Gadget do dia: Seiko Astron GPS Solar

G

Perdido no tempo e no espaço? O novo relógio de pulso Seiko Astron (por sinal, o nome do seu primeiro relógio de quartzo do mundo) usa um GPS embutido para ajustar sozinho para a hora local, independente de onde você esteja no planeta.

Basta pressionar um botão que ele ajusta a hora local em ~ 6 segundos ou 30+ segundos caso o usuário tenha mudado de zona de horário. Para realizar essa façanha, a Seiko desenvolveu um novo módulo GPS que consome 80% menos energia, tornando viável seu uso em um relógio de pulso. Sua fonte de energia é uma bateria solar.

Para acertar a hora, o GPS precisa captar o sinal de pelo menos três satélites para calcular a sua latitude e longitude e, baseado nisso, ele determina sua posição relativa em um mapa do mundo na sua memória formada por 1 milhão de “blocos”, determinando assim a hora correta neste local.

Segundo a fabricante, o relógio possui uma antena interna capaz de captar sinais bem fracos de satélite, mas recomenda que o usuário tenha uma visão do céu para acertar a hora local. O ajuste para horário de verão e calendário (incluindo anos bissextos) também é automático e garantido de funcionar até fevereiro de 2100.

 

O novo relógio estará disponível em cinco modelos, sendo dois com caixa de aço inoxidável e três em titânio de “alta-intensidade” que a empresa afirma ser mais resistente que o aço e apenas 60% do seu peso. O dial é protegido por uma lente de cristal de safira com baixíssimo índice de reflexo e emoldurado num anel de cerâmica. A caixa tem 4,7 cm de diâmetro e 1,65 cm de espessura e tem resistência a água de 10 bar ou 90 metros sob a água.

 

 

A previsão é que o novo Astron chegue ao mercado japonês em setembro deste com preços variando de 152.250 ienes (~R$ 3.304) até 210.000 ienes (~R$ 4.557). Também haverá uma edição limitada (2.500 unidades numeradas individualmente) com caixa na cor preta com detalhes em dourado e pulseira de silicone:

Mais informações aqui.

 

 

 

Sobre o autor

Mário Nagano

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World.
Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

<span class="dsq-postid" data-dsqidentifier="57464 http://ztop.com.br/?p=57464">comentários</span>

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos