ZTOP+ZUMO 10 anos!

Números enormes: Lego Mindstorms EV3 no Brasil

Nova versão do kit de robótica baseado em blocos de Lego chega oficialmente ao Brasil em novembro pelo preço sugerido de R$ 2,6 mil.

A Lego Brasil anunciou hoje a chegada oficial da terceira geração do seu kit de montagem de robôs Lego Mindstormso modelo EV3.

MINDSTORMS_EV3_Box

Para quem  nunca foi apresentado, o Lego Mindstorms é um produto lançado no final dos anos 1980 que combinou o sistema Lego Technic com o módulo controlador RCX 1.0 — um produto baseado no Programable Brick (embaixo) criado no legendário laboratório de mídia do MIT…

 

MIT_programmable_brick

… e como tal, o RCX 1.0 foi criado para ser um produto didático, de modo que ele era um item exclusivo da linha Lego Dacta (a divisão educacional da empresa) e, por causa disso, nunca foi vendido para o consumidor final. Ledo engano, já que segundo a lenda, quando chegou nas lojas o Mindstorms vendeu tanto que literalmente tirou a Lego do buraco. A explicação disso pode estar no fato desse produto ser atrativo para um mercado bem mais amplo — em especial o público geek — impressionados com o potencial criativo desse produto, ou seja, um verdadeiro “brinquedo de marmanjo”.

O RCX 1.0 vem equipado com um microcontrolador Renesas H8/300 de 8-bits que interage com o mundo exterior por meio de três sensores e três atuadores.

Lego_rcx

O software para controlar o RCX era escrito numa curiosa linguagem visual (cujos comandos/funções/objetos são montados como se fossem “bloquinhos”) num PC/Mac e depois transferido para o bloco via porta infravermelho. Com o sucesso desse produto entre os fãs e hackers, outras linguagens oficiais e outras nem tanto foram criadas para o bloco.

Lego_RCX_programing

Por causa disso, o Mindstorms foi o primeiro kit de robótica realmente viável para o público em geral, já que antes dele, os aspirantes a Eldon Tyrell precisavam ter além de muita determinação, conhecimentos gerais de mecânica, eletrônica e programação, etc, além de diversas habilidades manuais como saber cortar, dobrar, colar e furar chapas de metal ou de madeira, desmontar engenhocas diversas para reaproveitar peças como eixos, engrenagens, motores, soldar fios e até desenhar e fazer suas próprias placas de circuito impresso. E, cá entre nós, em muitos casos o resultado final não é lá grande coisa, já que ele tem mais cara de projeto de feira de ciências do que um replicante Nexus-6 ou um T800 Terminator.

IntelliBrainBot2

O novo módulo EV3 utiliza um processador ARM9 e vem equipado com porta USB, leitor de cartão micro SD e conexão Wi-Fi, o que permite que conexão à Internet. Ele agora pode controlar três motores e uma grande variedade de sensores de toque, luz e infravermelho.

MINDSTORMS_EV3

O produto já vem com instruções para montar cinco projetos (TRACK3R, R3PTAR, SPIK3R, EV3RSTORM e GRIPP3R ) e outros podem ser encontrados no site da empresa.

MINDSTORMS_EV3_projects

 

MINDSTORMS_EV3_intro

É fato que fazer um robô com Mindstorms realmente bacana  já é uma façanha. Mas um desafio ainda maior sempre foi de documentar de uma maneira simples e clara como ele foi montado, permitindo assim que outras pessoas também pudessem construir sua cópia ou mesmo melhorá-la, mas ai novamente: como documentar essas mudanças e compartilhá-las com seus amigos?

MINDSTORMS_EV3_projects2

Curiosamente, a resposta veio com os sistemas de CAD que permitem criar diagramas de montagem em 3D que, mesmo estáticos, já eram uma grande ajuda. De fato, a Lego até possui uma ferramenta desse tipo chamada LDD (Lego Digital Designer) — atualmente na sua versão 4.3 que pode ser baixada de graça na Web.

Lego_LDD_mindstorms

Além disso, a Lego fechou uma parceria com a Autodesk para usar a tecnologia Inventor Publisher para oferecer uma nova aplicação móvel capaz de mostrar de maneira interativa como montar os diversos projetos do EV3. Assim, o acesso a essas instruções será por meio de uma app batizada de LEGO MINDSTORMS 3D Builder já disponível para dispositivos iOS e Android que mostra como os diversos componentes do EV3 se encaixam, facilitando assim a montagem de um robô, mesmo os mais sofisticados.

A qualquer momento, os montadores podem interromper a animação, aumentar o zoom sobre uma peça ou girá-la para ver exatamente como os componentes devem se encaixar – dando aos construtores o total controle sobre a montagem. Fora isso eles poderão dar um toque duplo sobre uma peça, para ver informações do componente e ter acesso à um recurso de mapa que permite ver exatamente em qual parte do modelo estão trabalhando.

MINDSTORMS_EV3_3D_Builder

Outra app gratuita também interessante é o LEGO MINDSTORMS Robot Commander (também disponível para para iOS e Android) que permite que o usuário conecte seu smartphone/tablet no robô Mindstorm via Bluetooth e envie comandos para ele.

MINDSTORMS_EV3_robot_commander

Finalmente, para aqueles que gostariam de brincar com um robô de Lego mas ainda não tem um Mindstorm, a Lego ainda oferece o MINDSTORMS Fix The Factory para Android e iOS. Nesta App o usuário controla EV3RSTORM (um dos robôs de referência do EV3) num labirinto na forma de uma fábrica, cheia de desafios e quebra-cabeças.

MINDSTORMS_EV3_3D_fix_factory

A previsão é que o MINDSTORMS EV3 chegue ao mercado em novembro às Lojas Lego pelo valor sugerido de R$ 2.600.

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.