Mountain Lion: OS X vai ficar com mais cara de iOS

M

A Apple liberou hoje para desenvolvedores de software uma prévia da nova versão do sistema operacional OS X, codinome Mountain Lion.

Entre as principais novidades estão a integração de diversos recursos presentes no iOS (o sistema foi “inspirado no iPad”, diz o site oficial), aos computadores da Apple. O lançamento para o consumidor final está previsto para a metade do ano, no verão norte-americano, sem preço definido ainda – ou cerca de um ano após a chegada do Lion.

O recado da Apple é claro: o OS X fica com jeito de iOS no mesmo ano que a Microsoft lança uma nova versão do Windows (8) que terá a mesma interface em smartphones, computadores e tablets (incluindo uma nova família de produtos com processador ARM). O segundo semestre será bastante interessante, assim que Mountain Lion e Windows 8 chegarem ao mercado.

Os principais destaques do OS X Mountain Lion:

1) o que vem do iOS?

Se você tem um aparelho com iOS 5, vai ver que tem coisas muitos parecidas na nova versão do OS X:

– Messages (substituto do iChat e integrado ao iMessage do iPhone e iPad; versão beta já foi liberada para usuários de Lion; mantém integração com AIM, Jabber, Yahoo!Messenger e Google Talk),

– Central de notificações

 

– Notas e Lembretes (mas nada de Siri para Mac, por sinal)

– Game Center (sim, os Macs também servem para jogar)

– maior integração com o Twitter

e (uia) espelhamento de vídeo via Air Play para a Apple TV (720p – e espero ansiosamente por isso).

2) o que tem de muito novo?

A Apple diz que o Mountain Lion oferece mais de 100 novos recursos. iCloud é o grande destaque: 100 milhões de usuários já estão cadastrados no serviço online da Apple, e a sincronia de contatos, e-mail, calendário (etc…) está integrada direto ao Mountain Lion, tudo sincronizado em todos os dispositivos.

Em segurança, o recurso GateKeeper permite aumentar o controle sobre aplicativos baixados e instalados no Mac – mantendo opções atuais (qualquer app), somente de desenvolvedores certificados ou, no caso mais extremo de proteção contra malware,  apenas de apps via Mac App Store, por exemplo.

E, pela primeira vez, a Apple vai lançar vários recursos específicos para a China, com integração com serviços locais (Baidu, Youku, Tudou e provedores de e-mails locais) e melhorias para digitação em chinês.

Mais telas oficiais do OS X Mountain Lion:

Sobre o autor

Henrique Martin

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos