ZTOP+ZUMO 10 anos!

Samsung e as lasers com estilo

Entre os diversos produtos de impressão apresentados ontem pela Samsung, o que chamou mais a atenção foram duas pequenas lasers que prometem levar estilo e sofisticação num universo ainda dominado por monótonas caixas brancas ou BBB (Boring Beige Boxes), como dizem os bretões.

Os dois modelos, anunciados oficialmente na semana passada em Berlin, durante a IFA 2007, chegam nos próximos meses ao mercado brasileiro.

small_ml-1630.jpgA primeira delas é a ML-1630 uma pequena laser monocromática de apenas 12,1 cm de altura, estilizada na cor preto brilhante (Black Piano) muito em voga nos monitores e TVs da empresa (e da concorrência também). A Samsung optou por trazer apenas o modelo na cor preta, apesar de existir uma mesma versão na cor branca brilhante como os produtos da Apple.

Rigues diz: Falando em Apple… é impressão minha ou mais alguém acha a ML-1630 a cara da NeXT Printer, a impressora da finada empresa de informática de Steve Jobs na década de 90?

Todos os seus controles são do tipo soft touch e, em vez de um visor convencional, o ML-1630 utiliza uma matriz de LEDs azuis que formam imagens e animações ligadas í  um ou outro procedimento.

Mais voltada para uso pessoal, a ML-1630 imprime a 16 ppm e possui resolução de saí­da de 1.200 x 600 ppp e se comunica com o PC via porta USB 2.0. Ela trabalha com uma linguagem de impressão própria (SPL) e aceita até 100 folhas na sua bandeja de alimentação automática e 30 folhas na sua bandeja de saí­da. Seu conjunto de toner/cilindro tem autonomia estimada de 2 mil impressões, sendo que o cartucho inicial que acompanha o produto vem com a metade dessa capacidade (mil impressões). O ciclo de trabalho é de aproximadamente 5.000 páginas/mês e é compatí­vel com Windows 2000/2003/XP e Vista, Mac OS X e algumas versões do Linux.

small_scx-4500.jpgTambém foi demonstrado o modelo SCX-4500, que além das funções de impressão praticamente iguais í s da ML-1630, vem equipado com um scanner de mesa com resolução óptica de 600 x 2.400 ppp e as funções de cópia e digitalização de documentos.

Segundo João Hiroshi Yazaki, gerente de produtos de impressoras da Samsung, o público-alvo dos dois modelos são aqueles usuários interessados num equipamento de pequeno porte e uso pessoal que não agrida o clima e/ou a decoração do ambiente de trabalho.

Yazaki acredita que o preço sugerido tando da ML-1630 quanto da SCX-4500 esteja um pouco acima dos seus modelos de entrada, o que não deve ser muito já esses equipamentos já podem ser encontrados na faixa de R$ 300. É um produto mais ‘premium’, afirmou. (deve fazer o maior sucesso em lojas como FNAC e na mesa de diretores de agências de publicidade).

Com relação aos modelos de pequeno porte e uso pessoal, o executivo da empresa está muito satisfeito com suas vendas, conseguindo entrar recentemente em importantes canais de varejo, como a rede Kalunga. O próximo passo, segundo ele, é de iniciar uma campanha de educação do público, mostrando que a impressão í  laser deixou de ser privilégio de grandes empresas e que mesmo usuários domésticos podem tirar proveito de uma tecnogia de menor custo por página impressa. Uma das estratégias seria de oferecer suprimentos mais adequados para aqueles que não imprimem muito, de fácil manuseio a preços mais atrativos.

Quando perguntamos se ele acredita que o preço das lasers de entrada poderiam cair mais, ele diz que o bottom line deve ficar na faixa dos R$ 250~R$300. Menos que isso, as empresas teriam que partir para certas soluções que não tornariam a tecnologia viável.

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.