Filtro da CES 2020 (parte 3)

F

No capítulo de hoje, Google, Twitter, montadoras e seus veículos futuristas, IBM (e a Delta de novo). Também damos boas-vindas ao Quibi. Acompanhar a maior feira de tecnologia do mundo não é fácil, mas o ZTOP te dá uma ajuda (com uma colaboração da newsletter Interfaces).

Twitter

Anunciou novas mudanças nas conversações dentro da rede, permitindo limitar o nível de interação com outros usuários respondendo a tweets – de todo mundo (global), grupos (pessoas que você segue e menciona), painéis (pessoas citadas no tweet) e “statement” (sem nenhuma resposta, o que pode ser útil para controlar políticos na rede). Beta com as mudanças entra no ar nos próximos meses.

Google

Disse que tem mais de 500 milhões de usuários do Google Assistente por mês nas plataformas que o Assistente está disponível (em mais de 1 bilhão de dispositivos). Anunciou novidades em privacidade (modo stand-by do Assistente até você dizer “OK Google” e que, enquanto a palavra-gatilho não é ativada, nenhuma conversa é gravada – mas se você quiser, pode compartilhar com o Google seus áudios), melhorias no reconhecimento de fala e novos recursos para uso em família (como compartilhamento de notas e lembretes).

O recurso intérprete será adotado pela American Airlines nas suas salas VIP, começando por Los Angeles, para ajudar passageiros que não falam inglês.

Ah sim, o Google tem um escorregador gigante na entrada do Las Vegas Convention Center.

Apple

Em rara aparição em Las Vegas, a Apple participou de um painel sobre privacidade com o Facebook (!)

Quibi

Da série “serviços que o nome não funciona em português” (eu não paro de ler “kibe”), em resumo parece um TikTok pago bancado por Hollywood (e isso é legal pra caramba). Tem como executivos principais Meg Whitman, ex-HP, ex-eBay, como CEO e Jeffrey Katzenberg. E um cast de atores e diretores (ops, criadores) que vão produzir três horas de conteúdo original a ser publicado por dia. Mas não fale que é concorrente do Netflix.

São filmes, séries, documentários, realities de até 10 minutos de duração por episódio, a serem veiculados em um app (Quibi) pago a ser lançado em abril. O mais curioso aqui é a tecnologia que eles chamam de Turnstyle, que usa duas câmeras para capturar vídeo na horizontal e na vertical e, com isso, poder acompanhar a história independente do ângulo que seu smartphone está. A infraestrutura de tecnologia do Quibi será fornecida pelo Google Cloud.

Como o Hulu, nunca devemos ver o Quibi funcionar no Brasil, por questões de direitos autorais e licenciamento.

IBM

A IBM levou seu computador quântico para o LVCC e anunciou um monte de novos projetos comerciais, incluindo clientes como Daimler (para uso em pesquisa de melhores baterias para carros elétricos) e Delta Airlines (otimização de rotas).

Panasonic

Transportes

A parte automotiva é tão importante (ou até maior) que a de eletrônicos na CES. Três destaques:

Samsung

Samsung ainda com gás para anunciar novos produtos: hoje foi o SSD externo T7 Touch com leitor de digitais. Mas não faça perguntas sobre a Ballie.

Ainda em temas relacionados, o CEO da tal NEON deu uma entrevista explicando um pouco melhor o seu produto.

Sobre o autor

Henrique Martin

Henrique Martin é o fundador do ZTOP+ZUMO e da newsletter de tecnologia Interfaces. Já escreveu na PC World, PC Magazine, O Estado de São Paulo, Folha de S. Paulo e criou o ZTOP+ZUMO em 2007, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC.

Disclaimer: o ZTOP+ZUMO tem links de afiliados com a Amazon e pode ser
remunerado caso você clique em links neste artigo e compre algo.

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos