Números enormes: Google Chromecast 2 no Brasil

N

Da série “gadgets que amamos”, a nova geração do Google Chromecast começa a ser vendida hoje no Brasil, por um preço sugerido bem acima do valor original.

Chromecast: preço

Explico: o Chromecast, pra quem não foi apresentado, é um dispositivo minúsculo que se conecta ao seu televisor pela porta HDMI e a transforma em uma Smart TV. Pra ver YouTube e Netflix, é perfeito.

Lá fora, custa US$ 35 (numa conversão livre, sem contar impostos, em torno de R$ 123). Aqui, importado, vai custar (argh) R$ 399. Culpe impostos, dólar e seu vilão favorito na indústria de eletrônicos.

O que tem de novo no Chromecast 2? Esse visual de ioiô (adeus, cara de pen drive!) e compatibilidade com redes Wi-Fi padrão 802.11ac, com três antenas internas. De resto, é o mesmo dispositivo que espelha seu navegador Chrome para a TV e permite rodar apps e jogos.

what-is-chromecast

Chromecast Audio

Além do Chromecast novo, o Google traz também – pelo mesmo preço sugerido de R$ 399 – o Chromecast Audio. Ele faz a mesma coisa que o Chromecast, só que para músicas: transforma seu aparelho de som desconectado (com uma entrada auxiliar RCA, óptica ou 3,5 mm) em algo conectado a serviços de música (Spotify, Deezer, Google Music, Tunein Radio etc.) ou aos velhos MP3 no seu computador (Mac, PC) ou smartphone (Android ou iPhone).

audio

Os novos Chromecast estarão à venda no e-commerce brasileiro (Casas Bahia, Ponto Frio, Submarino, Extra, Fnac, Walmart e Americanas.com). Vale notar que, como ocorre com os Dell Alienware, dá para encontrar ofertas de importadores independentes nesses mesmos sites, com preços bem menores que o oficial.

Chromecast: a lógica do preço

OK, R$ 399 é um preço salgado para um pedaço de plástico que se conecta à internet para fazer streaming.

Porém, fazendo umas contas aqui, o valor faz sentido:

Screen Shot 2016-04-26 at 15.50.06

Montamos a planilha com o valor FOB (free on board, ou preço de importação) de US$ 35. Em cima desse valor incidem frete (10%) e imposto de importação (100% sobre o valor FOB+frete). Então convertemos esse número para reais com o dólar a R$ 3,60, adicionamos em cascata 8% de distribuição, 30% de varejo e mais 18% de ICMS.

Vale notar que não sabemos a alíquota real do imposto de importação que incide sobre o Chromecast, que pode variar entre 70% e 100%, dependendo do produto importado. Aplicamos a alíquota máxima de 100% por conta disso.

Com o preço FOB de US$ 35 e alíquota de 100%, o valor final em reais seria de R$ 459,24. Entretanto, o Google (e os varejistas) nos EUA têm sua margem de lucro, e não faz sentido importar um produto com preço cheio.

Brincando com a mesma planilha, chegamos ao valor mágico de US$ 30,40 FOB (cerca de US$ 5 de lucro, o que é excelente para um produto de grande volume como o Chromecast).

E, então, faz sentido o valor de R$ 399 para o produto no Brasil. Triste, mas real.

[Chromecast]

Sobre o autor

Henrique Martin

Henrique Martin é o fundador do ZTOP+ZUMO e da newsletter de tecnologia Interfaces. Já escreveu na PC World, PC Magazine, O Estado de São Paulo, Folha de S. Paulo e criou o ZTOP+ZUMO em 2007, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC.

RSS Podcast SEM FILTRO




+novos