ZTOP+ZUMO 10 anos!

Gadget do dia: M4125 Maid PC Case

maid_pc1

Dica deste Zumo para aquele amigo Otaku que já tem tudo: o M4125 Maid PC Case, um gabinete para PC bem no estereótipo das criadas francesas do século 19.

maid_pc2

Feito para acomodar as pequenas placas Mini-ITX, um CD-ROM slim e um HD de 3,5″, o produto está disponível na versão original (acima) e a Maid Station equipada com meias pretas e uma saia mais curta. O gabinete já vem com toda a ferragem necessária para fazer a montagem e documentação em japonês. O resto do hardware deve ser adquirido à parte.

Ele custa a bagatela de US$ 511 e pode ser encontrado aqui.

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • Diego

    Só não entendi a utilização do termo “otaku”, que comumente designa fãs de animes / mangás. Acredito que o termo “geek” seria mais apropriado neste caso!

    Como este é meu primeiro comentário, aproveito pra dizer que leio o blog todos os dias e o considero o melhor do Brasil na área de tecnologia. Parabéns pelo trabalho!

  • Oi Diego,

    Eu preferi utilizar termo “Otaku”, porque essa mania por “meidos” (até onde eu saiba) é um fenômeno cultural mais associado aos nerds japoneses.

    O curioso é que aqui no ocidente, o termo Otaku ainda é usado com um certo orgulho pelos fãs de anime, mas lá do outro lado do planeta, esse termo caiu em desgraça, principalmente depois do caso Tsutomu Miyazaki.

    Se vc quiser saber mais sobre o fenômeno Otaku, eu sugiro o livro “Otaku – Os filhos do virtual” de Étienne Barral, publicado pela editora Senac de São Paulo.

    Ah sim, brigadão pelos elogios!

    Mário

  • dflopes

    VAi por mim, nenhum geek iria “pegar” esse desktop.

    Só um otaku, na definição da palavra, e não a giria nacional…

    Agora, onde enfia o pen drive?! o.0

  • Diego

    Valeu pela dica, Mário! Realmente o termo tem significados diferentes no ocidente e no oriente… Agora tá bem explicado! 😉

    Abraço!

  • Kan

    aff…