ZTOP+ZUMO (tech, opinião, inteligência)

É possí­vel um dia sem Google?

A pergunta acima me foi feita pelo colega Henrique Martin, em um post em seu blog. A idéia do “desafio” é simples: um dia inteiro sem usar nenhum produto do Google, como busca, mail, YouTube e afins. Será que eu consigo?

Definitivamente não. Migrei há poucos meses todo o meu e-mail pessoal para o GMail, onde recebo umas duzentas mensagens diariamente. Ficar sem e-mail não dá. A busca no Google é essencial enquanto escrevo artigos (para garimpar material, idéias e referências), e embora seja possí­vel substituí­-la por outros sistemas, é o Google que me dá os resultados mais abrangentes, í s vezes logo na primeira página. E aproveito toda essa experiência em busca mesmo offline: meus computadores rodam o Google Desktop, a forma mais eficiente de eu encontrar o que procuro no meio da bagunça que são meus diretórios pessoais.

A calculadora quebra o maior galho na hora de converter pesos e medidas do sistema imperial para o métrico (experimente digitar num campo de busca: “42 degrees fahrenheit to celsius”. E o YouTube? Acho que recebo pelo menos meia dúzia de links para ví­deos por dia. Isso quando não procuro, espontaneamente, por alguma velharia que me veio í  cabeça na hora do almoço.

E mesmo que eu deixasse de usar diretamente os produtos do Google, não poderia deixar de usá-los indiretamente: três sites que mantenho usam o sistema Analytics para rastrear visitas e tráfego, e um deles usa o Adsense para propaganda. Teria de desativar tudo isso para cumprir o desafio. Na verdade, mesmo se seu site não usa Adsense/Analytics, provavelmente muitos dos sites que você visita usam. Então você estaria usando, indiretamente, o Google.

Como muitos sou um “viciado” em Google, e o único jeito de ficar um dia longe dele é simplesmente não ligar o computador. Será que isso é ruim?