Hands on: Energizer Flat Panel 2x Induction Charging System (para Wii)

H

Visto até recentemente como algo resgatado de um disco voador caído lá em Roswell, a tecnologia de recarga de bateria por indução começa aos poucos a chegar ao mercado como uma maneira simples de prática de repor a energia de seus gadgets. Um bom exemplo é o Energizer Flat Panel 2x Induction Charging System da Eveready que recarrega dois controles de Wii ao mesmo tempo e sem ter que ligar fios!

Disponível na versão de dois e quatro controladores, tivemos acesso à versão mais simples formado pela base de carregamento propriamente dita, um adaptador de tomada elétrica e dois packs de bateria recarregável especificamente moldados para se encaixar nos Wiimotes.

A bateria em si é descrita como modelo PL-7581 de 2,4 volts e 500 mAh e a tecnologia é de níquel-hidreto metálico (Ni-MH), note o curioso mecanismo à direita do selo Energizer que permite resetar o controle sem ter que abrir o Wiimote.


Para minha surpresa, essa bateria não vem selada de modo que basta remover os dois parafusos para revelar o compartimento das baterias. Novamente outra surpresa: elas só estão encaixadas, o que facilita a sua manutenção e até a eventual troca de células gastas por novas.

Ao remover as baterias, podemos ter uma visão mais clara do circuito de alimentação. Eu particularmente achava que só iria encontrar uma bobininha de indução e um regulador de voltagem, mas me parece que a coisa é um pouco mais complexa. Segundo o fabricante, essas baterias possuem um circuito de proteção que impedem a sobrecarga e/ou superaquecimento da bateria, garantindo assim que os Wiimotes estejam sempre prontos para jogar.

O processo de instalação e uso é bastante simples: basta retirar a capinha da bateria do Wiimote e as pilhas normais e colocar as recarregáveis no lugar.

Feito isso, basta ligar a base na tomada e colocar os wiimotes sobre a mesma. Curiosamente a base possui um magneto que ajuda a colocar o controlador na posição correta e ao fazer isso, acende-se uma luz vermelha que fica constante durante o tempo de recarga ou pisca para indicar algum erro. Quando completado, a luz passa para verde. Segundo o fabricante o Wiimote pode ser recarregado com sua jaqueta de silicone original ou mesmo com o sensor Motion Plus instalado.

Na minha carga inicial (com a bateria vazia), a base levou aproximadamente quatro horas para completar uma carga com os dois Wiimotes na base. Como sou um jogador casual, ainda não tenho uma idéia de autonomia dessas baterias mas só o fato de ter controles sempre com carga a qualquer hora já é um grande alívio.

(minha sobrinha que o diga!)

A propósito: Eu comprei esse acessório no Amazon.com pela bagatela de US$ 30. A versão para quatro Wiimotes sai por US$ 50.

Sobre o autor

Mário Nagano

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World.
Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos