Netbook da Lenovo: primeiro nas escolas e empresas

N

lenovo_s10e_intro_small

Depois da HP e da Dell, finalmente chegou a vez da Lenovo anunciar a chegada de seu netbook ao Brasil — o IdeaPad S10e — inicialmente voltado para o mercado corporativo e de educação (daí o sufixo “e”). Em termos práticos isso não significa lá muita coisa, já que qualquer um poderá adquiri-lo diretamente no site da empresa a partir da próxima semana (30/mar), como se faz hoje com um ThinkPad.

lenovo_s10e_recursos

Como é tradição nos computadores da empresa, um dos grandes atrativos do S10e é seu conforto de uso, com especial preocupação com seu teclado em português e monitor LCD de 10,1″ com resolução nativa de 1.024 x 600 pixels com iluminação por LEDs e acabamento anti-reflexo. Ele mede aproximadamente 24,9 x 3,0 x 18,2 cm e 1,2~1,4 kg de peso dependendo do tipo de bateria (de 4 ou 6 células). O produto terá opções de disco à partir de um SSD de 4 GB até HDs convencionais de 160 GB.

lenovo_s10e_lateral_small

O processador é o já conhecido Atom N270 de 1,6 GHz com HT, aceleradora gráfica Intel GMA 950 e Wi-FI 802.11b/g. O produto virá com Windows XP SP3 mas também poderá ser oferecido sem sistema operacional. Ele vem com 512 MB DDR2 667 soldado na placa-mãe e um slot para cartão SODIMM. Segundo a Lenovo, sua capacidade máxima será de 1,5 GB, ou seja, não é possível desligar a memória interna e adicionar um pente de 2 GB como no MSI Wind / Mobo White. O portátil ainda conta com duas portas USB 2.0, slot para cartão de memória Flash (SD/MMC/MS), porta SVGA e de áudio.

lenovo_s10e_expresscard_small

Um recurso que, por enquanto, só vimos no netbook da Lenovo é a presença de um slot ExpressCard/34 (yay!) o que permite a instalação de diversos acessórios, entre eles um modem 3G, já que o mesmo não pode ser implementado internamente no S10e. A empresa chegou a contatar algumas operadoras para analisar possíveis parcerias, mas nada de concreto foi fechado.

lenovo_quickstart_small

Outro recurso exclusivo é o Application Laucher, um botão de atalho que fica ao lado da chava liga/desliga do Wi-Fi que pode ser programado para chamar algumas aplicações como o Quick Start (à esquerda, muito parecido com o Asus Express Gate). Dentro do Windows, o botão pode ser usado para chamar as aplicações preferidas pelo usuário.

Segundo a Lenovo, a versão mais simples do S10 será um modelo com 512 MB de RAM, 4 GB de disco SSD e Windows XP e cujo preço se inicia na faixa dos R$ 1.600.

O modelo apresentado na coletiva ainda era um protótipo, de modo que iremos esperar pela versão final montada no Brasil para fazer um review. Fiquem ligados.

Sobre o autor

Mário Nagano

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World.
Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

Disclaimer: o ZTOP+ZUMO tem links de afiliados com a Amazon e pode ser
remunerado caso você clique em links neste artigo e compre algo.

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos