ZTOP+ZUMO

Netbook com Ion + Flash Player 10.1 = YouTube Full HD!

NVidia_flash_intro

Acabei de receber um recado do pessoal da NVidia sobre o lançamento da versão preliminar do  Flash Player 10.1 que, entre as melhorias, está o suporte para aceleração por hardware via GPU. Ao mesmo tempo a NVidia anunciou o beta de um novo driver de vídeo para sua plataforma Ion já com esse recurso o que permite, por exemplo, assistir a vídeos em Full HD no YouTube sem asfixiar a CPU.

Como estamos com um netbook com Ion aqui na Zumo-caverna aqui de bob(err…) quero dizer, em avaliação, fizemos alguns testes rápidos e não é que a experiência muda da água pro vinho?

Para isso baixei e instalei o novo beta do Flash Player 10.1 (aqui) e um driver (também beta) do site da NVidia release 195.55 que está disponível nas seguintes versões:

Depois disso, montei o netbook com processador Atom 230 de 1,6 GHz, 2 GB de RAM, chipset Ion e Windows 7 Ultimate numa TV LCD de 40″ Full HD (via porta HDMI), mas, antes de rodar os testes, fiz uma gravação preliminar de como é a (atual) experiência de ver vídeos em HD no YouTube num netbook com Ion. O vídeo escolhido foi o Trailer do filme The  Dark Knight em Full HD 1080p.

Podemos ver que o vídeo e o som engasgam ao ponto que nem aguentei gravar esse vídeo até o fim:

Mas depois de instalar os novos Flash Player 10.1 e o driver 195.55 a experiência foi completamente diferente. Apesar de o vídeo ser reproduzido a 30 qps e sentirmos que a reprodução não estar de todo macia — não se esqueça ainda se trata de um beta — a diferença é simplesmente gritante:

Segundo Richard Cameron, territory manager da NVidia no Brasil, essa tecnologia está mais para PureVideo do que GPGPU, ou seja, o que a Adobe fez foi permitir que seu novo Flash Player pudesse tirar proveito dos recursos de aceleração gráfica das GPUs do mercado, de modo que a concorrência deve estar reescrevendo seus próprios drivers para tirar proveito desses novos recursos.

Cameron afirma que com esses novos drivers é possível tornar ainda mais agradável a experiência de consumir conteúdo de alta definição sem ter que investir em plataformas caras ou processadores extremamente velozes e que é, por sinal, a grande bandeira levantada pelo pessoal de verde de Santa Clara.

A previsão é que o Flash Player 10.1 esteja disponível na sua versão final até o primeiro semestre de 2010.

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • Willian Argollo 17/11/2009, 21:16

    Simplesmente sensacional!!!

    Será um novo passo p/ se assistir vídeos com excelente qualidade na internet???

  • Walter Mercado 18/11/2009, 01:35

    @Willian:
    Não chega a ser um novo passo, mas abre algumas possibilidades não disponíveis anteriormente.

    @Nagano
    Vale lembrar que o 10.1 vai usar a aceleração DXVA então, teoricamente, é compatível com as Radeon HD e até Intel série 40 (GL40, GM45, etc). [i]PureVideo, UVD e Clear Video. Parece que o chipset Poulsbo dos Atom Z (Nokia Booklet e alguns Dell Minis) também suporta[/i]
    Tem um processador auxiliar da Broadcom também compatível com a aceleração do Flash 10.1.
    Mais informações no release note disponível no link que você postou.

  • Walter Mercado 18/11/2009, 01:43

    Ha! maldito vício em bbcode… 🙁

    mudando de assunto, tomara que a nova geração de placas da nvidia venha logo e seja competitiva… Quando abriram espaço pra citação de representante da nvidia já esperava que fosse encaixar CUDA, PhysX, etc, não param de falar só disso e pouca coisa de produtos, principalmente nos releases. :p

  • dflopes 18/11/2009, 07:27

    @Mr. Nagano,

    fiquei impressionado com a mudança na velocidade… Pena que é só em placas mais recentes. Meu desktop tem um P4D c/ uma NVidia 6200.

    Tá, eu sei, tira o escorpiao do bolso e te coça para um upgrade.

    E segue quais as placas compatíveis:
    – NVIDIA, from the GeForce 8 series, 9 series or GeForce GT/GTX series, as well as their mobile equivalents. that means anything after G80 (sorry, GeForce 8800 GTX, GTS 640/320MB and Ultra owners are out of luck).
    – Anything based on NVIDIA’s ION chipset is also supported

    – AMD supports the following:
    · ATI Radeon™ HD 4000, HD 5700 and HD 5800 series graphics
    · ATI Mobility Radeon™ HD 4000 series graphics (and higher)
    · ATI Radeon™ HD 3000 integrated graphics (and higher)
    · ATI FirePro™ V3750, V5700, V7750, V8700 and V8750 graphics accelerators (and later)

    – As intel GMA não foram tão bem nos testes!
    =====================================================
    @walter,

    só uso o CUDA para rodar o Folding@Home (24/7) e para codificação de vídeo em divx.

    Deixa o processador livre para não atrapalhar os meus modelos matemáticos!

  • João 18/11/2009, 07:59

    Maiores detalhes nesse netbook aí?
    Será lançado no BR?
    Abs

  • Walter Mercado 18/11/2009, 11:55

    argh, perdi a resposta pro dflopes… vamo de novo:

    O problema não é a tecnologia, mas o fato de só darem ênfase a isso no lugar de produtos (em quase dois anos só saiu de interessante o ION, que é uma plataforma que usa um chipset que já existia com um processador de uma empresa que eles odeiam. 3D Vision é legal também, mas tem um mercado muito pequeno na minha opinião).
    Pior, por serem tecnologias proprietárias, é bem provável que se tornem irrelevantes (a exemplo da API Glide, que era a sensação em aceleração 3D, mas foi substituída por OpenGL e Direct3D). Não por acaso, as alternativas ao CUDA se chamam… OpenCL e DirectCompute…
    A ATI possui alternativas proprietárias também, mas falou pouco nelas (enquanto lançou 2 gerações completas de placas nos últimos 2 anos). Apesar das iniciativas da nvidia serem mais avançadas e difundidas, já tem um cluster de Radeon HD4870 no quinto maior supercomputador do mundo (4870 lançada na mesma época da geração atual da nvidia e substituída na gama da ATI).

    – por sinal, as duas funções que você citou também são aceleradas em placas ATI (com as APIs proprietárias dela).

    Eu sei que parece um pouco trolling, mas a real é que eu torço mesmo pra nvidia se acertar com a família de produtos que saí ano que vem. Especialmente que cubram toda a gama de produtos (o que demorou 1 ano e meio pra acontecer com a família GT/GTX).
    Torço pra caramba pela competição entre as duas empresas e fiquei um pouco incomodado quando pela primeira vez, sinto que o melhor custo/desempenho ficou com a mesma marca por 2-3 anos seguidos…

  • dflopes 18/11/2009, 14:46

    @Walter,

    sem stress!!!

    Minha primeira placa gráfica foi uma ATI, mas a NVidia veio com boas propostas (teccnologia x preço)

    Não sabia de “OpenCL” e “DirectCompute”, pois só pesquiso novidades qdo vejo em algum site/blog de tecnologia.

    Acho que vi o NVidia/CUDA aqui (com o teste de codificação em Divx), por isso que fui atrás e vi que o Note aceita!

  • Luciano Silveira 18/11/2009, 17:28

    Faltou um antes e depois de consumo da CPU.

  • dflopes 20/11/2009, 02:35

    tentei baixar o drive da nvidia mas "o link não existe" 🙁

    • Walter Mercado 20/11/2009, 14:48

      Tenta tirar o "_other" dos endereços

  • Gigiobat 20/11/2009, 09:03

    Qual seria o netbook que vc utiliza…