ZTOP+ZUMO

Kaby Lake: Intel lança processador Core ix de sétima geração

[Pós IDF-2016] Conhecido pelo codinome Kaby Lake, novo chip da Intel incorpora recursos que maximizam a experiência de uso da chamada internet imersiva.

A Intel anunciou hoje na Alemanha (e antes da IFA 2016) o lançamento oficial do seu novo processador Core ix de sétima geração — codinome Kaby Lake — que é o sucessor do Skylake apresentado nesta mesma época no ano passado.

Kabi_lake_new_logos

E como aconteceu em 2015, a Intel programou o lançamento do seu novo chip para a IFA, mas não queria perder a oportunidade de falar sobre ele para a imprensa durante o IDF16.

Assim, eles convidaram um grupo de jornalistas para aparecer a um hotel próximo ao evento e fizeram uma apresentação cujo embargo caiu hoje, dia 30/agosto. A apresentação foi feita por Navin Shenoy (à esquerda), gerente geral do grupo de client computing, e Chris Walker, gerente geral do grupo de mobile computing.

Kaby_lake_presentation

Segundo Shenoy, o PC como plataforma está no limiar de uma nova era em que, mesmo depois de quase duas décadas, ele continua a evoluir e receber novos recursos sendo que muitos deles nós nem mais percebemos. Na sua essência, o PC é uma criatura darwiniana que está constantemente se adaptando às tendências que surgem ao nosso redor…

Kabi_lake_modern_PC

… sendo que do mesmo modo a internet também evoluiu oferecendo experiências visuais e sensoriais cada vez mais ricas e interativas que a Intel até cunhou um termo — Immersive Internet (= internet imersiva)  para descrever esse fenômeno que, na sua opinião do executivo, é impulsionado por quatro tendências que estão da moda: a maior oferta de conteúdo em UHD/4K na web, a proliferação de vídeos em 360°, as tecnologias de VR (Realidade Virtual)/MR (Realidade Combinada) e a popularidade do chamado Esporte Eletrônico (ou eSport).

Kabi_lake_immersive_life

E é claro que a Intel não vai querer ficar fora dessas tendências…

Kabi_lake_immersive_internet

… oferecendo para o mercado a sua Sétima Geração de Processadores Intel Core ix — codinome Kaby Lake — que é seu primeiro chip feito sob medida para a internet imersiva:

Kaby_lake_meet

Mas ao contrário das previsões iniciais, Kaby Lake não está sendo fabricado com o processo de fabricação de 10nm.

Kabi_lake_waffer

Em vez disso, o pessoal de Santa Clara conseguiu melhorar o seu processo de 14nm — o chamado 14nm+ —  que produziu um chip 12% mais veloz em aplicações de produtividade e 19% em aplicações baseadas na web se comparado com seu antecessor.

Kaby_lake_performance

Inicialmente ele estará disponível nas versões Core i3/i5/i7 e Core m3. Abaixo podemos ver exemplos de encapsulamento usados nos chips da séries U e Y:

Kaby_lake_immersive_BGA

E como é de se esperar de uma nova geração de processadores Intel, existe um ganho de desempenho, tanto em produtividade/entretenimento…

Kaby_lake_70_faster

… quando em Performance x Watt:

Kabi_lake_performance_consumo

Porém, a grande novidade do Kaby Lake é a implementação de um novo circuito dedicado de baixo consumo, capaz de  processar/decodificar vídeos em UHD/4K, o que também inclui novos formatos de vídeo como o HEVC/H.265 com profundidade de cores de 10 bits e o VP9 do Google…

Kaby_lake_media_engine

… proporcionando assim ao usuário, uma melhor experiência de uso, tanto na hora de criar…

Kaby_lake_create_4K

… quanto de consumir conteúdo em 4K:

Kaby_lake_4K_Batt

A Intel afirma que já existem mais de 100 produtos prontos ou em desenvolvimento já baseados no Kaby Lake, sendo que os primeiros modelos devem chegar ao mercado (lá de fora) em setembro desse ano. De fato alguns deles foram mostrados durante o evento do IDF16 e, quem sabe, podem até ser anunciados durante a IFA 2016…

Kaby_lake_desktop

… entre eles um novo Transformer da Asus

Kaby_lake_Asus_T305

… um Ultrabook HP Spectre com tela de 13″…

Kaby_lake_HP_Spectre_13

… com menos de 1 cm de espessura!!!

Kaby_lake_HP_Spectre_13a

E um dois-em-um HP Envy com tela 4K de 15″:

Kaby_lake_HP_Envy_x360a

Interessante notar que pela primeira vez a Intel está colocando a indicação de geração no selo do produto, o que pode facilitar a vida do consumidor mais leigo que pode assim ter certeza do que ele está comprando:

Kabi_lake_new_logo

Ainda não recebemos informações da Intel Brasil sobre o lançamento oficial do Kaby Lake por aqui, mas nosso palpite é que isso ocorra só em 2017. Mas também nada impede que um big player local ou de fora faça um anúncio por conta e a tempo para aproveitar as vendas de fim de ano.

Disclaimer: Mario Nagano viajou para San Francisco a convite da Intel, mas todas as opiniões e fotos bacanas são dele.

Bonus Track:

A Intel voltará para o mercado de smartphones?

No fim da seção de perguntas e respostas da apresentação do Kaby Lake no IDF16, um jornalista perguntou para Navin Shenoy se a Intel tinha planos de renovar sua linha de chips para smartphones.

Kabi_lake_Navin_Shenoy_3

Apesar disso não ser o assunto daquela reunião, o executivo explicou que o último anúncio (nesta área) foi o lançamento de uma linha de chips para modelos de entrada (SoFIA?) mas que ela já foi descontinuada — para smartphones!

Com isso, ele quis dizer que essa linha de chips móveis irá continuar no portfólio da empresa, mas para uso em outras aplicações/equipamentos.

Um bom exemplo é o Broxton cuja versão para smartphones foi cancelada, mas variações dele — como o Apollo Lake — devem chegar ao mercado até o fim deste ano, sendo que as versões de baixo consumo do mesmo serão usadas em aplicações de IoT.

Porém, o que me chamou a atenção foi que Shenoy concluiu sua resposta dizendo “que eles não iriam falar sobre fones hoje, mas iremos falar com vocês sobre isso em algum momento no futuro” (uia!) sendo que o fim dessa fala ainda foi acompanhada de uma bela piscada de olho (uia! uia!)

Será que a Intel planeja um retorno para o mercado de smartphones? — Difícil afirmar no atual contexto da empresa (e do mercado de fones).

Mas se isso realmente acontecer, não se esqueça que você leu isso primeiro no ZTOP! 😉

 

 

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • Gabriel Peres de Oliveira 30/08/2016, 21:32

    Excelente post. Tomara que tenhamos novidades em termos de produtos na IFA 2016 e no evento da Apple do dia 07 de setembro. 😉

    P.s.: Qual das duas grafias “Kaby Lake” ou “Caby Lake” é a oficial?

    • Mario Nagano 30/08/2016, 23:30

      Ops, falha nossa. A grafia correta é Kaby Lake.

      Brigadão pelo toque! 🙂

      Pensando bem, a Apple pode até ser o primeiro note com Kaby Lake a chegar no Brasil.

  • Eric Silva 31/08/2016, 13:37

    Legal, mas e a pergunta que não quer calar, quando eu posso comprar um processador desse avulso ?

  • dflopes 01/09/2016, 09:35

    Mantendo os 14nm, a intel desiste do Tik-Tock?

    E fiquei aliviado com as etiquetas escritas a mão.
    Pensei que só no Brasil tinha gambiarra… 😛

    • Mario Nagano 01/09/2016, 11:36

      Ma o meno, é que neste caso específico, eles conseguiram tirar mais um suco do processo de 14nm que não valia a pena partir para os 10nm, É o que eles já chamaram no passado de “Tick Plus”

      De um certo modo, Kaby Lake não deixa de ser um Skylake mais eficiente com uma nova aceleradora de vídeo com suporte nativo para 4K.

      Essas papeletas, servem mais como lembrete/orientação para executivo na hora da apresentação, evitando assim situações embaraçosas como pegar por engano um notebook da Lenovo dizendo que ele é da HP.

      A diferença é que neste caso, como não tinha um palco na sala, a gente pode chegar mais perto e ver essa “colinha”