Preview: Motorola One Action

P

O Motorola One Action chega às lojas hoje (16) com uma nova proposta de câmera: tem uma lente grande angular com sensor invertido para… filmar na vertical e ter resultados na horizontal. É um smartphone com câmera de ação.

motorola one action

À primeira vista, o Motorola One Action lembra muito seu irmão mais velho, o Motorola One Vision, pela tela comprida, o sensor de digitais na traseira e, bem, a mesma forma.

Motorola One Vision e Motorola One Action: quase iguais

Mas o modelo mais recente tem algo a mais: três câmeras na traseira: uma “normal” de 12 megapixels de resolução f/1.8, um sensor de profundidade de 5 megapixels e uma nova “câmera de ação” grande angular (117 graus) que só faz vídeos, com estabilização eletrônica e sensor quad-pixel (quatro vezes mais sensível à luz). A maluquice do vídeo será explicada mais à frente neste texto.

motorola one action

O Motorola One Action vem com processador Samsung Exynos 9609 (octa-core, 2,2 GHz), 128 GB internos (expansíveis com cartões microSD de até 512 GB), 4 GB de RAM, tela 21:9 com resolução FHD+ (1080 x 2520) e roda Android 9, sendo parte do programa Android One, com atualizações de segurança mensais por três anos e dois upgrades de sistema operacional (Android Q e R).

A bateria tem capacidade de 3.500 mAH e vem com um carregador rápido de 10W na caixa.

Especificações completas:

Embaixo, o One Action vem com alto-falante (mono) e o conector USB-C:

motorola one action

…Em cima, o conector para fone de ouvido padrão 3,5 mm:

Do lado direito, o botão de liga/desliga e o controle de volume:

E do esquerdo, a bandeja de SIM Card e cartão microSD:

Momento elogio enorme ao Motorola One Action: a gaveta é feita em metal e, como não tem o buraquinho integrado a ela (fica ao lado), vem com um alerta (ainda que em inglês) do lado certo na hora de encaixar de volta.

O One Action virá em três cores: Azul Denim (que parece um pouco preto dependendo do ângulo), Branco Polar e o novo Aquamarine, esse azul claro-borrado-furta-cor (mas essa cor será lançada apenas em meados de setembro).

Isso é azul, tá?
Branco Polar
Aquamarine: sim, o meio é um pouco “desbotado”

Motorola One Action: câmera

O grande diferencial do Motorola One Action é ter essa câmera grande angular dedicada a vídeos (ela não funciona no modo foto, porém é possível capturar imagens durante a gravação). Apesar de a câmera principal permitir gravação em resolução 4K, a “câmera de ação” se limita a Full HD (até 60 quadros por segundo).

Apesar de o One Action ser vendido como “câmera de ação”, a Motorola não citou nenhum tipo de proteção especial no smartphone (afinal, ação significa, ocasionalmente, quedas no chão) ou acessórios para usar o smartphone como uma GoPro, por exemplo.

Na prática, ao ativar o modo vídeo na câmera, mesmo com o celular na vertical, o vídeo fica na horizontal (e, meio óbvio, se virar o smartphone para a horizontal, a câmera segue… vertical). Isso acontece porque o sensor, dentro do aparelho, está virado 90 graus – me faz perguntar “por que não pensaram nisso antes?” (porque alguns apps se aproveitaram do engano dos usuários e capitalizaram em cima de um formato errado se pensarmos em padrões 4:3 ou 16:9 da TV/Cinema, oras).

Faz sentido o sensor invertido também porque é mais fácil filmar com o smartphone na vertical do ponto de vista da ergonomia, para segurar o aparelho. O botão para alternar para “vídeo normal” está a um toque (ao lado esquerdo do vermelho-gravação).

vídeo na vertical… com celular na horizontal, na lente grande angular.

Uma demo de vídeo com a estabilização ligada (note no reflexo que estou balançando a mão de propósito). Achei bom:

Galeria de fotos

Motorola One Action: tela

O smartphone segue o modelo do One Vision com a tela mais comprida e estreita, bordas razoavelmente grossas (nem tanto para um intermediário “premium” como o One Action) e a câmera de selfies ocupando um espaço enorme ali no canto esquerdo da tela.

Não é a primeira, não será a última vez que eu reclamo de um notch/entalhe ou, neste caso, bolota na tela.

O que na hora de assistir vídeos em tela cheia (ou, dependendo do caso, jogar) dá um efeito esquisito.

Vendo o canal dos Hobbikats no YouTube. Matilda e Chicabon não ficaram com ciúmes pois são lindos-e-esquisitos.
Motorola One Vision

O que achamos

A linha Motorola One surgiu isolada na linha da fabricante no ano passado com a proposta de ser um modelo com Android One, atualizações de sistema e de segurança garantidas por um certo tempo, o que é muito interessante para um consumidor que entende que pode (e vai, nesses tempos bicudos) passar mais de um ano com o mesmo smartphone.

O One Vision mostrou que dá para tornar esses modelos com sistema “básico” em produtos interessantes com focos específicos – o Vision é voltado para desempenho de câmera, agora o Action tem essa pegada de câmera de ação. A Motorola faz questão de afirmar que os produtos da linha One não são sequenciais – quer dizer que não necessariamente vamos ver um One Vision 2 ou um One Action 2, por exemplo, no ano que vem.

E sabe o que essa experimentação (ou segmentação) me lembra? A estratégia da Samsung com a linha Galaxy A, que tem modelos simples com bateria grande até telas gigantes com câmera giratória, sem comprometer o premium da casa (linhas S e Note) Você brinca de novos recursos na linha paralela sem prejudicar o carro-chefe da casa, a linha Moto G7. Se der certo, pode até incluir na linha principal – se não der, foi só um modelo isolado e segue pro próximo.

O Motorola One Action tem o preço sugerido de R$ 1.799 e chega ao varejo hoje (16/8).

O Motorola One Action vem com uma capa de silicone, fones de ouvido in-ear e o carregador USB de 10W (além do cabo USB-C, não mostrado).
O destaque da imagem deste post com a inscrição “Designed By Motorola” está na lateral da capinha.

Sobre o autor

Henrique Martin

Henrique Martin é o fundador do ZTOP+ZUMO e da newsletter de tecnologia Interfaces. Já escreveu na PC World, PC Magazine, O Estado de São Paulo, Folha de S. Paulo e criou o ZTOP+ZUMO em 2007, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC.

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos