ZTOP+ZUMO 10 anos!

Bing cresce um pouquinho nos Estados Unidos

msbing

Da série números nada enormes, o pessoal da StatCounter divulgou hoje resultados do seu levantamento mensal sobre o uso de buscadores na web. O Bing, da Microsoft, cresceu um ponto percentual em relação ao mês anterior, atingindo 8,23% de mercado em junho no mercado norte-americano.

Desse modo, o Bing continua atrás do Yahoo! (11,04%) e bem longe do Google (78,48%). Curiosamente, o Google caiu um pouco em junho – tinha 79,07% de mercado em abril.Claro que o Bing é um recém-nascido, vale o registro para ver o que vai acontecer com ele no futuro – ou não.

Em números globais, o cenário não é melhor para a Microsoft: 3,30% de mercado para o Bing, 5,15% para o Yahoo e 89,80% para o Google. Veja o gráfico:

statcounter_grafico

No site de estatísticas do StatCounter, fiz um levantamento de buscadores entre maio e junho para o Brasil:

stat_brasil

(ou 97,22% de mercado para o Google, 1,57% para o Yahoo! e 0,57% para o Bing). Isso vale até uma observação curiosa: com a pressão de órgãos reguladores na Europa e nos EUA e a posição mais “aberta” da Microsoft, Redmond não pode “apelar” para tornar o Bing o buscador padrão do Windows 7 e crescer rápido…

Henrique Martin já escreveu na PC World, PC Mag, Folha de S. Paulo e criou o Zumo em 2007. Em 2011, o Zumo se transformou no ZTOP, referência em conteúdo original sobre tecnologia em um mundo pós-PC. Siga-o no Twitter: @henriquemartin