ZTOP+ZUMO

Netflix no Brasil: mensalidade é de R$ 14,99 (atualizado)

(atualizado 10h43 e 11h04) A Netflix lança hoje seu serviço de vídeo on-demand no Brasil, e a mensalidade de R$ 14,99 permite assistir a vídeos no computador, iPhone/iPad e videogames, de maneira ilimitada. Para tentar atrair novos assinantes, o primeiro mês é gratuito, e vai concorrer no mercado local com players como NetMovies, Saraiva Digital e Terra TV.

Em julho, a Netflix tornou oficial sua chegada ao Brasil. Na época, Jessie Becker, vice-presidente de marketing da Netflix, disse no blog oficial da companhia que “membros na região vão poder acessar o netflix.com em espanhol, português ou inglês, dependendo da preferência, e vão poder ver entretenimento nas suas TVs por meio de diversos equipamentos capazes de fazer streaming do Netflix, assim como PCs, Macs e dispositivos móveis”.

No lançamento, a Netflix funciona em qualquer computador com banda larga, Sony PS2 ou PS3 e Nintendo Wii. Em uma segunda fase, também rodará em Xbox e TVs conectadas da LG e Samsung (e demais fabricantes), Blu-ray players conectados e aparelhos móveis (iPad e iPhone, lá para outubro ou novembro).

Conteúdo? A Netflix diz que fez contratos de licenciamento com Paramount, Sony Pictures Television, NBC Universal International Television, TV Bandeirantes, ABC Television, CBS Television, MGM, Dorimedia, Lionsgate, Summit, Miramax, Relativity, BBC Worldwide, Televisa, Telemundo, TV Azteca, Caracol, Telefe e Disney. Parte desse conteúdo já está em alta definição, mas a empresa diz que a qualidade se adapta à conexão do assinante (1 Mbps seria menor qualidade, 20 Mbps, maior). Rede Globo licencia conteúdo para a Netflix fora do Brasil, mas não existe acordo para o mercado local.

Exemplos de filmes e séries: “Polícia 24h”, do Brasil; “Mar de Amor”, do México;  “A Rainha do Sul” e “Mad Men” dos EUA. Em filmes, “Velozes e Furiosos 4”, “Jornada Nas Estrelas: A Nova Geração”, “Crepúsculo” e “Dirty Dancing – Ritmo Quente”, “Toy Story: Os Rivais”, “Procurando Nemo” e outros (nada aparentemente muito “quente”).

Reed Hastings, co-fundador e CEO da Netflix, disse que são “milhares de horas de conteúdo” disponíveis na rede brasileira. “Vamos começar e ver o que o consumidor quer, descobrir os gostos particulares e aumentá-los”, afirmou. A Netflix informa que  espera “duplicar” o número de horas de conteúdo disponível no site brasileiro até o final do ano.

Hastings afirma ainda que a Netflix “não substitui a TV a cabo, é um complemento ao aluguel de DVDs”. A janela de lançamento entre um filme no cinema e chegar à grade da Netflix é de pelo menos um ano, e para séries de TV, a temporada anterior ou parte da atual, segundo Hastings.

Banda larga? Hastings foi mega político na resposta: “Temos redes de distribuição de conteúdo (CDNs) localizadas, investimos nisso e, se sua conexão ao YouTube funciona bem, você também terá uma boa imagem com a Netflix”.

Vale lembrar que este ZTOP já havia antecipado a informação que o Netflix viria para o mercado brasileiro no lançamento das novas TVs 3D da LG e quando o Boxee foi lançado. Veja as primeiras impressões do serviço.

Além do Brasil, a Netflix será lançada em outros 42 países da América Latina e Caribe a partir da próxima semana. O preço médio na região para a assinatura será de US$ 7,99 (e 39 pesos na Argentina).

 

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • Gabriel Durand 05/09/2011, 08:48

    Vida longa e próspera ao Ztop e Netflix!

  • Sigma7 05/09/2011, 09:44

    Não tem 1 filme que preste!

  • dflopes 05/09/2011, 09:47

    Alguma possibilidade de aparecer em TVs conectadas? PS3?

    Quais são as possibilidades de acordos com LG, Sony e Samsung?

  • Glauco 05/09/2011, 10:33

    Com um acervo novo como esse (Nemo), não vai vender muito não.

  • André 05/09/2011, 11:10

    Conteúdo no momento é quase nulo, não vale a pena assinar…

  • Jorge 05/09/2011, 11:54

    O conteúdo até agora está parecendo a minha locadora do bairro… só velharia :/ E está bloqueado pro ipad ainda.

  • fab4t 05/09/2011, 13:03

    A ver! O conteúdo parece pouco, ainda, mas, SE eles resolverem isso, é uma alternativa e tanto (sim!) às TVs à cabo.

  • Leandro 05/09/2011, 13:08

    velocidade minima de banda larga = 5mb???

    o preço ta bom, mas longe da realidade com nossa ADSL e 3g precários…

  • hitokiri_ken 05/09/2011, 14:54

    vai ter um review do pessoal do Ztop? Eu sei que dá pra assinar, mas queria uma análise mais detalhada principalmente com relação à qualidade do sinal e se temos opção de escolher trilhas de audio e legendas…

    • henriquem 05/09/2011, 15:35

      vou brincar aqui um pouco e te digo.

  • dflopes 05/09/2011, 15:58

    segundo o forum que participo (pdabr.com), nesse tópico, já está disponível no PS3 e Wii.

    Inclusive, já testei no ps3 – mas não baixei nada, só confirmei que acessa. Antes, não era possível “passear” pela loja no pse (deveria ser bloqueado por IP)

    Só não gostei pois aceita apenas master/visa… e american? boleto? débito?

    Tudo bem, não devemos ser tão exigentes num lançamento de um serviço num país tão “burrocrático” qto o nosso.
    Ou devemos?!

  • reeck 06/09/2011, 00:27

    Assinei já e tenho internet de 1 MB. Nao precisa ter de 5 mb po. Voce pode optar pela qualidade baixa, alta ou HD. Tem filmes clássicos e bons, sim, dêem uma chance.

  • Delaine 07/10/2011, 22:44

    Porque o site ta o tempo todo fora do ar!?