ZTOP+ZUMO 10 anos!

Com Atom, Intel lança menor chip do mundo

Chip Atom na mão de pesquisador da Intel

Chip Atom ao lado de moeda de 1 centavo de dólar

A Intel anunciou hoje uma nova família de processadores com baixo consumo de energia chamada Atom, voltada para uso em dispositivos portáteis de acesso à  internet (MIDs, em inglês) que devem começar a ser vendidos pelos fabricantes de PCs ainda este ano. Até então, o Atom é o menor chip x86 já fabricado até hoje.

O Atom visto de pertoO Atom pode ser usado ainda em computadores de baixo custo voltados ao acesso à  internet (e a Intel ainda cria novas siglas, como nettops, para os desktops-web, e netbooks, para notebooks-web). Vale lembrar que não são chips para celulares, mercado que a Intel não atua mais.

Além disso, a Intel também informou que criou uma nova plataforma, chamada Centrino Atom, para uso em dispositivos desse tipo para “oferecer a melhor experiência em um dispositivo de bolso“, segundo um comunicado da empresa.

De acordo com a fabricante, o Atom (conhecido pelos codinomes Silverthorne e Diamondville) foi baseado em uma nova microarquitetura projetada para dispositivos pequenos e de baixo consumo de energia, mantendo as mesmas instruções compatíeis com o chip Core 2 Duo presente em PCs convencionais. O projeto inclui ainda compatibilidade com múltiplos threads e melhor resposta de sistema em um chip que mede menos de 25 milímetros quadrados. A Intel diz ainda que até 11 matrizes do Atom (partes do silício com 47 milhões de transistores cada) cabem na área de uma moeda de um centavo de dólar.

Para comparação, o Atom foi projetado para consumir de 0,6 a 2,5 watts em velocidades de até 1,8 GHz. Um processador Core 2 Duo consome até 35 watts. O Atom, diz a Intel, será fabricado no processo de 45 nanômetros com a nova tecnologia de hi-k metal gate. Não é o mesmo chip usado no MacBook Air: a Apple usa um chip intel produzido em 65 nanômetros.

A plataforma Centrino Atom era conhecida anteriormente pelo codinome Menlow. Fazem parte dela o processador Atom, um chip de baixo consumo integrado para vídeo, dispositivo wireless e projetos de produtos “finos e leves”, segundo a Intel.

A fabricante não informou preços ou prazo de chegada ao mercado de produtos baseados nas novas tecnologias. No vídeo abaixo, em inglês, Anand Chandrasekher, vice-presidente sênior do grupo de ultramobilidade da Intel, mostra o novo chip Atom em imagens fornecidas pela fabricante – é realmente muito pequeno.

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin

  • cleverson hwnrique

    muito legal, gostaria de saber mais sobre o ATOM, e tbm sobre a PLACA-MÃE, que se pode colocalo.

    materia muito interesante ja que AMODA ´são os compaquitos.

    PS.: Parabens para o colunista

  • Pingback: ARM completa 20 anos | zumo()