ZTOP+ZUMO

Google do Japão apresenta nova versão do seu teclado flick

Além do teclado físico bluetooth, a empresa também possui versões robotizadas e até acionada pela boca.

[Primeiro de abril meio atrasado] Da série “tudo tem que ser diferente no Japão” enquanto o ocidente se maravilhava com o óculos de realidade real Google Cardboard Plastic, a sua filial na terra do sol nascente prepara suas próprias brincadeiras de primeiro de abril, sendo que este ano eles mostraram uma nova versão física do Google Fick Keyboard (codinome “Furikku”), dispositivo inspirado no notório teclado virtual especialmente desenvolvido para a entrada de textos em japonês:

O que dá para entender, é que essa história de anunciar um novo Furikku no dia primeiro de abril é uma piada recorrente do Goggle do Japão, sendo que o seu time de “japanese input” sempre bola alguma coisa divertida, como a versão “hands free” acionada pela boca (codinome “Piro Piro“) de 2015…

… a versão robotizada capaz de reproduzir os movimentos da mão humana no teclado (codinome “Magic Hand“) de 2014…

… a versão “Patapata” de 2013, inspirado nos “flip clocks”…

… e a versão retrô baseado no telégrafo morse de 2012…

Vale a pena observar que todos esses vídeos possuem legendas em inglês, mas esse recurso tem que ser ativado na página do Youtube.

Ainda em tempo:

A fabricante de material de escritório (e outros bichos) favorita deste Ztop — a King Jim — também fez sua brincadeira de primeiro de abril, anunciando uma nova versão do seu rotulador TEPRA PRO (que os nipões falam “Tepura Pro”) — batizada de TEMPRA PRO (=”Tempura Pro”) —  que reproduz a guloseima de fato. Algo que faria um tremendo sucesso lá em cima na ISS ou na próxima missão para marte.

king-jim-tempura-pro

E assim como a Amazon.com, a empresa de transportes Sanwa Koutsu também resolveu explorar o potencial logístico dos drones e lançar seu novo serviço aéreo — o Drone Taxi:

Sanwa_drone_taxi

Drone_taxi_howto

Chupa essa UBER!

 

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.