ZTOP+ZUMO

CEATEC 2010: A tela sensivel a gestos da Hitachi

CEATEC 2010 — A Hitachi demonstrou em seu stand na feira uma curiosa mesa digital cujas imagens reagem aos gestos dos usuários.

Esse sistema é formado por um projetor montado por baixo da mesa que projeta suas imagens para uma tela semi transparente e o movimento das mã0s são monitorados por um sensor infravermelho e uma câmera montada logo acima da mesa.

Para mim, a grande sacada dessa solução está na simplicidade da sua concepção que dispensa o uso de soluções mais conhecidas como telas LCDs com superfície sensível ao toque, cujo custo pode aumentar — e muito — a medida que a aplicação precise de telas cada vez maiores, o que não ocorre com o uso de um projetor. Vale a pena observar que a projeção de uma tela tão grande à uma distância tão curta só é possivel graças a engenhosa tecnologia da Hitachi que utiliza um espelho de geometria complexa que distorce a imagem de um jeito que ela aparece corrigida na tela de projeção. Essa ilusão de óptica lembra vagamente aqueles anúncios que vemos ao lado das traves do gol nos jogos de jogos de futebol na TV. (Já chegamos a testar um desses projetores aqui no Zumo).

A desvantagem nesse caso é que essa interface não nos pareceu ser muito precisa ao ponto de permitir, por exemplo, escrever algo na tela com o dedo.

De qualquer modo essa solução me parece ser muito interessante para ser usada como terminal de consulta de informações, guia visual ou mesmo como um outdoor interativo onde o usuário poderia interagir com uma peça publicitária.

Mais do que falar é ver esse negócio funcinando:

(Link do vídeo)

Desde o século passado Mario Nagano analisa produtos e já escreveu sobre hardware e tecnologia para veículos como PC Magazine, IDGNow!, Veja e PC World. Em 2007 ele fundou o Zumo junto com o Henrique assumindo o cargo de Segundo em Comando, Editor de Testes e Consigliere.

  • ti-luca 13/10/2010, 18:40

    Minority Report? Senhoras e senhores! Chegamos.

  • Marco 14/10/2010, 17:00

    E principalmente é higiênico, qualquer teclado de uso publico não é muito melhor que papel higiênico.