ZTOP+ZUMO

Hands on: Wi-Fi no vôo da American Airlines

Desde o final do ano passado a American Airlines vem oferecendo um serviço de acesso Wi-Fi em algumas de suas rotas domésticas e como não tinha nada pra fazer durante o vôo de Dallas para San Francisco, eu dei uma olhada in loco nesse sistema.

Batizado de GoGo Inflight Internet esse sistema funciona mais ou menos como uma rede de telefonia celular mas com as torres direcionadas para cima transmitindo assim o seu sinal para os aviões que estiverem passando pelo local, o que pode incluir aeronaves de outras empresas além da AA.

E como ocorre quando usamos nossos celulares o aparelho procura e utiliza a torre que ofereça o melhor sinal. Essa rede já cobre todos os EUA e até partes do Canadá e México mais próximas da fronteira.

No caso a American, esse serviço já está disponível em todos os Boeing 767-200 e em algumas unidades do MD80 e 737. Nesses casos, o serviço é anunciado na forma de um folheto em cada poltrona e um adesivo perto do compartimento de bagagem (imagem acima).

Seu uso é o como de qualquer hotspot de acesso pago: ligue o PC, handheld ou celular com Wi-Fi (obviamente nunca nas decolagens e aterrissagens) e procure pelo ponto(s) de acesso disponíveis. Interessante notar que meu note observou três redes dentro do avião em pleno vôo e no meio do deserto  americano.

Feito isso, basta se conectar:

Ai é só entrar no seu browser favorito, escolher e comprar o plano de acesso que melhor se ajuste às suas necessidades e sair navegando.

Segundo colegas que já utilizaram esse serviço, por enquanto ele é bastante veloz mas isso sempre dependerá do nível de uso da rede como um todo.

O curioso é notar que no folheto da American eles recomendam o uso moderado desse serviço em atividades leves como acessar emails, entrar na intranet da empresa, fazer algumas transações comerciais como alugar um carro, etc. Ligações de VoIP são proibidas e acho que deve haver alguma restrição para uso de redes peer-to-peer (como Bittorrent) ou acessar o YouTube. A empresa também recomenda que o usuário não acesse qualquer site que possa ofender o seu vizinho de poltrona, ou seja, site de sacanagem nem pensar.

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • Eduardo 12/09/2010, 07:47

    Eu usei em vôos da United Airlines entre NYC e SFO e foi perfeito. Vale lembrar que comprando em terra existe um desconto – que já variou de 15% a 40% – e depois do cadastro é bem simples conectar on line. A propósito, usei Skype por um bom tempo sem nenhum problema. 😉

    • mnagano 12/09/2010, 11:19

      Yep, foi o q os outros também disseram. 😛

  • Otavio 12/09/2010, 14:42

    Vcs também poder rodar o airodump-ng, esperar alguém autenticar nesse serviço e acessar sem problema =]

    Fui de NY para Las Vegas para a Defcon, e adivinhem, tinha 7 pessoas com o mesmo MAC kkkk … 😛

  • TeclandoTecnologia 14/09/2010, 22:20

    Nada mal, pelo visto o sinal é ótimo, indicando 99% de frequência, um avião normal voando a 35 mil pés, excelente característica. Para o Brasil, só imaginando mesmo, para um país que não tem cobertura televisiva em sua totalidade ainda, imagine cobertura de internet.