ZTOP+ZUMO (tech, opinião, inteligência)

Gadget do dia: lanterna Rayovac DIY3AAA-B Indestrutível

Com corpo de liga de alumínio e titânio, a nova lanterna da Rayovac utiliza LED de alto brilho e possui garantia para toda vida.

Tradicional fabricante e distrubuidor de lanternas no Brasil, a Rayovac DIY3AAA-B — batizada localmente apenas como Indestrutível — faz parte de uma nova geração de modelos robustecidos que utilizam apenas um único LED de alto brilho (120 lúmens), ao contrário dos modelos mais antigos que utilizavam diversos LEDs e, por causa disso mais parecem um ninho de abelhas. Seu desenho compacto cabe em qualquer bolso, pode ser segurado com apenas uma das mãos e o alcance do seu facho de luz chega a 160 metros.

Fora isso, ela também atende a especificação IPX4 de resistência a água ou seja, pode ser molhada, mas não ficar submergida por muito tempo (IPX7) nem ser operada debaixo d’água (IPX8). Mais sobre isso aqui.

Segundo a fabricante, a DIY3AAA-B possui um copo de liga de alumínio e titânio e vem equipado com protetores de borracha o que ajuda a protegê-la contra batidas e quedas de até 9 metros de altura. Isso a torna particularmente interessante para uso em ambientes extremos por engenheiros de campo, equipes de resgate, bombeiros e até forças policiais que, nesse último caso,  podem até usar essa lanterna para acalmar alguns indivíduos mais exaltados.

Vale a pena observar porém, que no seu modo de alto brilho (High Performance) a vida útil das suas três baterias AAA é de apenas cinco horas de uso, para minimizar esse problema, essa lanterna possui um modo “modo econômico” (Energy Saver) que baixa o seu brilho para apenas 19 lúmens, mas estende a vida útil para até 40 horas.

 

O preço sugerido para o consumidor é de R$ 89,90 e ela já vem com três pilhas AAA alcalinas da Rayovac. Mais informações aqui.

 

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.