Notas da Zumo-caverna: compartilhe o Wi-Fi do Mac com o Blu-ray

N

bd_online

Já falei aqui neste Zumo sobre o Blu-ray player BD370, da LG. Por sua porta Ethernet, o aparelho acessa o YouTube, faz updates de firmware e permite ver recursos adicionais em BD-Live nos filmes. Só que tentar usar o modo online pode ser um problema para muita gente (incluindo este que vos escreve): como levar um cabo de rede até um Blu-ray na sala quando meu modem ou roteador ficam no escritório, longe do aparelho? E se a configuração da rede der problema? E se não funcionar?

A resposta mais fácil (e simples) é a mais básica: compartilhe a conexão Wi-Fi do seu notebook (no meu caso, um MacBook alumínio de 13″) com o BD370 usando um cabo Ethernet. Mas nem sempre a vida é fácil. Como Blu-rays com YouTube ainda são novidade no mercado, pouca gente  conseguiu fazer isso funcionar direito (ou ao menos contar como foi).

Segui alguns passos sugeridos para compartilhar a conexão do Mac com o Xbox 360, mas não funcionou na primeira, na segunda, na terceira nem na quarta tentativa. Tentei com a rede Wi-Fi aberta, e nada. Troquei do Virtua para o Speedy e nada. Estava quase desistindo quando toca o telefone: era o incrível zumo-leitor Edu Lima, que trabalha com redes e ligou para me salvar. Detectamos duas falhas no meu processo:

– Problema número 1: eu estava usando um cabo Ethernet comum. Estava errado: tem que usar um cabo Crossover para a tarefa (felizmente, eu tinha um aqui).

– Problema número 2: aparentemente o Mac OS X Leopard tem algum bug de compartilhamento de rede e eu estava usando uma faixa de IPs diferente do que o Mac deve usar.

Então, resumindo a questão, tudo rodou muito bem depois que a configuração correta foi aplicada. Para funcionar direito, veja o que fazer:

1) na rede sem fio

– Não faça nada. Deixe ela lá, quietinha no canto dela, no escritório, que é lugar de roteador.

2) no Mac

– Ative o compartilhamento de internet nas Preferências de Sistema (Internet e Rede | Compartilhamento):

mac_config_sharing

– Conecte o cabo Cross ao BD370 e ao notebook;

– Configure a conexão Ethernet nas Preferências de Sistema | Rede, escolha a configuração manual e preencha com os seguintes valores:

rede_mac

3) no LG BD370:

Vá às configurações do aparelho, escolha Rede. Em Modo IP, opte por IP estático. E em Configurações do IP, preencha com os valores abaixo:

bd_config_2

O importante é que os endereços IP (10.0.0.x) estejam na mesma faixa no Mac e no Blu-ray (usei o 10.0.0.1 no Mac e 10.0.0.10 no BD370). Note que o servidor DNS está configurado com um valor OpenDNS. Com tudo configurado, volte ao menu inicial do BD370 e acesse o ícone do YouTube – e boa navegação em vídeos em baixa definição.

Esse tipo de configuração deve ser similar em outros Blu-ray players e TVs que acessam a internet e, mais notadamente, o YouTube – Panasonic e Samsung têm aparelhos assim já à venda no mercado brasileiro também, além da LG. Não é a solução mais elegante do mundo ficar com o notebook ligado por cabo ao Blu-ray player na sala de estar, mas é algo que resolve o problema sem precisar passar um cabo de rede pela casa toda.

O resultado final na tela do seu televisor será algo assim. Depois, é só navegar. Num mundo ideal, o reprodutor de Blu-ray viria com Wi-Fi integrado…

ytube_bd

Sobre o autor

Henrique Martin

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin


RSS Podcast SEM FILTRO




+novos