Hands-on: Samsung Galaxy Note

H

Samsung Galaxy Note é smartphone, mas não é. É tablet, mas também não é. Talvez o aparelho com tela de 5,3 polegadas se encaixe em uma nova nomenclatura, o foblet (fone+tablet). Tem funções de tablet e de telefone ao mesmo tempo, e é gigante na mão.

Roda Android 2.3.5, tem processador de 1,4 GHz dual-core, acesso a redes 3G, HSPA+ e LTE, câmera de 8 megapixels, gravação e reprodução de vídeo em 1080p (e suporte a DivX e outros padrões) e… fala! (especificações completas aqui).

>>> Leia o review do Galaxy Note

Para dar uma ideia do tamanho do Galaxy note (14,7 cm de altura x 8,3 cm de largura x 0,9 cm de profundidade), ele ao lado do iPhone 3GS (tela de 3,5″):

Ao lado de uma caneta simples (e é quase maior que a caneta!)

E na mão: na minha – e não tenho mãos pequenas – mal cabe direito:

Para as mulheres, é maior ainda: veja que a ponta do dedinho mal chega à extremidade da tela.

De resto, o Galaxy Note lembra qualquer outro smartphone da linha Galaxy: Acima, o conector de fones 3,5 mm…

À direita, o botão de liga-desliga

Abaixo, microfone, conector microUSB e o slot para a caneta stylus…

Que pode ser usada para desenhar e jogar na tela:

Do lado esquerdo, o controle de volume:

E atrás, a tampa da bateria de 2.500 mAH:

A câmera de 8 megapixels com flash LED:

Removendo a tampa, vemos a bateria

E a entrada para o SIM card da operadora e o cartão microSD (opcional).

O Samsung Galaxy Note está à venda pelo preço sugerido de R$ 1.999 desbloqueado no mercado brasileiro – ofertas podem aparecer nas operadoras. Agora vou ver tudo que esse “foblet” tem a oferecer e volto com um review no ZTOP.

crédito ao termo foblet: Augusto Campos

Sobre o autor

Henrique Martin

Henrique Martin é o fundador do ZTOP+ZUMO e da newsletter de tecnologia Interfaces. Já escreveu na PC World, PC Magazine, O Estado de São Paulo, Folha de S. Paulo e criou o ZTOP+ZUMO em 2007, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC.

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos