ZTOP+ZUMO

Gadget do dia: Celular infantil Kyocera Mamorino

Criado especificamente para crianças de até 10 anos, o Kyocera Mamorino é um sonho de consumo para pais cada vez mais modernos e preocupados em proteger seus filhos dos perigos do mundo real e digital.

Ao contrário dos modelos convencionais, o Mamorino mede apenas 4,6 × 8,6 ×1,8 cm (LxAxP) e vem com uma pequena tela LCD QVGA de 2″ e não possui teclado numérico. Assim a criança só pode ligar para três os números pré-programados pelos seus pais bastando para isso pressionar as teclas 1, 2 ou 3. Isso evita a possibilidade que ela ligue para estranhos e se meta em alguma encrenca.

Outra grande sacada desse aparelho é que ele vem com um GPS embutido que pode ser usado pelos pais/responsáveis para localizar o celular ou pela própria criança para enviar um sinal informando sua localização no caso de sentir-se perdido. Uma vez ativado ele emite um sinal a cada minuto até ser encontrado.

Outro recurso interessante é a presença de uma luz de emergência que pode funcionar como lanterna e, ao puxamos a arg0la da correia com mais força ela aciona um alarme bastante alto e envia pedidos de socorro para órgãos de segurança. Ele será oferecido nas cores azul e laranja e será vendido apenas no Japão pela operadora KDDI a partir de janeiro de 2010 como parte de sua linha de telefones AU. Seu preço ainda não foi divulgado.

Mais informações aqui.

Ainda em tempo:

Eu suspeito que o nome e o formato do Mamorino tenha sido inspirado nos Omamori, um tradicional amuleto religioso japonês usado para proteger e trazer boa sorte para pessoas e mesmo objetos como bolsas até carros — como aqueles enfeites orientais que as pessoas penduram no retrovisor do carro. Mamori em japonês significa proteção.

Omamori_Protection

No mangá Maison Ikkoku de Rumiko Takahashi, Ibuki Yagami manda um omamori para Yusaku Godai para protegê-lo durante uma entrevista de emprego conduzida pelo irado pai da menina que prometeu acabar com o cara que se meteu com sua filha.

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • Walter Mercado 09/11/2009, 07:00

    Kawaii 🙂

    Pode ser uma alternativa para idosos também…

  • Antônio Pessoa 09/11/2009, 09:14

    @Walter, limitar as ligações do vovô à três números é sacanagem :P. Acho que aquele outro celular é mais adequado para idosos (aquele que foi apresentado aqui no Zumo mesmo, com botões grandes e tudo).

  • ljoj2@hotmail.com 15/11/2009, 21:20

    limitar as ligações do vovô à três números é sacanagem [2] tadinho dos velhinhos!!!

    Do jeito que as crianças aprendem tecnologia cada vez mais cedo, ta arriscado a criança de 8, 9 anos hackearem o telefone e reprogramarem os 3 números, colocarem um joguinho de sacanagem em java, e ficar puxando toda a hora a cordinha, so pra apurrinhar quem ta do lado, e pra finalizar, fazer alguns “testes de resistência” com os brinquedinhos!! =D

  • Angie 17/11/2009, 07:16

    Tsc..Tsc…criançada…ai, ai. Quem falou para o vovô é preconceituoso, pq. eu uma vovó, sei mais que os meus netos e filhas. Em “explorar” as operadoras e tirar o máximo dos aparelhos. Elas vivem me pedindo ajuda. Na nossa época não tinha essa “mudernagens”, então qq. vovôs e vovós viram especialista em Superior em TI. Esse é bom pra vovós que tem filhas(os) que adoram uma balada;passou do horário, entregam os netos “em mãos”… Será que é pago esse serviço, vínculo com a operadora. A Claro tem esse serviço, p/ qq aparelho, but… é pago.

  • eliana 27/11/2009, 13:18

    onde encontrar este aparelho no brasil?