ZTOP+ZUMO 10 anos!

Dossiê Samsung parte 2 – a dor nos laboratórios de teste

Na continuação da viagem ao vale do Silício, a Samsung nos levou para ver a parte hardcore de onde os smartphones são testados (por amostra) após sua fabricação (ou ainda antes da manufatura em massa, para descobrir potenciais falhas).

Aqui, já estava em Seul – os laboratórios ficam no subúrbio de Suwon, onde fica o quartel-general da Samsung (inverti a ordem dos posts, o próximo será sobre design/produto).

Aqui, todas as fotos são de divulgação. Diz a Samsung que os smartphones da marca passam por “milhares de testes”.

Meus destaques do que achei legal lá:

1) tortura por pó/calor: nada muito novo/impressionante, mas comum de se ver em labs (como lá na China com a Huawei).

2) Qualidade fotográfica: o Nagano daria uma Zeiss velhinha (Nagano comenta: O quêêê? Essa nem morta fia!) para ter um lab desses em casa. As peças da direita e da esquerda são totens de luz que simulam qualquer tipo de iluminação no planeta. Escolha a sua e simule uma foto na praia, na neve ou à noite. 
3) Teste de temperatura: Esse lab parecia o mais “humano” possível cheio de gente trabalhando nos seus notebooks e fazendo medições de temperatura com jogos, câmera e apps. Mas juro (@paulohiga é testemunha) que tinha um smartphone de cor vermelho desconhecida e uma parte inferior (era visível apenas a parte do conector de fone/USB-C) prensado entre uns itens de teste. Pode ser um S10, pode ser um… S9 na cor Burgundy Red.

A conferir em 2019.
4) Testes de som: tanto numa estranha câmara anecóica (primeira foto) sem som nenhum ou numa câmara normal que simula ruídos do dia a dia (segunda foto), é onde a qualidade de ligações/som de um smartphone é mensurada.

5) Testes de toque: onde um funcionário do lab e uma máquina de cutucões ficam avaliando pontos de contato com a tela e quantas vezes aquilo é possível de se repetir sem que ocorra uma falha.

6) os testes de tortura: sentar em cima …

… encaixa quantas vezes essa bandeja de SIM card?…

… máquina giratória de smartphones (que ficam caindo ali dentro das caixas)…

… e finalmente o mais que necessário (e dolorido de ver) teste de queda:

7) Finalmente, testes de resistência a água – como essa coluna d’água que avalia o tempo de uso do smartphone embaixo de 1,5 metro:

Henrique viajou a convite da Samsung. Fotos (quando possível) e opiniões são dele mesmo.