ZTOP+ZUMO (tech, opinião, inteligência)

Google+: Hangouts é bom motivo para o Skype se preocupar

Esqueça as comparações com Facebook, Twitter e Orkut: o serviço online que pode ser mais ameaçado pelo Google+ é o velho e bom Skype. Motivo? Hangouts, o chat de vídeo coletivo integrado ao Google+.

A primeira impressão ao entrar em um Hangout é esquisita (entrei num com mais cinco pessoas). Um monte de gente ali, a imagem principal muda descontroladamente, até você entender a lógica. Quem fala ganha a tela.

Dá para fazer um chat paralelo, convidar mais gente e compartilhar videos no YouTube (é a tela lá de cima). E por que o Hangout representa uma ameaça pro Skype? Até então, o Google permitia chamadas por vídeo no Gtalk do Gmail. Nos EUA e Europa, o Gtalk já permite fazer ligações (pagas) para fones fixos/celulares também, concorrendo com o Skype.

E, no caso do Hangout, o Google liberou uma função primordial que é paga no Skype: o chat em vídeo em grupo. Tudo bem, ainda é uma função ainda fora de controle (teoricamente, qualquer um pode entrar…), mas mostra o poder da ferramenta. E, não, não pense em Chatroulette. Primeiro que precisa ser bem pervertido (e ter amigos do mesmo naipe) para fazer um chat pelado em vídeo em um serviço do Google. Segundo: dá para denunciar abusos no video.

Em tempo: o Google+ envia notificações para o celular (por SMS) apenas para Estados Unidos e Índia…

E se você quiser fazer um backup de tudo, a “Liberação de dados” faz isso num clique.

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin