Infinity AS 1301: Semp Toshiba também brinca de AMD Fusion

I

Eclipsado pelo oba-oba em cima do seu tablet com Android, a Semp Toshiba também anunciou o segundo notebook nacional baseado na nova plataforma AMD Brazos.

Se comparado com o pioneiro Sony Vaio VPC-YB15AB, o AS 1301 é um portátil ligeiramente diferente, baseado no processador na APU AMD C-50 “Ontario”, um chip dual core de 1 GHz com 128 KB de cache L1 + 1.024 KB de cache L2, controlador de memória DDR3 1066 MHz e TDP de apenas 9 watts! Isso deve fazer um bem danado para a autonomia da sua bateria de quatro células, mas que pode impactar no desempenho da GPU integrada, uma Radeon HD 6250 com suporte para DX11 e que roda a 276 MHz contra os 492 MHz da Radeon HD 6310 que equipa o E-350 do Vaio. Seu chipset é o mesmo: um AMD Hudson M1.

Fisicamente falando, o AS 1301 mede fechado apenas 32,8 x 2,7 x 23,9 cm (LxAxP) e 1,9 kg de peso, o que o coloca na categoria dos chamados notebooks leves e finos (thin and light). A máquina vem equipada com uma tela LCD de 13,3″ com resolução nativa de 1.366 x 768, teclado em português com touchpad e webcam de 1,3 megapixel.

Internamente ela vem com 2 GB de  SDRAM, 320 GB de disco rígido, Wi-Fi 802.11 b/g/n, dois alto falantes e do lado de fora ficam 3 portas USB 2.0, duas saídas de vídeo HDMI e SVGA, som, rede fast Ethernet, leitor de cartão SD/MMC/MS e Windows 7 Starter pré-instalado. Também acompanham o produto os programas Nero Essentials 9, Norton Internet Security e o Guia Multimídia Semp Toshiba.

Se comparado com o Vaio me parece que o AS 1301 é um produto mais pé no chão, equipado apenas com o essencial e sem muitas fescuras como visual diferenciado, suporte para cartões SDXC, rede Gigabit Ethernet etc.

Em contrapartida, o seu preço sugerido é muuuito interessante para um produto em lançamento: R$ 1.269

Resta saber o que esperar da APU AMD C-50 e ver se ele será capaz de bater um netbook com Atom tanto em desempenho quanto em autonomia de bateria.

 

Sobre o autor

Mário Nagano

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World.
Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos