ZTOP+ZUMO (tech, opinião, inteligência)

Macro: Motorola Moto Maxx

A Motorola começa a vender hoje no mercado brasileiro seu novo smartphone topo de linha, o Moto Maxx. Apesar de já ter um ótimo modelo principal (Moto X), o Moto Maxx vai um pouco além e chuta o balde em especificações e recursos.  Pense no X com esteróides (muitos esteróides).

moto maxx - 01

O Moto Maxx tem todos os superlativos do mercado de smartphones atual: processador mais rápido do mercado (Qualcomm Snapdragon 805 quadcore de 2,7 GHz + GPU Adreno 420 de 600 MHz), 64 GB de armazenamento internos (não expansível), 3 GB de RAM, tela de 5,2″ OLED Quad HD (2560 x  1440, 565 pontos por polegada), Wi-Fi b/g/n/ac, Bluetooth 4.0, 4G/LTE (categoria 4, buuu), NFC, carregamento sem fios, câmera de 21 megapixels (ou 15 mp em 16:9), vídeos em 4K e uma bateria excepcionalmente gigante de 3.900 mAH. Bônus: carregador rápido da bateria incluído na caixa.

Quanto vale? Já à venda pelo preço sugerido de R$ 2.199.

Em resumo, é um Moto X com tela melhor, processador mais rápido e um design, umm, menos interessante.

Ah sim, a Motorola comentou sobre o processo recém-encerrado de aquisição pela Lenovo. Dizem eles que nada muda, a Lenovo ganha o mercado das Américas para smartphones e a Motorola ganha o gigante chamado China (já que estava ausente por causa do Google, que não atua no país).

E que Moto G e Moto X vendem mais que o esperado desde o lançamento setembro e que concorrentes estilo Moto G – como o Zenfone ou o Galaxy A5 – só “reforçam a estratégia da Motorola e veem os competidores seguindo nossa estratégia”. 

De qualquer modo, o design do Moto Maxx segue uma linha diferente das linhas arredondadas do Moto G e Moto X. Se o X é um hipster moderninho da família (fino, magro, elegante), o Maxx é o irmão forte que faz bullying com os primos. Não é um telefone pra qualquer um.

Perguntei pro pessoal da Motorola Brasil se os dois aparelhos não se sobrepõem na escolha do consumidor (ambos topo de linha, com configurações avançadas, preços próximos). A resposta foi que o X “é para quem procura design e estilo”, o Maxx é “para quem quer especificações técnicas mais altas” (ou simplesmente o tarado da bateria portátil cansado de carregar e recarregar seus gadgets).

E, apesar da diferença de estilos, o Android continua “puro”, os comandos de voz e os sensores são os mesmos nos dois produtos – ambos com Android 5.0 garantido assim que for possível.

O acabamento traseiro é feito com nylon balístico que cobre a traseira com kevlar. É tecido mesmo, em uma superfície rígida, protegida por uma estrutura lateral de alumínio. Na frente, vidro Gorilla Glass e proteção repelente a água. Pode não ser lindo (e eu sou entusiasta do Moto X de couro ou bambu), mas foi feito para ser resistente (e, sim, foi feita a piada recorrente de “esse não dobra”).

moto maxx - 03

Por conta da estrutura, o Moto Maxx não tem tampa traseira removível. Embaixo, vemos a porta microUSB para recarga/conexão ao PC…

moto maxx - 04

Em cima, o conector de fone/headset padrão 3,5mm:

moto maxx - 05

E atrás a câmera com flash duplo LED.

moto maxx - 06

Uma novidade bem-vinda no design do Maxx é o fato de não ter um buraco no logotipo da fabricante na parte traseira, como no G/X.

moto maxx - 07

Mesmo na frente a mudança de linguagem é bem perceptível: a grelha do alto-falante é mais larga (e vemos ali diversos sensores e a câmera frontal). moto maxx - 08

Outro fato interessante/curioso (e particularmente dispensável) é a adoção de botões físicos para o Android, algo já inexistente em outros modelos da marca. Note a borda metálica ao longo da tela (que, como a do LG G3, é um primor para usar/ver/ler).

moto maxx - 09

Ainda nas escolhas de design, não existe uma gaveta de nanoSIM card facilmente identificável no Moto Maxx:

moto maxx - 10

E, claro, é daqueles momentos “por que ninguém pensou nisso antes?”: ela fica escondida no botão de volume, que é removível.

moto maxx - 11

Simples assim (é chatinho de tirar, mas dá certo):

moto maxx - 12

A Motorola mostrou um corte do Moto Maxx para destacar a proteção de Kevlar (é a parte fina curva). E esse “sanduíche” no meio é a bateria:

moto maxx - 13

No microscópio fica mais fácil de ver:

moto maxx - 14

Como o Moto G/X novos, o Moto Maxx tem uma proteção interna (e externa) contra respingos d’água. Note que não é à prova d’água, mas ajuda contra danos causados pela umidade. Essa é a placa-mãe do Maxx com (à esquerda) e sem a proteção contra respingos – veja que a base do modelo à esquerda tem uma pequena poça de líquido espirrado que escorreu – e a à direita não, já que a água entrou nos componentes.

moto maxx - 15

Finalmente, o Moto Maxx vem com duas coisas relacionadas a bateria de fábrica: A primeira é o carregador Turbo Charger (sim, é esse ~tomadão~), que já vem na caixa e recarrega (graças às tecnologias da Qualcomm integradas ao processador) a bateria em “até 6 horas de uso em apenas 5 minutos”.

Na prática, recebi uma unidade do Maxx para testes e, com 35% de carga, deixei pouco mais de 15 minutos na tomada: estava com 57% (yay! mas só funciona com o cabo + esse tomadão da Motorola; o recurso Turbo Charger existe no Moto X 2014 também, mas o smartphone vem com um carregador padrão na caixa).

A segunda é a capacidade de carregamento sem fios, que é prática, mas não vejo sentido num aparelho do porte do Moto Maxx. O carregador sem fios (diz a Moto que é padrão Qi) será vendido separadamente e é ótimo para deixar na mesa do trabalho. Por que não faz sentido? Recarga sem fios é muito lenta, e provavelmente será preciso muito tempo para completar a carga no Maxx.

moto maxx - 16

Sobre a bateria (atualização das 22h30): indicadores de bateria ao ligar na tomada…

moto maxx - bateria - 1

…15 minutos depois…moto maxx - bateria - 2

…30 minutos depois…

moto maxx - bateria - 3

…e 45 minutos depois. De 23% para 63% é realmente… rápido!

moto maxx - bateria - 4 

Amostras de imagens da câmera do Moto Maxx (em 15 megapixels/proporção 16:9) feitas agora à tarde no Salão do Automóvel (sim, eu vim ver o Ford Mustang de perto).

Clique para ver em tamanho real em resolução máxima.

IMG_20141105_161702544 IMG_20141105_154739407 IMG_20141105_153154829 IMG_20141105_152034771 IMG_20141105_151916756 IMG_20141105_150618582 (fingindo que ando de Mustang...)

IMG_20141105_172450631 IMG_20141105_172327176 IMG_20141105_155707007
IMG_20141105_154458463 IMG_20141105_154116874 IMG_20141105_153220491 IMG_20141105_152154398

 

IMG_20141105_154823008IMG_20141105_211817621 IMG_20141105_211423448

Em tempo: a Motorola amplia sua linha de aparelhos com ofertas para todos os públicos interessados em Android – do básico (Moto E), intermediário (Moto G), avançado (Moto X) e agora o “avançado plus” com o Moto Maxx. Pelo valor sugerido de R$ 2.199, o Moto Maxx me parece uma ótima escolha perto dos concorrentes (vejo o Galaxy Note 4 e os novos Sony Xperia Z3/Z3 Compact como potenciais concorrentes diretos) e aguardemos os preços de operadoras.

[Motorola]

 

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • Rafael Wagner

    E o Nexus 6, alguma dica??

    • Henrique Martin

      nada de Nexus 6 por enquanto – a iniciativa, diz a Motorola, é do Google.

  • Jader

    Acho que vou comprar essa bagaça. Só acho… hehe

  • Bah. Achei triste esses botões capacitivos (são botões capacitivos?), podia ser tela completa. Mas enfim, é um aparelho tentador mesmo.

    • Henrique Martin

      sim. pareceu uma escolha antiga de design. não é ruim, mas parece… velho, não?

      • Pois é, achei que ninguém mais fazia isso. Parece os Razr. Enfim, uma pena, podia ser melhor nesse ponto.

        • Tito Reis

          A Asus fez com o ZenFone, agora faltou dizer Henrique Martin, se os botões iluminam.

          • Henrique Martin

            sim, os botões se iluminam!

          • Tito Reis

            Maravilha, obrigado!

        • Leonardo Carneiro

          O que é realmente ruim com esses botões é que eles vão ficar outdated em breve. Quando chegar o Android 5, os outros celulares vão estar com o novo design nos botões, e o Maxx vai ficar com os botões antigos =(

          • Renato Gomes

            Amei ele justamente por isso, achei os novos botões do android 5.0 feios, nada haver. Não é nenhum playstation pra ter triangulo, bolinha e quadrado. Ademais, se tem um aproveitamento total da tela.

        • Marcelo Santos

          Eu achei ótimo esses botões, tenho um Z2 e os botões comem um pedaço grande da parte de baixo da tela. E nem todos os apps somem com eles: alguns games ficam ridículos com essa parte da tela ocupada por essa linha. E não me importo com design, e sim com funcionalidade

          • Eu sempre prefiro celulares com “botões virtuais” porque te da mais liberdade de mexer com eles. Pode trocar funcionalidade, adicionar mais botões, esconder eles… E sempre tem aquela, e se no Android 6.0 eles removerem um desses botões dos planos, tipo o botão de menu antigamente? Mas é uma escolha pessoal mesmo.

      • Manuel Fernández Paradela Ledó

        Independentemente de não ter o padrão do Android nos botões, como afirma o Lucas:
        prefiro um melhor aproveitamento da tela. Comparei lado a lado um Moto X com o
        Maxx e a área útil da tela no Maxx é maior (para ver fotos etc.). Maior
        que um Galaxy S4, que também tem os botões dedicados fora da área de tela útil.

        Quanto ao design do Moto Maxx acho sóbrio e elegante, não me
        desagrada, não. Estou com um S4 e realmente o design “todos iguais” da Samsung
        já cansa…

        O que acho uma falha grande, tanto no X como no Maxx, é a
        ausência de saída para TV, seja com Slimport ou MHL, que ambos não possuem e é
        importante para que gosta de ver na tela grande ou utilizar em apresentações.
        Confirma Henrique Martin?

        • Raul Anderson Gabe

          eu passo imagens para a tv pelo cabo usb mesmo,, e existem docs que fazem esa funçao tambem

          • Manuel Fernández Paradela Ledó

            Raul, isso seria equivalente a conectar o aparelho no pc ou notebook, isto funciona normalmente. Faz uma semana tenho o Moto Maxx e, ainda que comprei ciente de que não teria esta saída, testei OTG (conexão de um pendrive, por ex.) e com um adaptador que usava e funcionava com o Galaxy 4 para saída de micro USB para VGA e verifiquei que ambas funcionalidades não estão no Moto Maxx, não funciona como esperava.

          • Manuel Fernández Paradela Ledó

            Mas em geral tenho que dizer que este aparelho é excelente: fotos muito boas (para um celular, claro, nunca comparar com uma câmara pro ou semi-profissional, mas equivalentes a um iPhone 5S ou Galaxy 4, comparados em casa), rápido – nº 1 no Antutu, tela sensacional – resolução – brilho – qualidade), recursos da câmara excelentes como o foco, Android 4.4.4 por enquanto etc. Vou postar algumas fotos depois.

          • Manuel Fernández Paradela Ledó

            As fotos foram reduzidas para permitir o envio, que deve ser menos de 2 MB. Uma foto é à noite e outra de dia, ambas em interior e sem flash. Na foto da poltrona o Maxx aplicou HDR, que estava em automático. Na foto da sala dá para ver bastante ruido, mas estava bastante escuro, deve ter usado um ISO alto.

          • Helder Murtha

            Bom dia Manuel!
            Sobre o USB OTG, testei o adaptador que usava no meu S3 com um pendrive no maxx e pra minha surpresa funciona normalmente.
            O maxx acessou normalmente o pendrive. Ele só não abriu uma janela pop-up e nem uma notificação, mas quando fui no gerenciador de arquivos estava lá em Storage > usbdisk.
            Um abraço.

  • Vinícius

    Eu acho o buraco do logotipo na traseira do Moto G bom para apoiar o dedo
    o.O

  • Souzabsb

    Gostei das fotos!!

    • Tito Reis

      Sinceramente, esperava mais, achei com muito ruído.

  • Thalles Ferreira

    Acho (ACHO) que tava com HDR ligado, certo? O rosto das pessoas está TERRÍVEL, bem típico do HDR, que deixa fotos de multidão sem rostos hehehe

    Tem como tirar umas fotos sem o HDR ligado? Minha esposa tá grávida e eu tenho um Moto X 2013, que é ruim pra tirar fotos de bebê. To pensando em pegar um LG G3, apesar da bateria pior e da falta de atualizações futuras, para ter uma câmera com foco mais rápido (bebês não fasem pose) e algoritmo menos agressivo. E custo-benefício, claro. Esse aí sairia mais caro, mas como smartphone seria melhor. Mas se a câmera for como nessas fotos postadas mesmo sem HDR, não compensaria muito nem sair do Moto X. Uma pena.

    • Henrique Martin

      tava desligado. odeio HDR ligado o tempo todo. 😛 em tempo: LG G3 ainda é a melhor câmera Android em high-end pra comprar.

      • Rafael Botelho

        Vc acha o LG G3 melhor mesmo no quesito câmera mesmo quando se compara com o Z3 ou o Lumia 930? (não estou defendendo nenhum, é que gostaria de saber mesmo)

        • Henrique Martin

          930 é ótima (mas é Windows Phone). Eu gosto da câmera do G3 pq é rápida pra focar e clicar, a do Z3 não mexi ainda (e nem tenho previsão de mexer).

        • Henrique Martin

          de qquer modo, o skin Android da Sony não me agrada.

    • Marcelo Santos

      Se quer tirar fotos de forma quase que instantânea, vá de Z2, ou Z3. Eles tem um botão dedicado a isso, sem contar que a qualidade das fotos (pelo menos para mim) é um desbunde.

  • Leonardo Carneiro

    Henrique, apesar das configurações monstruosas, li em alguns reviews que, para os softwares atuais, essas specs mais avançadas (cpu, gpu, memória, tela e câmera) não se traduzem em uma melhor experiência de uso, quando comparado com o Moto X.

    A tela parece linda, mas é perceptível a diferença entre o o FullHD do X e a QuadHD do Maxx? As fotos estão realmente melhores por conta do sensor maior?

    Pode ser que o hardware resista um pouco mais ao futuro, mas fiquei com a impressão de que a única coisa legal mesmo nesse celular é a bateria. O que você acha?

    • Henrique Martin

      sabe o ‘meu é maior que o seu’ de vestiário de escola? leva isso pro mundo do hardware…

    • Mateus Azevedo

      Realmente esses pontos que tu levantou são interessantes. Na minha opinião, não vale a diferença de preço pro Moto X.

      “A tela parece linda, mas é perceptível a diferença entre o o FullHD do X e a QuadHD do Maxx?”
      Pro tamanho da tela, o fullHD do Moto X é mais que suficiente. Maior resolução nesse caso só aumenta o consumo de bateria e processamento necessário. O que pode fazer a diferença na qualidade é o tipo de tela, se é IPS, AMOLED, etc (não sei qual o tipo de cada um).

      “As fotos estão realmente melhores por conta do sensor maior?”
      Na teoria, mais MP em um sensor do mesmo tamanho (físico) só piora as fotos. Então não tem como saber se é melhor apenas com essa informação. Aguardando reviews para fazer a comparação.

      E sim, pra mim acho que a bateria é única coisa que realmente chama a atenção em relação ao Moto X…

      • Marcelo Santos

        Não só a bateria: o armazenamento de 64GB, construção mais sólida, e mais processador, porque não só de processamento de imagens vive o aparelho. Eu ia de Moto X, mas, agora já comprei o Moto Maxx. Vamos aguardar chegar!

      • Jarbas Oliveira

        concordo…..unico motivo pelo qual vou compra-lo é a bateria…pois como nosso amigo dflopes disse ai em cima…..nos momentos mágicos em passeios…quando vc mais precisa de uma bateria e 3G (dados) ligados para compartilhar seus momentos….todos “os restos” dos smart te deixa na mão….no caso do Maxx não vai acontecer isso……. viva a super hyper mega blaster advanced BATERIA !!! o/

  • Paulo Souza

    É… não empolgou… Acho que vou de Moto X mesmo.

  • Lucas

    Bem legal esse telefone, e está com um valor bom, considerando o nível de preço que os telefones high end chegaram.
    Eu sempre gostei mais dos botões capacitivos, do que os digitais na tela, para ter mais área útil.

    Henrique, sabe dizer como é a câmera comparada com a de um Lumia (920/930)?

    Desde já agradeço!

    • Rafael Botelho

      Também estou muito curioso em relação a isso, pois a Motorola nunca foi muito boa com câmeras. A diferença de preço entre ele e um Z3 tá ficando em torno de R$200 (já pesquisei). Mas esse celular é muito parrudo e tentador mesmo, só estou inseguro até agora por causa da câmera, o Z3 e o Lumia (930 ou 1520) dão show no quesito câmera, gostaria de saber também se na prática, a Motorola conseguir se equiparar nesse quesito aos seus concorrentes???

      • Marcelo Santos

        Eu tenho um Z2, vendi a pouco tempo para pegar um Maxx. Pelas fotos, a qualidade atende, o que importa é o resto do conjunto: Android Puro, bateria, recursos de voz do Moto X, etc.. Adeus Z2!

        • Rafael Botelho

          Olá Marcelo, você poderia me dizer oq achou das fotos do Maxx em ambientes com pouca luminosidade? Gostei muitos das especificações do Maxx, mas câmera para mim também é muito importante e sem falar que as especificações do Z3 não chegam a ser tão inferiores, mas gosto mais do Android do Maxx mesmo. Você achou as duas câmeras (Maxx x Z2) equivalentes, foi isso?

          • Marcelo Santos

            Cara, pelo menos para mim a diferença é muito pequena, mas no Z2 a qualidade das fotos são ligeiramente melhores. A qualidade de AUDIO das filmagens é superior no Z2, isso é perceptível, no Z2 eu uso o tamanho padrão (8MP), e pra ser sincero fiquei surpreso com a qualidade da câmera no Maxx. Eu esperava ficar decepcionado com isso, já que vim de uma excelente câmera do Z2… Más, me atende. E o conjunto da obra foi o que mais me chamou a atenção: armazenamento interno monstro, Android puro (finalmente!, pelo menos pra mim), robustez, e os comandos de voz. Agora sim, posso comparar Laranja com Laranja quando falarmos de performance do sistema operacional (iOS).

  • Antonio Mattos

    Henrique, se eu tirar o nanoSIM do iPhone e colocar no Moto Maxx funciona direito, sem problemas?

    • Henrique Martin

      creio que sim. o meu Nano é um MicroSim cortado e tá numa boa 😛

      • Antonio Mattos

        Bom a idéia é ter um nano sim funcionando ora no Moto Maxx , ora no iPhone. Será que é possível?

        • Henrique Martin

          troca pro nanosim na operadora… usa no iphone, depois alterna pro maxx. acho q aí nao tem problema

          • Antonio Mattos

            Valeu Henrique. Vou fazer isso.

  • Leandro Lacerda

    Ainda não há muitas lojas vendendo mas, conforme a Econovia, dá pra comprar à vista por quase R$ 2.000,00. Vamos aguardar a concorrência aumentar.

  • Para quem precisa de bateria o dia todo, esse é o aparelho.
    Sobre câmeras, eu desisti de fixar procurando e testando aparelho. Por ter filhos pequenos, tem passeios que só levo o celular e poderia perder aquelas fotos mágicas que nunca mais se repetem – comprei o Galaxy K Zoom e não me arrependo (flash xenon e 10x de zoom ótico). Substitui com maestria point & shots e me faz pensar duas vezes em levar minha DSLR.

  • Willians Souza

    É um ótimo smartphone e se encaixa perfeitamente nas minhas necessidades, só n gostei dos botões fisicos para o android…
    Estou meio desconfiado com relação a camera e queria mto ver um comparativo da camera dele com a de outros smartphones topo de linha como o G3.

    Parabens pelo ótimo trabalho de vcs 😉

  • Luis Otávio Cabral Brasil

    Aqui é o único lugar que consigo uma opinião diferente das já ditas por sites gringos. Deve ser foda se diferenciar no meio de tanto Crtl+C, Crtl+V.

    Sobre o Motorola, Ela acabou de me desorientar. Tenho um Galaxy Nexus (Nexus 3) e estava decidido me atualizar com o Moto X, esperei o lançamento do Nexus 6 e fiquei vidrado nele.
    Ai me aparece essa “Belezinha” que cabe no bolso e mistura o melhor dos mundos.
    Tela, processador, RAM, OS, bateria e armazenamento do Nexus 6.
    Recursos de software e hardware e tamanho do Moto X.
    Agora, onde foi parar o design? Traseira estilo Magaiver vs Chuck Norris tudo bem. Mas botões capacitivos?!?!?!?!?!

    • Henrique Martin

      não “deve” ser foda. “é” 🙂
      mas junta 15+ anos de cobertura de tech minha + 15+ anos do Nagano e a gente tem uns calos a mais que a média do mercado.

  • Fabio

    O meu camarada o áudio dele e muito baixo mesmo Oi o meu essa o algum tipo de problema pois mandei um zap zap e a pessoa que recebeu estava muito baixo mesmo eu cheguei até a verificar no celular da pessoa inclusive para assistir vídeo achei baixo

  • Raul Anderson Gabe

    espetacular, meio grande, mas o que ele oferece compensa o tamanho, e com uma camera muito boa, pra min camera e insignificante, pq compara camera pra min e a coisa mais besta que existe, ele smart nao foi feito pra capta imagens proficionais, para isso a cameras especifiks pra isso que nao vem em smart nenhum, pra min uma comera como a do motog ja ta perfeita… e so pra posta no face o no instagram mesmo, pra que melhor que a do moto g pra faze isso? na minha opiniao eu axei essa camera com megapixels em demasia… isso ai vai ocupa uma memoria desnessesaria…

  • Chazz Matthews

    wireless charging is fantastic. I am glad they included it.

  • Andre C.

    Henrique, Vejo muitas pessoas elogiando os lançamentos…. mas tenho visto muito relatos (principalmente no Reclame Aqui) relacionados ao Moto G segunda geração (2014) e o Moto Maxx que tem tido trinca de ponta a ponta na tela destes modelos sem qualquer impacto… a trica aparece com uso normal (quando aquece) e durante o carregamento também… e alguns reclamaram que a bateria não passa nem de 15horas com uso normal, muito abaixo do prometido. Você já observou este tipo de comentários/reclamação? Eu estava pensando em comprar um Moto G 2014 e um Moto Maxx, mas agora estou repensando isto… qual seria sua opnião a respeito destes problemas? (porque minha esposa usa o básico… aí eu daria o Moto G pra ela e eu como gosto de usar o máximo do celular, incluindo aplicativos “pesados”, eu ficaria com o Moto Maxx)… Me dá uma luz! rsrs…

    • Henrique Martin

      estou desde novembro com o Maxx. o máximo (ops) que aconteceu foi descascar a borda da tela (plástico pintado de prata). já vi relatos que o kevlar desfia tb, mas não aconteceu. a bateria, pra mim que usa de modo hardcore, chega no fim do dia com 20-30%, o que é… bom!

      • Andre C.

        Valeu, pelo menos fico mais tranquilo! provavelmente pode ter ocorrido alguma falha em algum lote!

  • amjl0908

    Eu queria saber como faço para ativar o recurso de otg no Moto Maxx. Coloquei um adaptador com um cartão de memória e não foi reconhecido, apenas dizia na tela: ativar recurso otg, ainda que clicando sobre o aviso, mesmo assim não foi possível ativar.