ZTOP+ZUMO 10 anos!

Retrotech: “Edição Limitada” do Mega Drive finalmente chega ao mercado

Além do console clássico, a Tectoy anunciou o relançamento do cartucho “Turma da Mônica na Terra dos Monstros”.

Pois é… Você não leu errado meu fio. Em evento realizado na cidade de São Paulo, na noite da última quinta-feira, a Tectoy anunciou a chegada da nova versão do Mega Drive Edição Limitada. Segundo, Stefano Arnhold, presidente do conselho da empresa, o console começará a chegar às mãos dos consumidores que compraram durante a pré-venda na próxima semana.

 

No início da pré-venda, falamos de como seria essa nova encarnação do Mega Drive. Se você perdeu o post, veja os detalhes de configuração, clicando aqui.

De novidade mesmo o evento de ontem trouxe o relançamento do cartucho “Turma da Mônica na Terra dos Monstros” — a versão nacional do famoso “Wonder Boy in Monster World”.

Mas antes que você comemore a volta desse clássico de 1994, um aviso: a Tectoy ainda não sabe quando o cartucho efetivamente ficará pronto para o “novo” Mega Drive (SIC) e muito menos quanto ele irá custar (SIC! SIC!).

Além dos anúncios, o evento de ontem celebrou os 30 anos da parceria entre a Tectoy e a Sega Sammy. Naoya Tsurumi, vice-presidente executivo sênior da Sega Sammy, esteve presente e recebeu o primeiro Mega Drive dessa nova geração das mãos de Stefano Arnhold, sócio fundador e atual presidente do conselho de administração da Tectoy.

De acordo com Arnhold e Tsurumi, a Sega não tem planos, neste momento, de voltar a atuar no mercado de hardware. Os esforços serão concentrados no desenvolvimento de jogos.

O que é preciso saber antes de comprar o novo Mega Drive

Os cartuchos antigos funcionarão no “novo” console?

Segundo Arnhold, alguns sim. Outros não. Ele explicou que isso pode acontecer “por causa das diferenças em relação ao hardware e ao software originais”.

Os acessórios antigos vão funcionar com o novo console?

A Tectoy não garante o funcionamento de acessórios antigos por conta das diferenças já descritas.

A Tectoy vai lançar mais cartuchos?

De acordo com Arnhold, não há previsão. Para lançar novos cartuchos será necessário um intenso trabalho de renovação de licenças. “Esse processo leva muito tempo e é realizado caso a caso”, afirma o executivo.

Por que o Mega Drive não tem porta HDMI?

Segundo a Tectoy, o uso de porta HDMI deixaria o console muito mais caro. Além do mais, completa a empresa, não há ganhos de qualidade em som e imagem.

O novo Mega Drive usa os mesmos componentes da versão anterior?

Não, ele não usa. A Tectoy explica que foram usados novos componentes, pois muitos dos componentes originais da época não são mais fabricados.

O novo Mega Drive é um emulador?

Não. O console usa placa de circuito impresso própria.

Vale a pena comprar um?

A resposta para essa pergunta é muito particular. Não nos cabe responder. Se você adora o console, quer um e tem R$ 449 sobrando para comprar gadget, aproveite.

 

Marilu Araujo escreve sobre TI desde 1997. Atuou em publicações especializadas, como PC Magazine Brasil e ZDNet Brasil. Escreveu para Folha de S.Paulo e O Estado de S.Paulo. Trabalhou do outro lado da mesa, em agência de comunicação. Neste Ztop+Zumo, vai falar também sobre tecnologia embarcada em carros e em outros veículos. No Twitter: @mariluaraujo

  • a mão do controle chega a tremer só de lembrar de Virtua Racing/Fighting, Sonic 2, Street of Rage 2, Ayrton Senna’s Mônaco GP, Toejam e Earl, Truxton, Shinobi, Golden Axe, Fighting Master, etc

    Mas por esse preço, RetroPi (Raspberry oi + Emulador) será um concorrente de peso.

    • Mario Nagano

      Na coletiva foi dito que Ayrton Senna’s Mônaco GP pode ser outro título que a TecToy está tentando negociar para ser relançado em cartucho.

  • Comedor de cool e bruscheta

    Não comprem. Hardware pior, não roda todos os jogos em cartucho, o som é ruim demais, em alguns jogos como Sonic chega a ser ridículo. O preço elevado não se justifica. Tectoy apelou pro saudosismo e boom inflacionado do retrogame pra relançar um produto piorado e com alto valor. Esse aí não colou!