril, a QLED Q6F de 55 polegadas – que já chega com o novo app do canal SporTV que vai transmitir ao vivo em 4K a maioria dos jogos da Copa da Rússia.

O app, na verdade, já tinha sido anunciado faz um tempinho, mas agora está disponível para download nos modelos de televisores 4K da Samsung vendidos em 2016, 2017 e 2018 (tem até um tutorial com o Tite):

A pegadinha para o app é que para poder utilizá-lo é necessário ser assinante dos canais SporTV nas redes de TV a cabo. E, apesar de ser (por enquanto) a única opção de transmissão dos jogos em 4K (imagino que operadoras como a NET farão testes como os do Rock in Rio ano passado), uma coisa é certa: seus vizinhos vendo na TV convencional vai gritar gol primeiro, por conta dos micro-atrasos na transmissão via internet.

Pelo menos você pode se gabar que tem qualidade melhor de imagem.O app do SporTV vai transmitir ao vivo 56 dos 64 jogos da Copa (simplesmente porque no final da primeira fase alguns jogos são simultâneos). Se perder algum deles, o replay estará disponível sob demanda:E enquanto a Copa não começa, o app da SporTV tem dois (?) jogos – um do Campeonato Paulista e um da Copa do Brasil – para “degustação”. O aplicativo também traz reportagens do canal esportivo. Sobre a TV nova: a Q6F é um modelo novo da série QLED (topo de linha com tela de pontos quânticos) de 55″ (muito parecida com um modelo que testei recentemente) e com controle remoto único e “one connect” (a caixa externa que conecta todos os aparelhos adicionais – Apple TV, Chromecast, TV a cabo, videogame etc). Chega às lojas agora em abril, pelo preço sugerido de R$ 8.999.

Mais fotos da Samsung Q6F:

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin