ZTOP+ZUMO

Gadget do dia: novo Google Nexus 7

O novo tablet do Google existe e se chama Nexus 7. Roda Android 4.3 Jelly Bean” e é produzido pela Asus.

Como o Nexus 7 original, é um produto pensado para maior consumo de mídia – ainda mais com uma tela Full HD.

O que mudou?

Sai a Nvidia, entra a Qualcomm como fornecedora oficial de processadores (é um Snapdragon S4 Pro de 1,5 GHz com GPU Adreno 320), a tela agora tem resolução Full HD (1920 x 1200; 323 pixels por polegada), a quantidade de RAM aumentou para 2 GB de RAM e o armazenamento pulou de opções iniciais de 8/16 GB para 16 GB/32 GB. E  tem também uma versão desbloqueada com conectividade 4G e 32 GB.

O Nexus 7 novo traz ainda uma câmera traseira de 5 megapixels e ficou mais fino (10 mm no original, 7,6 mm de espessura no novo; e as margens estão menores entre a tela e a borda do tablet). As configurações ainda incluem Wi-Fi, NFC, alto-falantes estéreo (!), Bluetooth e o novo Android 4.3 (ainda chamado Jelly Bean).

Preço sugerido nos EUA? US$ 229,99 (16 GB)/US$ 269,99 (32 GB)/US$ 349 (4G/32 GB), já em pré-venda na Best Buy, por sinal (que publicou o produto na manhã de hoje); mais tarde no Google. Brasil não está na lista de países de lançamento inicial (EUA, Reino Unido, Canadá, Austrália, Espanha, França, Alemanha, Coreia do Sul e Japão por enquanto).

Espero que desta vez o Google tenha feito a lição de casa e entendido o varejo local (já que o smartphone Nexus 4 está nas lojas) e traga o novo Nexus 7 para o Brasil o mais rápido possível.

Para quem não lembra, o Nexus 7 original chegou a ser anunciado pela Asus, mas não chegou a ver a luz do dia no grande varejo (só saiu online em uma loja). Enquanto isso, a Asus lançou diversos tablets de 7″ no mercado brasileiro de janeiro para cá, incluindo o bom-e-barato MeMo Pad 7  e o telefone gigante FonePad.

O Google afirma que hoje um a cada dois tablets vendidos no mundo roda Android, e que o número de tablets Android ativados em 2013 deve bater a marca de 70 milhões de unidades até o final do ano – quando a venda de tablets também vai ultrapassar a de PCs. Curioso notar que, durante a apresentação do novo tablet hoje nos EUA, a maioria dos apps foi demonstrado em modo paisagem, com a tela na horizontal – e que fora os games de terceiros, os grandes apps para tablet são feitos pelo próprio Google (Maps, Chrome, por exemplo).

Além do Nexus 7, o que tem de novo no Android 4.3 “Jelly Bean” (note que é uma atualização, não uma nova versão).

  • suporte a múltiplos usuários, incluindo controle de acesso (algo parecido com o Espaço da Criança do Windows Phone 8)
  • suporte a tecnologia Bluetooth Smart, com menor consumo de energia (exemplo: uso com aparelhos que enviam dados de saúde do usuário para o tablet)
  • suporte ao padrão OpenGL ES 3.0 para gráficos melhorado
  • novas APIs de DRM (controle de direitos autorais), começando com um novo app da Netflix em Full HD (algo inédito em tablets)
  • Sai hoje para o Nexus 7 original, Nexus 4, Nexus 10 e Galaxy Nexus; Galaxy S4 e HTC One edições “Play” terão em breve. Mais em Android.com

Galeria de fotos:

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin