Números enormes: 2.200 modelos de notebooks à venda no Brasil

N

Números enormes, estranhamente enormes: existem cerca de 2.200 modelos de notebooks distintos à venda no mercado brasileiro. Acha muito? Na Alemanha são mais de 9.000, e a Rússia, mais de 10 mil, de acordo com dados divulgados hoje pela GfK Consumer Choices, que faz pesquisa de mercado.

Mais números enormes do mercado de notebooks e portáteis no Brasil, de acordo com a GfK:

  • em 2011, foram vendidos 5 milhões de notebooks no país (aumento de 60% em relação a 2010);
  • só em dezembro, foram 800 mil unidades comercializadas no varejo
  • mais de 1/3 das vendas é de máquinas com valor abaixo de R$ 1.000
  • supermercados, hipermercados e lojas de departamentos representam 35% das vendas de informática no varejo – que ofereceu 1.548 modelos distintos durante o ano
  • os 2.200 notebooks à venda no mercado nacional são oferecidos por 55 marcas distintas, mas apenas 5 respondem por 70% das vendas. Modelo = nome do produto que sai na nota fiscal do varejista. Uma mesma máquina, sob esse ponto de vista, pode ter vários modelos com quantidade de memória (2, 4, 8 GB) ou HD diferentes. Isso explica a grande quantidade.
  • o que se compra em média nacional: desktops (34%), netbooks (8%), tablets (5%) e máquinas all-in-one (3%) – o resto é notebooks. No Sul, notebooks lideram (57%); no Nordeste, desktops vendem mais que a média brasileira (41%) e na Grande Rio e Grande SP, tablets também estão acima da média (8%).

 

Sobre o autor

Henrique Martin

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos