Hands-on: Nokia X / Nokia XL

H

De olho no mercado de smartphones baratos, a Nokia mostrou hoje três aparelhos novos da sua linha de produtos: Nokia X, X+ e XL. A diferença é que eles rodam uma versão de Android sem serviços Google, e eu passei alguns momentos com esses novos aparelhos na manhã de hoje em Barcelona.

Primeira coisa a ter em mente ao falar dos Nokia X é que eles são baratos, feitos com hardware básico e de olho em um consumidor que pensa em ter um smartphone, mas não tem dinheiro para um topo de linha.

Para uma comparação básica, pense que a maioria dos smartphones vendidos no Brasil rodam Android, mas a maioria deles custa bem menos de R$ 1.000 (chutando alto). É aí que os Nokia X vão entrar, quando forem lançados ainda no segundo trimestre de 2014 (preços não foram definidos ainda) – virão pra cá os modelos X e XL.

O que a Nokia fez foi aproveitar essa oportunidade dos Androids de US$ 100 e inserir diversos serviços da Microsoft, deixando o Google de fora. Durante a apresentação, um jornalista perguntou: “e a plataforma queimando?” (citando o já histórico comunicado do então CEO Stephen Elop ao povo da Nokia antes de migrar para Windows Phone).

Elop, o sincero, pareceu honesto hoje cedo: “quando mudamos, dissemos que o Windows Phone seria o terceiro ecossistema. Conseguimos isso. Muitos outros adotaram Android naquela época e caíram pelo caminho”.

Voltando aos Nokia X. Os modelos X e X+ são iguais no design, com pequenas diferenças internas (processador Qualcomm Snapdragon 200 dual-core de 1 GHz, tela de 4″, 800 x 480, 512 MB de RAM para o X/768 MB de RAM para o X+), câmera de 3 megapixels com foco fixo, sem câmera frontal.

E se você já viu/mexeu em um Nokia Asha, vai encontrar a mesma experiência. Telas que deslizam para o lado alternando entre apps e o menu principal, notificações na tela inicial e no topo da tela…

nokia X - 2

A única grande diferença notável é a maior customização em ícones na tela principal, algo um tanto inspirado no próprio Windows Phone.  E a qualidade da tela, para manter o preço baixo, não é lá das maiores – a resolução é baixa, certo?

nokia X - 3

Curioso que não existe menção a Android no aparelho: ele roda “Nokia X Software Platform”. Pelo que deu a entender conversando com o pessoal que faz a demonstração do produto no stand da Nokia no MWC, é baseado no Android 4.2. A parte de configurações do sistema é a única área do Nokia X que lembra algo que um dia foi Android.

nokia X - 4

O design também segue os Asha em todos os Nokia X, com a entrada microUSB na parte inferior do aparelho…nokia X - 5

…fone de ouvido/headset no topo…nokia X - 6

…Câmera atrás….nokia X - 7

E controle de volume e botão liga/desliga na lateral direita do smartphone.

nokia X - 8

A capa colorida é removível (e atua como um protetor para a tela, o que é bom) e mostra a bateria (Nokia não falou de capacidade de bateria, mas cita “até 10,5 horas de conversação em 3G”) e os dois slots para microSIM card.

nokia X - 9

O Nokia X já está à venda pelo valor sugerido de 89 euros (teoricamente disponível a partir de hoje), o Nokia X+ sai pelo valor sugerido de 99 euros, em algum momento do segundo trimestre.

Já o Nokia XL usa o mesmo hardware do Nokia X+ com tela maior (5″) com a mesma resolução baixa (800 x 4800 e vem com uma câmera de 5 megapixels com autofoco e flash LED, além de uma câmera frontal de 2 megapixels. Fiz um vídeo mostrando o XL e a interface do aparelho. À primeira vista/uso, é rápido e sem engasgos.

E a interface é a mesma: tela inicial…

nokia XL - 01

…com quantos apps você quiser…nokia XL - 02

…uma barra deslizante de notificações/progresso/acesso a configurações básicas no topo.

nokia XL - 03

…E a adoção do “Fastlane”, algo presente nos Asha também e que ajuda a alternar/avisar sobre os aplicativos em uso.

nokia XL - 04

As câmeras do Nokia XL:

nokia XL - 05 nokia XL - 08

Seu design é igualzinho ao Nokia X. E muitas cores no acabamento –
nokia XL - 06 nokia XL - 07 nokia XL - 09

Finalmente, vale mencionar a loja de apps. Como a Nokia trocou APIs do Google por APIs da Microsoft no sistema, não temos Gmail, Play Store, busca do Google, Google Now! e demais serviços Google relacionados. A loja de apps permite downloads selecionados pela Nokia que rodam em Android (e é mais um lugar para desenvolvedores oferecerem seus apps).

Dá para fazer downloads externos, como no Android (basta liberar o acesso) e a Nokia permite instalar lojas de terceiros, como Yandex, da Rússia. Seria interessante ver a Amazon App Store por aqui (como dizem, o inimigo do meu inimigo é meu amigo, certo?)

nokia XL - 10 nokia XL - 11 nokia XL - 12O Nokia XL também chega no segundo trimestre (incluindo o Brasil na lista) pelo valor sugerido (na Europa, claro) de 109 euros.

ZTOP está a Barcelona a convite da Nokia e conectado com um SIM card da Vivo (E o 4G funciona!). Todas as opiniões são nossas, as fotos bacanas também.

Sobre o autor

Henrique Martin

Henrique Martin é o fundador do ZTOP+ZUMO e da newsletter de tecnologia Interfaces. Já escreveu na PC World, PC Magazine, O Estado de São Paulo, Folha de S. Paulo e criou o ZTOP+ZUMO em 2007, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC.

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos