ZTOP+ZUMO (tech, opinião, inteligência)

Gadget do dia: Olympus Stylus Tough 8000

olympus_mtough

Apesar da Casio ter inventado o conceito de câmera digital “dura na queda” com a G.Bros GV-10 de 2001, foi a Olympus quem fez a fama nesse mercado com sua linha “SW” e começa o ano com um modelo ainda “mais duro na queda” com o Stylus Tough 8000 (μTough 8000 no Japão e Europa), uma digital de 12 megapixels que, como sua antecessora a Stylus 1030 SW, aguenta ficar até 10 metros debaixo d’água, quedas de 2 metros de altura, temperaturas de até -10 °C e compressão de até 100 kg. Sua objetiva começa com uma abertura focal de 28 mm (= 35mm) o que permite espremer mais gente nas fotos de grupo indo até 102 mm (= 35mm) uma meia-tele ideal para retratos de rosto. Além do flash, ela também dispõe de um iluminador de LED, ideal para fotos debaixo d’água.


Como fã da linha Olympus, eu sempre quis ter uma dessas mas nunca me animei a comprar uma, porque elas nunca vieram com um sistema de estabilização de imagem decente. A solução adotada — chamada de estabilizador “digital” —  aumenta da sensibilidade do sensor de imagem, permitindo assim menores exposições mesmo em condições de baixa luminosidade, resultando eventualmente em imagens mais granuladas ou cheias de ruído.

Bom… isso até hoje, já que a Stylus Tough 8000 é o primeiro da sua linhagem a vir com sistema duplo de estabilização de imagem, combinando o sistema digital com um novo sistema mecânico (CCD shift) ficando finalmente ao nível de concorrentes como como Canon com seu sistema IS e a Nikon com o sistema VR, ambos baseados em “lens shift”.

Outra sacada legal dessa câmera é o uso criativo de sensores de movimento, originalmente usado para proteger a câmera numa queda (fechando a tampa da objetiva e desligando a mesma) e que agora pode ativar diversos recursos ou mesmo navegar em alguns opções do menu, por meio de pequenos “tapinhas”  no corpo da máquina (Tap Control) em vez de pressionar um botão específico — muito útil quando estiver usando luvas de frio. E assim como suas DSLRs, a Tough 8000 aceita dois tipos de cartão de memória flash: xD Picture Card e microSD.

O produto estará disponível com detalhes em preto e prata e já está em pré-venda no site da Amazon pelo preço sugerido de US$ 400. Quem achou caro, por US$ 100 a menos a empresa também oferece a Stylus Tough 6000 (imagem abaixo), um modelo mais simples equipado com um sensor menor de “apenas” 10 MP e um padrão de construção um pouco mais “frágil” (3 metros debaixo d’água e quedas de até 1,5 m de altura) porém equipado com a mesma lente, estabilizador duplo e Tap Control.

olympus_mtough_6000a

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • Nikolas

    É nessas horas que percebemos … preciso comprar uma câmera nova !
    Abraços

  • beleza!!!